AdBlue - Afeevas

Report
Evento Afeevas de Tecnologia
Worldwide Experience
with AdBlue (ARLA32)
Daniel Hubner
Yara - April 4, 2011
O que é o AdBlue (DEF ou ARLA 32 )?
ARLA 32:
•É uma solução aquosa de uréia técnica ultra-pura:
•Não é tóxica
•Não é explosiva
•Não é nociva ao meio ambiente
•Está classificada na categoria dos fluidos
transportáveis de
baixo risco
Regulamentação:
•Instrução Normativa do IBAMA nº 23, de 11.07.2009
Função:
•Reduzir quimicamente as emissões de NOx dos
veículos equipados com motores diesel
•Dados:
•Fórmula: (NH2)2CO
•Também é conhecido como AdBlue, DEF (Diesel
Exhaust Fluid) e AUS 32 (Aqueous Urea Solution)
Normalização para o AdBlue
•ISO 22241-1 Requerimentos de qualidade do AdBlue
•ISO 22241-2 Testes de qualidade do AdBlue
•ISO 22241-3 Manuseio, transporte e estocagem do AdBlue
•ISO 22241-4 Interfaces para abastecimento com AdBlue
Especificação ISO 2224
Urea
Alkalinity as NH3
Biuret
Insoluble
Aldehyde
Phosphate (PO4 )
Calcium
Iron
Copper
Zinc
Chromium
Nickel
Aluminium
Magnesium
Sodium
Potassium
Density at 20 °C
Breaking index at 20 °C
31,8 - 33,2 w/w %
< 0,2 %
< 0,3 %
< 20 ppm
< 5 ppm
< 0,5 ppm
< 0,5 ppm
< 0,5 ppm
< 0,2 ppm
< 0,2 ppm
< 0,2 ppm
< 0,2 ppm
< 0,5 ppm
< 0,5 ppm
< 0,5 ppm
< 0,5 ppm
1,0870 - 1,0930 g/cm3
1,3814 - 1,3843
SCR - (Selective Catalytic Reduction)
Como funciona?
AdBlue
(NH2)2CO
Compatibilidade de Materiais
Suitable materials
Unsuitable materials
•
High-alloyed austenitic
•
Copper
Cr-Ni- and Cr-Ni-Mo-steel
according DIN EN 10088-1 to -3
•
Copper-containing alloys
•
Unalloyed steel
•
Magnesium
•
Magnesium-containing alloys
•
Galvanised steel
•
Zinc-containing alloys
•
Aluminium
•
Aluminium-containing alloys
•
Ttanium
•
HD poly ethylene (HDPE)
•
HD poly propylene (HDPP)
•
Poly fluor ethylene (PFE)
•
Poly vinylidene di fluoride (PVDF)
•
Poly perfluoro alkoxy (PFA)
•
Poly iso butylene
•
Viton
Armazenagem e Movimentação

Use apenas materiais compatíveis
Novos materiais (por exemplo, tanques de armazenamento, tanques de
transporte, linhas de transporte, etc) precisam ser limpos (não use
detergentes) e lavadas com água desmineralizada antes do primeiro uso.
Uma amostra da água precisa ser testada para garantir que ele está
limpo.

Não armazene ao sol direto

Manter os recipientes bem fechados para evitar contaminação

Não utilize recipientes (ex. galões) que tenham sido utilizados para o
armazenamento de outras produtos para armazenar AdBlue. Vários
exemplos de sistemas danificados SCR em caminhões foram relatadas
devido à contaminação com lubrificantes e diesel a partir da reutilização
de embalagens velhas
Armazenagem e Movimentação

Temperatura ideal de armazenagem
até 30 oC (para manter validade)

Temperatura mínima de armazenagem
–11 oC (para evitar congelamento)

Temperaturas elevadas não afetam imediatamente a qualidade do produto
– Devido ao aumento da hidrólise em amônia e CO2, o teor de ureia do produto pode
diminuir, e o conteúdo de amônia pode aumentar, fazendo com que o produto fique
fora de especificação.
– O prazo de validade diminui se quanto maior a temperatura de armazenagem

Congelamento (e descongelamento) não afetam a qualidade do produto

Prazo de validade é de 1 ano se armazenado até no máx .30 oC
ARLA/AdBlue/DEF: um fenômeno global
Europe (AdBlue)
North America (DEF)
Potential
: 3800 kT solution in 2012 (ACEA)
Potential
: 2000 kT solution in 2015
Start
: 2006
Start
: 2010 Trucks
China (AdBlue?)
Potential
: ?? kT solution
Start
: 2010 in largest
cities
Colombia
Start
: 2010
Brazil (ARLA-32)
Potential
: 2,000 kT solution in 2022
Start
: 2012
Japan
Potential : 300-700 kT solution
Started
: 2005
Argentina (?)
Potential
: ? kT solution in 2022
Start
: 2012
Australia & NZ (AdBlue)
Source: ACEA, Integer, Yara
Potential
: 100-200 kT solution
Start
: 2008
Evolução das vendas de caminhões na Europa
Evolução do consumo de AdBlue na Europa

O mercado AdBlue cresce rapidamente
– 2005: Primeiras vendas no mercado
< 10.000 ton mercado total
– 2008: depois de 3 anos
~1.000.000t mercado total
– 2009: Crescimento limitado pela crise –
1.330.000t mercado total

Acompanhar o vigoroso crescimento do
mercado tem sido o maior desafio para todos
os players

Fortes investimentos na produção,
armazenagem e no canal de distribuição para
garantir a segurança de abastecimento

Estruturar a distribuição para garantir a
disponibilidade em todo o Brasil será um
desafio, mas pode ser feito.

O uso de Sensor de Nox & OBD

Disponibilidade de Diesel com baixo teor de S
Crescimento da demanda AdBlue
Efeito da
crise
2004
2005
2006
2007
2008
2009
Sistema de suprimento na Europa
Air1 Produção e Terminais
Quadrados amarelos: Plantas da Yara
Sluiskil, Holanda
Brunsbüttel, Alemanha
Ferrara, Italia
Le Havre, França
Quadrados laranjas: Planta de 3s
Alemanha
Austria
Polonia
Triângulos verdes: Plantas de
dissolução
Harjavalta, Finlandia
Silla, Espanha
Círculos Verdes: Terminais
Menstad, Noruega
Immingham, UK
Dagenham, UK
Bilbao, Espanha
Hamm, Alemanha
Círculos vermelhos: Previsão de novos
terminais
Landskrona, Suécia
Sistema de suprimento nos EUA
Garantir a disponibilidade é o grande desafio
Cooperação entre todos os participantes do mercado é fundamental:
1. Legislação clara (qualidade, OBD, fiscalização, tributação)
2. Participação das OEMs
Rede de concessionárias (alternativa para os primeiros usuários SCR)
3. Participação das empresas de combustível
ARLA disponível em pequenas embalagens nos postos de combustível
(“emergência”)
4. Vendas diretas para usuários finais
IBC nas garagens das transportadoras
Produto Granel
5. Participação dos distribuidores de combustíveis
IBC nas garagens das transportadoras
Produto Granel
6. Desenvolver rede de vendas nas estradas (OTR)
Produto Granel nos postos de combustíveis
Evolução da Distribuição AdBlue
Maio 2006
Principais
Rodovias
AdBlue pumps
AdBlue cans
Junho 2007
Março 2008
AdBlue está disponível em 3.300 pontos de combustível (abr 2010)
Diversas opções de embalagens
Embalagens dedicadas e com material apropriado
• Galões de 10 e 20 litros
• Bombonas de 200 litros
• IBC’s de 1000 litros com
sistema de abastecimento
• Granel incluindo
instalações para
armazenamento e
abastecimento
Galão de 10 litros Air1®

Galão de 10 litros com funil para facilitar o abastecimento
Bombona de 200 litros Air1®

Diferentes tipos de equipamentos
abastecimento
IBC de 1000 litros Air1®

Sistema completo de abastecimento
pronto para uso
Tanques de armazenagem Air1®

Diversos tamanhos e opões (3 – 10.000L)
Instalação em posto de combustível
Tanque de armazenamento com sistema de abastecimento (integrado
ou separado. Simples ou dos dois lados)
Diferentes soluções
Distribuição a Granel em Postos de Abastecimento
Distribuição a
Granel em Postos
de Abastecimento
Air1 Granel para Cliente final
Tanques de armazenagem de Air1 Sluiskil - Holanda
Fornecimento Air1 Granel Cliente - França
Abastecimento Air1
Abastecimento Air1
Vários riscos de contaminação na distribuição
Air1
production
Plant & Storage
X
Possible Contamination Risk
X
Land
Transport
X
Filling of IBC,
Drums & Cans
Intermediate
Storage
Road
Transport
Customer
X
X
Transport
Truck
Rail
Ship
X
Land
Transport
Storage
Terminal
X
Road
Transport
Road
Transport
X
X
Storage at X
Customer
site

похожие документы