comercialização agrícola, agro-processamento, silos e

Report
REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE
MINISTÉRIO DA INDÚSTRIA E COMÉRCIO
MOÇAMBIQUE:
Acções para melhorar o acesso
aos mercados e segurança
alimentar
Apresentação a Reuniao Anual de Consulta do Programa Compras para
o Progresso (P4P)
Por Armando Inroga
Roma, Janeiro
de 2013
P4P
ESTRUTURA DA APRESENTAÇÃO
1.
2.
3.
4.
Moçambique em Destaque
Comercialização Agrícola
Agro-processamento
Acções em colaboração com
o PMA para melhorar o
acesso aos mercados e
segurança alimentar
5. Desafios nos próximos anos
P4P
MOÇAMBIQUE EM DESTAQUE:
Indicadores económicos chave
Moçambique em resumo
DEMOGRAFIA
 População
Capital
Lingua Nacional
 Cerca de 24 milhões
Maputo
Portugues
Cabo Delgado
Nassa
Zonas
Zambezia
A TERRA E O CLIMA
 Área
Terra arável
Clima
Nampula
Tete
de
produção
 800 000 km2
 36 milhões de ha
 Tropical a subtropical
Sofala
Manica
INDICADORES ECONÓMICOS CHAVE
 Moeda
PNB per capita
Crescimento anual
Contribuição da
Agricultura
Inhambane
Gaza
 Metical
 USD 410
 8%
 23%
Maputo
P4P
Zonas de deficit/
consumo
COMERCIALIZAÇÃO AGRÍCOLA: :
Importância
 A comercialização agrícola constitui uma das principais fontes
geradoras de rendimento da população nas zonas rurais, onde a
maioria vive da agricultura;
 Esta actividade constitue um factor de ligaçãos entre o camponês
e o mercado
 Tendo como objectivo de melhorar a comercialização, o Governo
aprovou os seguintes instrumentos que tinham :
 Fundo de Comercialização Agrícola;
 Estratégia da Comercialização Agrícola 2000/04 (Fase I);
 Estratégia da Comercialização Agrícola 2006/09 (Fase II).
 Decorre o processo de conclusão de Estratégia Integrada de
Comercialização , EICA 2013 -2020
P4P
COMERCIALIZAÇÃO AGRÍCOLA: :
Oportunidades
Temos alguns excedentes agrícolas.
P4P
COMERCIALIZAÇÃO AGRÍCOLA: :
Oportunidades
Milho
Arroz
Trigo
Mapira
Feijão
Amendoim
Mandioca
Hortícolas
Girassol
Copra
Castanha de caju
Tabaco
Algodão
Gergelim
Soja
Principais Produtos
P4P
COMERCIALIZAÇÃO AGRÍCOLA: :
Desafios
 Temos ao nível do País, troços problemáticos
para o escoamento de excedentes agrícolas.
 Persiste a exiguidade de fundos para garantir
a reabilitação das vias de acesso às zonas de
produção;
 Como resultado, os custos de transporte têm
um peso elevado no preço final do produto
comercializado;
P4P
COMERCIALIZAÇÃO AGRÍCOLA :
Desafios
Troços problemáticos para o escoamento
de excedentes agrícolas.
P4P
COMERCIALIZAÇÃO AGRÍCOLA :
Evolução da Comercialização dos Principais Produtos de 2006 e 2011
(Toneladas)
P4P
COMERCIALIZAÇÃO AGRÍCOLA :
Compras Locais - pelo P4P - 2008-2012 (Toneladas)
5000
Milho (Ton) Associacoes de
Produtores
4500
4000
Milho (Ton) Pequenos e
Medios Comerciantes
3500
3000
Feijoes (Ton) Associacoes de
Produtores
2500
2000
Feijoes (Ton) Pequenos e
Medios Comerciantes
1500
1000
Farinha de Soja (Ton)
Associacoes de Produtores
500
0
Nampula Zambezia
P4P
Sofala
Manica
Tete
Total
COMERCIALIZAÇÃO AGRÍCOLA:
Em curso
 Construção e reabilitação
de silos e armazéns com o
objectivo de :
 reduzir as perdas de
produtos agrícolas,
 assegurar reservas físicas de
cereais para segurança
alimentar e
 induzir o agroprocessamento de milho,
arroz e outros cereais, o que
vai contribuir para o
surgimento de indústrias no
meio rural.
P4P
Construção de silos
Silos e Armazéns com a capacidade 3000 toneladas
e 1500 toneladas respectivamente.
P4P
Construção de silos (Alto-Molocué)
Em curso a montagem dos silos de 5000 toneladas e reabilitado o armazém com
capacidade de 5000 toneladas. Prevista conclusão final do mês de Novembro 2012
P4P
AGRO-PROCESSAMENTO:
Em curso
Fábricas de processamento nas principais
zonas de aptidão agroecológica
P4P
Aquisição da matéria-prima para a fábrica
P4P
AGRO-PROCESSAMENTO:
Em curso
Fábrica de Processamento de Arroz(Namacurra)
P4P
ACÇÕES EM COLABORAÇÃO COM O PMA
PARA MELHORAR O ACESSO AOS
MERCADOS E SEGURANÇA ALIMENTAR:
Informação de Mercado
Bolsa de Mercadorias (BMM)
 A questão básica é como coordenar transacções de mercado
de forma eficiente, entre os diferentes actores na economia,
entre eles, produtores e consumidores dispersos, com impacto
na redução da pobreza?
 O Conselho de Ministros aprovou em Setembro último a
criação da Bolsa de Mercadorias como provedora de serviços
que criam e mantém ordem, eficiência, transparência e
integridade nos mercados agrícolas;
P4P
ACÇÕES EM COLABORAÇÃO COM O PMA
PARA MELHORAR O ACESSO AOS
MERCADOS E SEGURANÇA ALIMENTAR:
Informação de Mercado
 SIMA
 O SIMA é um sistema de recolha e divulgação de
informação de mercados agrícolas:
 Preço, Disponibilidade e Fluxo de produtos;
 Custo de transporte;
 Informação e análises estratégicas dos mercados.
 São Objectivos do SIMA:
 Minimizar a diferença do poder de negociação entre produtores e
compradores;
 Reduzir os custos de transacção para produtos agrícolas;
 Assegurar que os produtores, comerciantes, processadores possam
encontrar mercado para os produtos agrícolas
P4P
INFORMAÇÃO DE MERCADOS
INFOCOM
 O INFOCOM é um Sistema de Informação do Ministério da Indústria e
Comércio, e compreende duas áreas fundamentais nomeadamente: Informação
Comercial e Informação de Mercados doméstico e internacional de bens de
consumo essenciais seleccionados
 Produtos do INFOCOM
 Boletim Semanal do Comércio;
 Tabelas de preços de 16 produtos básicos alimentares, praticados em algumas
lojas seleccionadas em todas as capitais provinciais e na cidade de Maputo;
 Tabela dos preços Internacionais Indicativos de Importacao de Produtos
Agrícolas e indicativos de Exportacao de produtos agrícolas de rendimento;
 Artigos sobre mercados Internacionais;
 Tabela de preços de cimento nacional e importado praticados nas ferragens
e estaleiros das capitais provinciais e cidade de Maputo;
 Base de dados de preços domésticos, preços internacionais e subsídio a
farinha de trigo.
P4P
ACÇÕES EM COLABORAÇÃO COM O PMA
PARA MELHORAR O ACESSO AOS
MERCADOS E SEGURANÇA ALIMENTAR:
Ligação produtores e mercados
 Bolsa de Mercadorias (BMM)
 A questão básica é como coordenar transacções de mercado
de forma eficiente, entre os diferentes actores na economia,
entre eles, produtores e consumidores dispersos, com impacto
na redução da pobreza?
 O Conselho de Ministros aprovou em Setembro último a
criação da Bolsa de Mercadorias como provedora de serviços
que criam e mantém ordem, eficiência, transparência e
integridade nos mercados agrícolas;
P4P
LIGAÇÃO PRODUTORES E MERCADOS
Bolsa de Mercadorias (BMM)
 A BMM através do Sistema de Gestão de armazenamento com
certificado de depósito vai promover o aumento de volumes e da
qualidade de produtos armazenados, como via de sair da pobreza
uma vez que passaremos a ter:
 Armazéns com alto nível de desempenho técnico e financeiro, vão armezenar
produtos de terceiros e emitir título de armazenamento;
 Armazéns equipados de laboratórios para verificação da qualidade dos
produtos que dão entrada
 Instituições financeiras abertas para os títulos de armazenamento como
colateral, confiantes no alto nível de liquidez dos produtos depositados;
 Os produtores, comerciantes e consumidoress vão beneficiar com:
 A Protecção dos que depositam produtos nos armazéns, assegurando
qualidade e quantidade;
 Uma base para o desenvolvimento de produtos financeiros com impacto no
meio rural.
 Melhor qualidade dos produtos
P4P
BOLSA DE MERCADORIAS DE
MOÇAMBIQUE: A transformação que
vai dar novo ímpeto a revolução verde
em Moçambique
P4P
ACÇÕES EM COLABORAÇÃO COM O PMA
PARA MELHORAR O ACESSO AOS
MERCADOS E SEGURANÇA ALIMENTAR:
Fortificação de alimentos
 Existe uma iniciativa de fortificação com farinha de trigo e
óleo vegetal e produtos da pesca como fonte potencial de
proteína animal. Esta iniciativa de fortificação é financiada
pela Ajuda Irlandesa e GAIN com fundos adicionais do
PMA e Visão Mundial, mas há ainda um défice
 Uma contribuição do UE-ODM financiará parte da
distribuição do premix bem como parte do subsídio
decrescente anual de 15 tons de premix para a fortificação
da farinha de trigo e óleo vegetal beneficiando 11,9
milhões de pessoas com farinha de trigo e 11,5 milhões de
beneficiários com óleo vegetal
P4P
Fortificação de alimentos
 São actividades desta iniciativa:
 reforçar a capacidade do Ministério da Indústria e Comércio para
monitorar a iniciativa de fortificação em Moçambique;
 desenvolver os padrões nacionais de fortificação assim como a elaboração
de normas e guiões;
 desenvolver a capacidade para as moageiras de escala média para reforçar a
fortificação de farinha de milho e mandioca e apoiar as associações de
moageiras e açúcareiras na execução da fortificação obrigatória;
 aumentar a capacidade dos laboratórios existentes para assegurar o
controlo de qualidade;
 colaborar com o instituto de investigação agraria para a viabilidade de
fortificação caseira natural e,
 apoiar no lançamento da campanha sobre a importậncia de alimentos
fortificados para complementar uma dieta natural
 apoiar no lançamento de novos produtos através da indústria local;
P4P
Fortificação de alimentos
Está em perspectiva a fortificação da farinha processada
pela FábricaP4Pde Ulongue
DESAFIOS PARA OS PRÓXIMOS ANOS :
Destaques de Moçambique
• O Presidente da República Armando
Guebuza desafia empresários a inovar
• FMI diz que país está a enfrentar bem a
crise económica
• FMI elogia desempenho económico de
Moçambique,
• Província de Manica, Moçambique, vai
exportar manga e banana para a Europa
• Moçambique exporta amendoim e feijão
verde para o Reino Unido
• Moçambique entre os países da África
Austral com mais riscos de desastres;
• Jovens moçambicanos lançam inédita
campanha de apoio às vítimas de cheias
P4P
DESAFIOS PARA OS PRÓXIMOS ANOS :
Destaques de Moçambique
Cidade de Chókwè fustigada pelas cheias
P4P
DESAFIOS PARA OS PRÓXIMOS ANOS :
Destaques de Moçambique
Província de Gaza vive um cenário dramático: Nível da água do Rio Limpopo
próximo dos níveis da s grandes cheias de 2000
P4P
DESAFIOS PARA OS PRÓXIMOS ANOS:
Apostas integradas onde parcerias mais
activas são indispensáveis
 Constituem desafios a Curto e Médio Prazos:
 Implantação da Bolsa Mercadorias de Moçambique (BMM), com
sistema de gestão de armazenamento com título (Warehouse Receipt
System) com base nos Silos e Armazens já em constução e
reabilitação
 Implantação de Mercados abastecedores,
 Desenvolvimento das MPME’s,
 Consolidação da Inspeção Nacional das Actividades Económicas,
 Operacionalização a Janela Única Electrónica do Governo para
Prestação dos Serviços,
 Operacionalização de acções desarmamento Tarifário da SADC
 Implementação da Fase II da Estratégia do Ambiente de Negócios.
 Financiamento da Estratégia Integrada de Comercialização Agrícola.
P4P
OBRIGADO
THANK
YOU
P4P

similar documents