Laênio Loche

Report
O DESENVOLVIMENTO DO PENSAMENTO
CRÍTICO EM EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA
Argumentação, Fatores Subjetivos e Interativos
Laênio Loche
Psicólogo
Laênio Loche
DEFINIÇÃO
O pensamento crítico é a competência cognitiva de
decidir racionalmente sobre quais ideias, informações
ou argumentos devam ser total ou parcialmente
admitidos, rejeitados ou não julgáveis.
O pensamento crítico, ao visar a veracidade das
informações, permite à pessoa pensar por si mesma.
Laênio Loche
SELBSTDENKEN
Hannah Arendt
Laênio Loche
COMPONENTES
DO PENSAMENTO CRÍTICO
Habilidades Cognitivas Básicas:
Analisar, Comparar,
Classificar, Avaliar,
Descrever, Sintetizar,
Definir, Exemplificar
Explicar e Interpretar.
Competências Cognitivas Avançadas:
Argumentar.
Análise Argumentativa.
Avaliação Argumentativa.
Laênio Loche
ARGUMENTAÇÃO
NA EDUCAÇÃO
Por que argumentar é importante para a vida?
1. Porque a vida em sociedade exige constantemente:
 a defesa de pontos de vista pessoais e
 a apreciação de pontos de vista alheios.
2. Resolução não violenta de conflitos.
Laênio Loche
ARGUMENTAÇÃO
NA
EDUCAÇÃO
Qual o papel da argumentação na Educação?
Como sintetiza Selma Leitão:
1. Aprender a argumentar.
2. Aprender ao argumentar.
Laênio Loche
APRENDER AO ARGUMENTAR
A aprendizagem através da argumentação ocorre
através da revisão de pontos de vista sobre um objeto
ou realidade, devido
Confronto: ao confronto entre o argumento defendido
e o contra-argumento apresentado (questionamentos,
críticas, objeções, refutações)
e
Resposta: a exigência de resposta à objeção, levando o
indivíduo a pensar, além das justificativas, sobre os
limites e sustentabilidade das
afirmações/conhecimentos que possui.
Laênio Loche
PROCESSO
DA
APRENDIZAGEM
Selma Leitão descreve o seguinte processo:
Argumento
Contra-argumento
Resposta
Laênio Loche
PROCESSO
DA
APRENDIZAGEM
Resposta
Reafirmação do
ponto de vista inicial
Modificação parcial ou
total do ponto de vista
Rejeição imediata do
contra-argumento
Aceitação parcial contraarg /revisão parcial p. vista
Novos elementos
fortalecem a posição i.
Aceitação integral contraarg / revisão total p. vista
Laênio Loche
APRENDER
A ARGUMENTAR
Competências Cognitivas Avançadas:
Argumentar.
Análise Argumentativa.
Avaliação Argumentativa.
Laênio Loche
ARGUMENTAR
Laênio Loche
ARGUMENTAR – DEFINIÇÃO
Argumentar é a habilidade cognitiva de defender
ideias, opiniões ou posicionamentos, a partir da
apresentação de conjunto de fatos, ideias, princípios
e/ou razões lógicas.
Laênio Loche
TAXOLOGIA ARGUMENTATIVA
Critério Inferencial
Argumento dedutivo.
Argumento indutivo.
Argumento abdutivo.
Laênio Loche
TAXOLOGIA ARGUMENTATIVA
Critério Inferencial: Argumento Dedutivo.
Todo nordestino é brasileiro.
Anderson é nordestino.
Qual a nacionalidade de Anderson?
Relação necessária entre premissas e conclusão.
Laênio Loche
TAXOLOGIA ARGUMENTATIVA
Critério Inferencial: Argumento Indutivo.
O ferro conduz eletricidade. O ferro é metal.
O ouro conduz eletricidade. O ouro é metal.
O cobre conduz eletricidade.O cobre é metal.
Os metais conduzem eletricidade?
Relação provável entre premissas e conclusão.
Há generalização de dados particulares para conceitos
ou princípios gerais ou para outros casos particulares.
Laênio Loche
TAXOLOGIA ARGUMENTATIVA
Critério Inferencial: Argumento Abdutivo.
Ao visitar o Rio Grande do Sul você encontra pegadas de
um equino. Você conclui que as pegadas pertencem a:
ou
A abdução é uma inferência a favor da melhor explicação.
Laênio Loche
ARGUMENTAR – PROCEDIMENTO
Afirme
Justifique
Fundamente
Delimite
Laênio Loche
EXEMPLO
DE
EXERCÍCIO
TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO EM ADMINISTRAÇÃO
 Elaborado por Cecília Oderich, Mestre Administração com ênfase em
Recursos Humanos.
No Trabalho de Conclusão de Curso, o capítulo 9 deve apresentar as
Propostas ou Recomendações do autor-consultor à empresa, tendo por
base as etapas de levantamento de dados e análise dos resultados de pesquisa previamente realizadas.
Para desenvolver este capítulo:
1. apresente, por ordem de prioridade, todas as proposições ou recomendações que você propõe à empresa;
2. justifique e fundamente cada proposição ou recomendação, evidenciando as razões e motivos para aceitação, deixando claro o embasamento na análise da pesquisa;
3. se for o caso, delimite cada proposição ou recomendação, demonstrando as ressalvas necessárias.
Laênio Loche
ENADE 2010 – NUTRIÇÃO – QUESTÃO 40 (discursiva)
Uma cidade de porte médio, com 200 mil habitantes, implantou um
restaurante popular (RP) no maior bairro do município, onde vivem 50
mil pessoas das classes D e E. Os usuários do RP são trabalhadores da
agroindústria, da construção civil e do comércio das imediações.
Considerando que os RPs são equipamentos públicos de promoção da
segurança alimentar e nutricional (SAN), é dever do nutricionista
responsável pelo restaurante aplicar a abordagem da SAN em suas
várias dimensões, com vistas à promoção da saúde de usuários e
funcionários do serviço, na perspectiva da integralidade da assistência,
envolvendo os diferentes níveis de complexidade do sistema de saúde.
Considerando essa situação, faça o que se pede nos itens a seguir.
Laênio Loche
a) Identifique duas ações, uma de vigilância alimentar e
nutricional e outra de educação alimentar e nutricional, a
serem desenvolvidas de forma articulada pelo nutricionista.
Descreva as ações, a articulação entre elas e o público
envolvido. Justifique a importância dessas ações; (valor: 5,0
pontos)
b) Identifique duas ações de promoção da SAN a serem
desenvolvidas pelo nutricionista, ressaltando sua articulação
com o Sistema Único de Saúde (SUS) e o público envolvido.
Justifique a importância dessas ações. (valor: 5,0 pontos)
Laênio Loche
ENADE 2009 – COMUNICAÇÃO SOCIAL / RADIALISMO – QUESTÃO 38
(discursiva)
A associação comunitária de um bairro industrial obteve uma
freqüência comunitária. Convocou, então, os moradores, que, na
programação, previram a transmissão de jogos de futebol do bairro e
entrevistas com artistas que nele se apresentassem. Com o tempo, a
rádio agregou potência que ultrapassou o raio de sua abrangência e
também passou a veicular propaganda comercial de uma empresa
estrangeira de grande porte. O Dentel agiu contra a rádio.
1. Apresente dois argumentos que fundamentam a ação do Dentel.
(valor 5 pontos)
2. Apresente duas atividades que essa rádio pode, legalmente,
realizar em sua programação. (valor 5 pontos)
Laênio Loche
ANÁLISE ARGUMENTATIVA
Laênio Loche
ANÁLISE ARGUMENTATIVA – DEFINIÇÃO
Análise Argumentativa é a habilidade cognitiva de,
em processos comunicativos (debates, discursos,
textos), extrair os argumentos explícitos e implícitos, e
decompô-los em elementos básicos (conclusão e
premissas).
Laênio Loche
IDENTIFIQUE
OS ELEMENTOS IMPLÍCITOS
“Esse restaurante é muito bom, mas é caro.”
Quem fala é a favor ou contra jantar neste restaurante?
“Esse restaurante é caro, mas é muito bom.”
Quem fala é a favor ou contra jantar neste restaurante?
Laênio Loche
PROC: MAPA ARGUMENTATIVO.
Laênio Loche
GESTÃO DE PESSOAS – ALÉM DO SUCEDÂNEO DA MOTIVAÇÃO
 Elaborado por Cecília Oderich, Mestre Administração com ênfase em RH.
Apesar de antigo, o texto Além do Sucedâneo da Motivação, de Burkard Sievers é bastante atual nos debates sobre motivação e o sentido do trabalho. Faça uma
análise dos argumentos apresentados pelo autor, procurando colocar seu raciocínio
crítico tanto sobre as ideias apresentadas no texto quanto sobre as idéias pré-concebidas que você tem sobre o tema.
Análise esperada (Resolução):
Seria a motivação um substituto para o sentido do trabalho? O artigo exprime a
preocupação do autor com os rumos que as teorias da motivação vêm tomando, reduzindo os homens e as organizações "a simples decorrências já determinadas".
Principais argumentos apresentados:
1. O contexto da motivação é limitado a uma microperspectiva e favorece
explicações causais.
2. As teorias motivacionais reduzem a complexidade da realidade social à
preocupação única de satisfação e eficácia.
Laênio Loche
ENADE 2006 – FORMAÇÃO GERAL – QUESTÃO 09
(discursiva)
Sobre a implantação de “políticas afirmativas”
relacionadas à adoção de “sistemas de cotas” por meio
de Projetos de Lei em tramitação no Congresso
Nacional, leia os dois textos a seguir.
Laênio Loche
Texto I
“Representantes do Movimento Negro Socialista entregaram
ontem no Congresso um manifesto contra a votação dos
projetos que propõem o estabelecimento de cotas para
negros em Universidades Federais e a criação do Estatuto de
Igualdade Racial.
As duas propostas estão prontas para serem votadas na
Câmara, mas o movimento quer que os projetos sejam
retirados da pauta. (...) Entre os integrantes do movimento
estava a professora titular de Antropologia da Universidade
Federal do Rio de Janeiro, Yvonne Maggie. ‘É preciso fazer o
debate. Por isso ter vindo aqui já foi um avanço’, disse.”
(Folha de S.Paulo – Cotidiano, 30 jun. 2006 com adaptação.)
Laênio Loche
Texto II
“Desde a última quinta-feira, quando um grupo de intelectuais
entregou ao Congresso Nacional um manifesto contrário à
adoção de cotas raciais no Brasil, a polêmica foi reacesa. (...) O
diretor executivo da Educação e Cidadania de
Afrodescendentes e Carentes (Educafro), frei David Raimundo
dos Santos, acredita que hoje o quadro do país é injusto com
os negros e defende a adoção do sistema de cotas.”
(Agência Estado-Brasil, 03 jul. 2006.)
Laênio Loche
Ampliando ainda mais o debate sobre todas essas políticas
afirmativas, há também os que adotam a posição de que o
critério para cotas nas Universidades Públicas não deva ser
restritivo, mas que considere também a condição social dos
candidatos ao ingresso.
Analisando a polêmica sobre o sistema de cotas “raciais”,
identifique, no atual debate social,
a) um argumento coerente utilizado por aqueles que o
criticam; (valor: 5,0 pontos)
b) um argumento coerente utilizado por aqueles que o
defendem. (valor: 5,0 pontos)
Laênio Loche
AVALIAÇÃO ARGUMENTATIVA
Laênio Loche
ACEITAÇÃO DO ARGUMENTO
O que faz com que o argumento seja aceito?
Todo homem é mortal.
Sérgio Vieira de Melo é homem.
Logo, Sérgio Vieira de Melo é brasileiro.
1. Consequencialidade. A consequencialidade refere-se
à relação entre a conclusão e as premissas, na qual a
conclusão é derivada das premissas.
Laênio Loche
ACEITAÇÃO DO ARGUMENTO
O que faz com que o argumento seja aceito?
Todo cachorro tem asas.
Bob é um cachorro.
Logo, Bob tem asas.
2. Veracidade. A veracidade refere-se à qualidade da
correspondência entre as afirmações (premissas) e a
realidade.
Laênio Loche
EXERCÍCIO – GESTÃO
DE
PESSOAS
 Elaborado por Sandra Tornieri, Mestranda em Administração com ênfase em
Estratégias Organizacionais.
A partir da afirmação de Rhinow (2001: p.02) “O discurso predominante nas
organizações sobre o aprimoramento da gestão de pessoas está relacionado com a
obtenção de diferenciais competitivos.“ responda:
1. Com base em quais fatos da atualidade o autor se orientou para fazer tal
afirmação?
2. Você concorda com a afirmação? Justifique.
3. A partir da leitura do artigo “Inovando e competindo por meio da Gestão de
Pessoas” aponte as ideias divergentes ou as que você não está de acordo e justifique o
motivo para cada uma delas.
Texto de referência: RHINOW, Guilherme. Inovando e Competindo por meio
da Gestão de Pessoas. RAE Ligth, v. 8, N. 1, p. 2-7. Jan./Mar. 2001.
Laênio Loche
EXERCÍCIO – DOENÇAS DO TRABALHO
 Elaborado por Sandra Tornieri, Mestranda em Administração com ênfase
em Estratégias Organizacionais.
A partir da afirmação: “as doenças psicossomáticas ocorrem
principalmente em indivíduos com resistência baixa às pressões do trabalho”.
1. Existem evidências contrárias a esta afirmação?
2. Que outros motivos podem levar aos indivíduos a apresentarem doenças
psicossomáticas?
3. Qual o referencial teórico ou as fontes de pesquisa que comprovam tal
afirmação?
Texto de apoio: FELIX, Lola – Agência Estado; Doenças psicossomáticas
do trabalho; Publicado em 16 de maio de 2007.
Laênio Loche
ENADE 2009 – ADMINISTRAÇÃO – QUESTÃO 19
Leia o trecho:
Dois membros do comitê de gestão dos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro,
discordam quanto ao local onde devem ser realizadas as provas de remo. Pode-se
afirmar que o conflito entre esses dois membros será prejudicial para o desempenho do
comitê.
PORQUE
O conflito não é possível de ser administrado, uma vez que resulta da incompatibilidade
interpessoal ou de relacionamento entre dois ou mais membros de um grupo.
A respeito dessas duas afirmações, é CORRETO afirmar que
A) as duas afirmações são verdadeiras, e a segunda não justifica a primeira.
B) as duas afirmações são verdadeiras, e a segunda justifica a primeira.
C) a primeira afirmação é verdadeira, e a segunda é falsa.
D) a primeira afirmação é falsa, e a segunda é verdadeira.
E) as duas afirmações são falsas.
Resposta: E
Laênio Loche
ESTUDO DE CASO
Laênio Loche
DELIMITAÇÃO
Interação
Debate
EaD
Fóruns
Laênio Loche
PROBLEMA
Quais fatores de ordem subjetiva e interativa,
presentes nas práticas interativas estabelecidas
a distância, influenciam o desenvolvimento do
pensamento crítico em fóruns de discussão?
Laênio Loche
PARTICIPANTES
Os sujeitos selecionados foram alunos de uma
turma do curso Didática do Pensamento Crítico 2 –
Habilidades Específicas, ocorrida no primeiro semestre
de 2011, cujo perfil era de professores universitários
(mestres, doutores), treinadores organizacionais,
pedagogos, psicólogos e outros profissionais envolvidos
com a educação de maneira geral, perfazendo um total
de 19 participantes.
Laênio Loche
METODOLOGIA
Para analisar as práticas interativas, foram
utilizados os pressupostos da análise de
conteúdo aplicada às mensagens postadas nos
fóruns de discussão.
Laênio Loche
RESULTADOS
I. Fenômenos cognitivos
II. Fenômenos afetivos
III. Fenômenos grupais
Laênio Loche
RESULTADOS
I. Fenômenos cognitivos:
1. Preconceitos.
2. Distorções cognitivas.
3. Resistência.
4. Procedimentos.
Laênio Loche
RESULTADOS
I. Fenômenos cognitivos:
1. Preconceitos. A manifestação de preconceitos a partir
da assunção de suposições arbitrárias, sem
fundamentos.
MN. O argumento de que a tortura do terrorista (e aqui está
se falando do fundamentalista religioso) pode evitar a
morte de muitos é questionável. 1.O terrorista
fundamentalista religioso se baseia na existência de
uma guerra santa, onde a figura do inimigo perverso é
explorada pelos líderes religiosos para fomentar e
formar mais seguidores santos, para nós, "terroristas".
Laênio Loche
RESULTADOS
S.F. MN, concordo com você sobre o que você falou
sobre o fundamentalismo religioso, torturá-lo não
iria adiantar.
J.A. falando em guerra santa, a Jihad é algo que
também afronta de forma ostensiva outro valor
ocidental: a liberdade religiosa. Quando o ocidente
se submeter às regras impostas pelos extremistas
islâmicos, estará abrindo mão da própria liberdade
que é um de seus valores essenciais.
Laênio Loche
RESULTADOS
I. Fenômenos cognitivos:
2. Distorções cognitivas. Erros sobre os
posicionamentos alheios, afirmando que a posição do
colega era uma quando ele disse o contrário; erros de
interpretação.
UC. Por uma simples questão de contagem esmagadora
(MILHÃO contra UM), sou a favor da tortura nesse
caso...
Laênio Loche
RESULTADOS
V.A. Parece que M.A. já concordou com o uso da tortura
(restou apenas a dúvida sobre o método). S.F. já se
convenceu de torturar o sujeito.
M.A. Não concordei com a tortura não.
L.S. Surge-me uma nova indagação: O Setor de
Inteligência dos EUA (CIA) é bem complexo e com
possibilidades inúmeras de atuar em diferentes frentes.
Penso também, será que uma questão torturante como
a nossa já não está prescrita em como ser resolvida
pela CIA?
Laênio Loche
RESULTADOS
I. Fenômenos cognitivos:
3. Resistência. Recusa declarada de analisar
argumentos por serem contrários às próprias
opiniões.
4. Procedimentos. Falhas procedimentais no exercício
das 3 habilidades de argumentar, análise
argumentativa e avaliação argumentativa.
Laênio Loche
RESULTADOS
II. Fenômenos afetivos:
1. Surpresa.
2. Titubeio (insegurança).
3. Entusiasmo.
4. Frustração.
5. Reanimação.
6. Exacerbação.
Laênio Loche
RESULTADOS
II. Fenômenos afetivos:
1. Surpresa. Algumas pessoas manifestaram certa
surpresa diante de uma questão inusitada para a
maioria, pois fugia dos problemas comuns do
cotidiano.
2. Titubeio. Dado o caráter incomum de
determinado problema discutido e por ele envolver
valores, de início algumas participantes ficaram
hesitantes em definir uma posição, algo natural,
inferido a partir de respostas um pouco ambíguas.
Laênio Loche
RESULTADOS
LS. Continuo pensando....o mais importante é o
impedimento da tragédia.
C.B. Olá turma. Acabo de ler toda a informação
disponibilizada para esta semana. A minha
primeiríssima impressão é que para falar sobre o
dilema do terrorismo, as minhas emoções mexem e
para responder aqueles exemplos de avaliação, no
caso: Direito - questão 39, é muito fácil, é saber o
que diz a lei e explanar. Vou aprofundar.
Laênio Loche
RESULTADOS
II. Fenômenos afetivos:
3. Entusiasmo. Momentos de entusiasmo inferidos
a partir da frequência, tempo de resposta, de
manifestações espontâneas e argumentos
fundamentados a partir de pesquisas em
referências externas.
L.S. A polêmica do debate foi intensa. Tão intensa
que me dei conta que pensava na situação quando
dirigia, no momento de relax frente a TV...ou seja,
participei online e offline!!! E foi muito bom!!
Laênio Loche
RESULTADOS
II. Fenômenos afetivos:
4. Frustração. Chegou o ponto em que os
argumentos começaram a se esgotar, fato
identificável quando começaram a se repetir em
diversas mensagens, além da manifestação da
dúvida de se chegar a um consenso.
5. Reanimação. Diante de uma queda no ritmo da
discussão, alguns tomaram a iniciativa e
convocaram o grupo para focar em um
posicionamento.
Laênio Loche
RESULTADOS
II. Fenômenos afetivos:
6. Exacerbação. Ao longo de certo debate a
exacerbação de emoções identificadas na progressão
da posição moderada para a extremada.
U.C. ...Mas mesmo assim, uma brincadeira tão estúpida
dessa, se fosse mesmo brincadeira ou maluquice,
merecia um puxãozinho de orelha mesmo. Tortura sim!
Laênio Loche
RESULTADOS
III. Fenômenos Grupais:
1. Papéis. A assunção de papéis dentro do grupo.
Houve quem assumisse o papel de motivador,
estimulando o colega, e também o de líder
propondo formas de trabalhar ao grupo.
2. Conflitos. Alguns participantes sentiram-se
levemente desrespeitados a partir da forma de
refutação e cobrança efetivadas pelos colegas.
Laênio Loche
CONSIDERAÇÕES FINAIS
A partir dos achados, hipóteses podem ser
elaboradas servindo de norteadoras de futuros
estudos sobre quais são os fatores etiológicos
destes fenômenos, quais métodos didáticos melhor
desenvolvem o pensamento crítico, dentre outros.
Conforme os resultados obtidos, a pesquisa
demonstrou que os fóruns de discussão oferecem
oportunidades profícuas para o exercício e,
consequentemente, desenvolvimento do
pensamento crítico.
Laênio Loche
“Se ensinares, ensina ao mesmo tempo
a duvidar daquilo que estás a ensinar.”
Ortega y Gasset
Laênio Loche
www.hoper.com
www.livrepensamento.com.br
[email protected]
[email protected]
Facebook: Laênio Loche
Laênio Loche

similar documents