A1_03

Report
Retificadores com Filtros
Retificadores estudados
Para diminuir o ripple
ripple é muito elevado
Filtragem (FPB)
Filtros podem ser construídos com capacitores e/ou indutores
Retificador de Meia onda com Filtro Capacitivo
Capacitor
de filtro
R.C <<<<< RL.C
R resistências direta do diodo + resistência do enrolamento do secundário
A frequencia da ondulação é 60Hz
A filtragem é melhor se a frequencia da ondulação for alta Por isso circuitos de onda
completa são melhores póis a frequencia da ondulação é 120Hz
Retificador de Onda Completa com Filtro Capacitivo
C se carrega quando um dos diodos (D1 ou D2) conduz durante o intervalo
de tempo T2
Descarrega através de RL durante o intervalo T1
Simplificação: A tensão de ripple é aproximadamente triangular
Carga adquirida no intervalo de tempo T2 é igual a quantidade de carga
perdida no intervalo T1
A quantidade de carga adquirida = Vrpp x C,
A quantidade de carga perdida = ICC x T1
Simplificação:
Vrpp
Conclusão:
T
1
T1  
2 2.f
VCC 1

.
C.RL 2. f
O ripple pode ser diminuído se C ou RL aumentarem
Como a corrente consumida, RL, é fixa, então..........................................
Problema de aumentar C
Meia Onda
e C=200uF
Meia Onda
e C=100uF
O pico da corrente na carga é mais que o dobro, quando C dobra de valor
Onda Completa e C=200uF
Onda Completa e C=100uF
Circuitos Grampeadores
São circuitos que adicionam um nível CC a uma tensão alternada, são
também chamados de restauradores de nível CC
Grampeador Negativo sem Polarização
É adicionado um valor médio de aproximadamente –Vp à senoide.
O capacitor se carrega até Vp – 0,7V ou Vp se Vp>>> 0,7V
Forma de Onda da Tensão na Carga
Grampeador Positivo sem Polarização
É adicionado um valor médio de aproximadamente Vp à senoide.
Grampeador Negativo com Polarização
Se for colocado uma bateria em serie com o diodo o circuito passa a ser
polarizado deslocando para cima ou para baixo, dependendo da polaridade
da bateria,a senoide
Multiplicadores de Tensão
São circuitos que permitem que sejam obtidas tensões CC múltiplos da tensão
de pico de entrada (Vep).
Dobrador de tensão
Por exemplo: Vp=20V e considerando a queda de tensão nos diodo.
C1 se carrega com 19,3V e portanto a tensão no ponto A será:
VA= ve + 19,3V = 20senw.t +19,3
C2 se carregará com 20 + 19,3 - 0,7=38,4V
Triplicador
C1 se carrega com aproximadamente Vp através de D1
C2 se carrega com aproximadamente 2.Vp através de D2
C3 se carrega com aproximadamente Vp através de D3
A tensão Vs será aproximadamente 3.Vp
Limitadores
São circuitos usados para limitar a tensão entre dois limites
protegendo o circuito de excessos de tensão
Se Ve for maior que -0,7V D não conduz e Vs=Ve
Se Ve for menor que – 0,7V D conduz e a saída fica limitada em -0,7V
curva característica de transferência
É o gráfico que relaciona a saída com a entrada - VSxVe
Desenhar a característica de transferência do circuito
Se ve > 4,7V D conduz e a saída fica limitada em
Se ve < 4,7V D não conduz e a Vs=Ve
Ve=10Vp senoidal, desenhe o gráfico da tensão na saída
Exercício
Para o circuito pedem-se: a) desenhe a curva de transferência (VSxVe) b )
desenhar a tensão na saída se a entrada for senoidal e de 10Vpico.
Solução: a) Existem dois pontos de transição. O primeiro é em 2,3V e o segundo
é 6,7V. Se a entrada for menor do que 2,3V o diodo D1 conduz e o diodo D2 corta,
a saída será igual a 2,3V. Se Ve>2,3V e Vê< 6,7V os dois diodos estarão cortado,
a saída será igual à entrada. Se Vê for maior do que 6,7V conduz D2, D1 corta e
saída será igual a 6,7V.
Diodo Emissor de Luz (LED)
O diodo emissor de luz ou LED (Light-Emitting Diode) é essencialmente
uma junção PN na qual existe uma abertura pela qual é emitida
radiação luminosa quando a junção é polarizada diretamente
A cor da radiação depende dos materiais usados:
A polarização: consiste basicamente em estabelecer uma corrente, pois
a luminosidade depende da intensidade da corrente
O problema: tensão no LED pode variar de 1,5V a 2V para
Circuito de Polarização
Calcular R para que o LED acenda com
20mA. Adotar VLED=2V

similar documents