MELHOR IDADE - PALESTRA

Report
ENCONTRO MELHOR IDADE
CAMPOS DO JORDÃO – 28-30/09/2012
TEMA – COMO DESENVOLVER
GRATIDÃO! “EM TUDO DAI GRAÇAS.”
"Em tudo dai graças, porque esta é a
vontade de Deus em Cristo Jesus para
convosco." (1 Tessalonicenses 5:18)
Existem apenas duas maneiras
de viver a sua vida:
Uma é como se nada fosse milagre
A outra é como se tudo fosse um
milagre!
Albert Einstein
“Ninguém fica velho simplesmente porque viveu alguns anos. A
pessoa só envelhece quando abandona seu ideais...
Você é tão jovem quanto sua autoconfiança
tão idoso quanto seu medo
tão moço quanto suas esperanças
e tão velho quanto seu desespero
No centro de todo coração,
há um gravador
enquanto ele receber
mensagens de beleza, esperança,
alegria e coragem, você permanece
jovem.
Quando os fios se romperem, e seu coração estiver
coberto com as neves de pessimismo e o gelo do
ceticismo, então, e só então, você terá ficado velho...”
General Douglas MacArthur
Na sociedade moderna o destaque à velhice
talvez seja um dos fenômenos mais fortes .
Até o começo do século 20,
quem tivesse mais de quarenta anos
podia ir se preparando pra enfrentar
o estágio terminal.
Missão cumprida, banda passada.
Restava assistir com melancolia à
degenerescência física e tratar de orar muito
para ganhar o paraíso.
O envelhecimento abrange
problemas biológicos, fisiológicos e
Psicológicos...
...que produzem crises
existenciais.
No entanto, trata-se de
um fenômeno normal na vida.
Como em todos os momentos das fases da vida,
ao chegar à última etapa, a pessoa sente ainda
surgir inquietações e perguntas inevitáveis:
• Quem eu sou?
• Por que estou neste mundo?
• Que sentido tem a minha vida?
• Para onde vou?
• Como vivi os anos que passaram?
• O que fiz ou deixei de fazer?
• O que vou fazer da minha vida agora?
Como em toda crise existencial, também
essa da última etapa, não pode ser superada
senão por meio da renovação do nosso interior.
E é só por meio da Espiritualidade alcançada na
elação íntima com Deus e de total gratidão, que as
forças escondidas no seu interior irão desabrochar
durante o seu envelhecer.
A MAIS DE SESSENTA
Pelo título não parece que estamos numa corrida
de carros? Pois estamos mesmo. Seu carro está
na pista e a bandeira verde foi acionada.
Lá vamos nós!
EXERCICIO “A CORRIDA”
Nosso objetivo, não é chegar ao fim da prova o
mais rápido possível. Ao contrário. Nosso objetivo
é fazer a prova durar bastante, atravessando cada
uma de suas retas, cada uma de suas curvas da
melhor maneira possível, e só recebermos a
bandeirada de chegada quando não houver nem
mais um centímetro,
um milímetro de chão
pra gente pisar.
A MAIS DE SESSENTA
Exercício: No meu
tempo...
Regras para se enfrentar bem a
virada dos sessenta:
1) nunca pensar no que passou
como se tivesse sido algo melhor
do que aquilo que existe no
presente.
Mesmo que no fundo você ache isso, não
o diga.
“No meu tempo”, “Antigamente”,
“Quando eu era moça/o”...
são expressões proibidas para quem quer
caminhar através dos sessenta – e daí para diante
– com menos problemas.
O que acontece conosco quando nós nos vemos no passado e
achamos que ele era melhor, é que no passado éramos mais
moças/os.
Quanto mais moças/os, mais ilusões, mais sonhos, mais saúde,
mais disposição, mas, ao mesmo tempo, mais angústias, mais
anseios, mais inquietudes, menos certezas.
Ao fazer uma análise fria do passado, veremos que ele não era
tão bom assim como nossas lembranças o fazem parecer. Sabe
por quê? Uma espécie de cortina de fumaça encobre as
desvantagens do tempo que se foi deixando a ilusão de que havia
uma infinidade de coisas boas que, na verdade, estão, muitas
delas, baseadas num único fato:
Éramos mais jovem. Só isso!
“No meu tempo...”, as coisas não eram melhores.
Eu só era mais jovem!
Vamos comparar “aquele tempo” com o tempo
presente e com todas as conquistas tecnológicas e
sociais que temos hoje.
Veremos que o passado era melhor simplesmente
porque éramos mais moços/as.
Vamos analisar...
SAÚDE
Você quereria voltar aos tempos
daquela medicina quando qualquer
problema no coração – por exemplo –
era condenação quase certa?
TRATAMENTO DENTÁRIO
Muitos não usavam dentaduras completas
com 30/40 anos? Hoje, restaurações, pontes,
implantes, etc. protegem bem mais nossos
dentes, não é mesmo?
E quanto às roupas? Como eram nossas mães,
avós, tias? Não eram o que se costuma chamar de
“senhoronas”?
Será que você alguma vez as viu de vestidos ou
blusas de alças, ombros de fora, mesmo no verão?
Será que você alguma vez as viu de shorts ou
bermudas? De sandálias ou de tênis?
Os homens sem terno, na Escola Dominical ou no
culto à noite? Sem chapéu? De jeans? De tênis?
Essas coisas faziam parte do seu tempo. Certo?
Hoje, você mulher, usa calças compridas, leggings, bermudas,
shorts, maiôs – ou até duas peças – tênis e sandálias rasteirinhas
com a maior tranquilidade.
E será que você só se veste de preto, marrom, azul-marinho,
quadradinhos, bolinhas ou estampados miúdos em cores
discretas o tempo todo?
Que nada! Vemos você, homem e mulher, de branco, amarelo,
vermelho, rosa... Vemos você remoçada/o numa blusa/camisa
polo de cor viva que realça sua cor de pele e seu cabelo
E por falar em cabelos: você só usa coques, tranças
ou penteados arrumadinhos próprios da sua idade,
como faziam as mulheres da geração anterior à
nossa?
Parece que o que estou vendo aqui é você com um
corte de cabelo bem moderninho, curto, nuca à
mostra, ou no corte da moda...
Ou ainda de cabelo pintado – você agora é loira,
ruiva. E você, homem, com implante, com os
brancos escondidos por Grecin, tintura...
Isaias 43:18
Acredite, os velhos tempos não eram
melhores; eram apenas diferentes!
Eram os velhos tempos, tempos nos
quais você era mais moça/o, só isso.
Então não se esqueça - evite sempre o uso destas expressões: “no
meu tempo..., antigamente..., quando eu era moça/o...”
Elas são proibidas.
ENCONTRO MELHOR IDADE
CAMPOS DO JORDÃO – 28-30/09/2012
TEMA – COMO DESENVOLVER
GRATIDÃO! “EM TUDO DAI GRAÇAS.”
"Em tudo dai graças, porque esta é a
vontade de Deus em Cristo Jesus para
convosco." (1 Tessalonicenses 5:18)
Regras para se enfrentar
bem a virada dos sessenta:
2) VIVER O PRESENTE
Tudo aquilo que rodeia você:
tudo enfim merece ser olhado de
maneira diferente nesta
altura da sua vida.
NA ESTRADA DOS SESSENTA NÃO SE
VISUALIZA UM FUTURO MUITO LONGO.
Então, pare de se preocupar com o futuro e viva o presente. Mas,
faça isso de maneira plena, grata, tentando sempre encontrar o
lado positivo de cada coisa, por menor que seja, por menos
importante que possa parecer.
Qualquer
atividade
diária, pode e deve
ser feita por você com
alegria, entusiasmo e
gratidão.
QUANDO COMEÇAMOS A VER CADA ATIVIDADE
COMO ALGO FEITO PARA O SENHOR E PARA A SUA
GLÓRIA, A VIDA SE TORNA MAIS SIMPLES, PLENA E
CHEIA DE GRAÇA
A SEPARAÇÃO ENTRE O SAGRADO E SO SECULAR
FAZ COM QUE TENHAMOS VIDAS INCOERENTES
Qualquer atividade nessa
altura da vida deve ser sempre
bem-vinda, mesmo as mais
inoportunas,
as
mais
maçantes, as mais cansativas.
Jamais considere um dia como
tendo sido desperdiçado,
porque um dia vivido nunca é
desperdiçado. É vivido!!!
VOCÊ É UM MILAGRE DE DEUS
Música: Sou um milagre
NÃO DESPERDICE UM
DIAZINHO SEQUER
DAQUELES QUE SÃO DADOS
A VOCÊ.
VIVA TODOS ELES COM
O MAIOR EMPENHO,
A MAIOR ALEGRIA,
COM A MAIOR GRATIDÃO.
REPITO... COM GRATIDÃO!!!
TENTAR VIVER HOJE O
AMANHÃ
COMPLICA A VIDA
É IMPOSSÍVEL LIDAR HOJE
COM OS PROBLEMAS DO
AMANHÃ
Se não se envelhece, não se vive!
O que é melhor: viver muito – e, portanto, envelhecer – ou morrer
antes disso?
Fixe em sua mente este pensamento e procure transmitir aos
outros:
“Estou envelhecendo porque vivi e continuo vivendo.
Eu estou na terceira idade porque tenho vida!!!
Sou abençoada/o e estou orgulhosa/o disso.
Se você é idosa/o hoje, se está hoje na
terceira idade, é simplesmente porque viveu
e vive.
Tenha gratidão
por envelhecer.
Diga em alto e bom som:
“Eu driblei todas as armadilhas que a
vida foi colocando através dos anos em
meu caminho e sobrevivi a todas elas.
Aqui estou, vivendo e gozando a vida,
viva/o, vivinha/o da silva!
Sim, na terceira idade, e com muito
orgulho.
Superei tudo, superei os maus momentos,
as doenças infantis, partos, as cirurgias, as
doenças várias em momentos vários e aqui
estou eu, vivendo!”
Musica: Graças dou
ENCONTRO MELHOR IDADE
CAMPOS DO JORDÃO – 28-30/09/2012
TEMA – COMO DESENVOLVER
GRATIDÃO! “EM TUDO DAI GRAÇAS.”
"Em tudo dai graças, porque esta é a
vontade de Deus em Cristo Jesus para
convosco." (1 Tessalonicenses 5:18)
“Why, what’s the matter, that you have such a February
face, so full of frost, of storm and cloudiness?”
William Shakespeare (Muito Barulho por Nada)
(“Ora, mas o que é que há que você está com essa cara
de fevereiro, tão gélida, tão carregada, tão fechada?”)
Regras para se enfrentar bem a
virada dos sessenta:
3) BOM HUMOR
Você vai ter que fazer um
esforço para mantê-lo, a fim de
envelhecer feliz.
Sorria para a vida que é dada a
você.
Você está recebendo um presente a
cada manhã; ponha isso na sua
cabeça.
Cada dia em que você acorda e
recomeça a viver, você está sendo
presenteada/o!
É como se você estivesse fazendo aniversário
todo dia. Assim, comece cada um de seus
dias com um sorriso.
Sei lá quantas e quais contrariedades podem surgir no
dia-a-dia.
Só que não resta outra alternativa para viver melhor
senão enfrentá-las com bom humor.
Contrariedades?
Dificuldades?
Problemas?
VIDA DIFÍCIL?
MAU HUMOR?
OLHEM PRÁ
MIM...
NÃO SOU
UM
GATO?...
Mais um história...
A neta pergunta para a avó:
- "Vó como a senhora consegue ser tão alegre, pois sei que a convivência aqui
não e fácil, pra senhora"
A avó sabiamente respondeu:
- " Minha mãe, sempre repetia um pensamento que tem sido minha oração do
dia a dia“
"NAO CONTE AO TEU DEUS, O TAMANHO DO TEU PROBLEMA, MAS CONTE AO
TEU PROBLEMA O TAMANHO DO TEU DEUS"
E acrescentou: " esse pensamento tem me acompanhado e tem feito toda
diferença."
Ter bom humor não é pouca coisa não. E não se resume a estar sempre
contando fatos engraçados ou piadas. É algo muito mais profundo e está ligado
a otimismo, esperança, confiança e gratidão a Deus.
Tente uma vez ficar
deliberadamente
de bom humor.
Sem querer você
vai rir de você
mesma/o e tudo
vai ficar mais fácil,
mais leve, mais
suave
Nada de estresse por
pouca coisa. Na vida
tudo passa, sejam os
bons momentos que
devem ser curtidos,
sejam os ruins que
devem ser
rapidamente
esquecidos.
Ria, ria muito, ria de tudo, você é um/a
felizardo/a, você teve uma vida, e uma vida longa!
Procura-se seres humanos...
... que não percam a VONTADE DE VIVER, mesmo sabendo que a vida é, em muitos momentos,
dolorosa,
... que não percam a LUZ e o BRILHO NO OLHAR, mesmo sabendo que fatos escurecerão seus olhos,
... que não percam a GARRA, mesmo sabendo que a derrota e a perda são adversários perigosos,
... que não percam o OTIMISMO, mesmo sabendo que o futuro que os esperam não é tão alegre,
... que não percam a vontade de SEREM GRANDES, mesmo sabendo que o mundo é pequeno,
... que não percam o EQUILÍBRIO, mesmo sabendo que inúmeras forças querem que caiam,
... e acima de tudo, que acreditem que Deus, não se revela a nós porque somos jovens ou crianças ou
idosos e sim pela alegria, amor e bondade que carregamos dentro de nós, mostrando-nos que a vida é
construída nos sonhos e concretizada no amor.
“Um homem não morre quando deixa de existir e sim quando deixa de sonhar”.
Ser feliz é uma decisão
Uma senhora de 92 anos, delicada, bem vestida, com o cabelo bem penteado e um
semblante calmo, precisou se mudar para uma casa de repouso. Seu marido havia falecido
recentemente e a mudança se fez necessária, pois, ela era deficiente visual e não havia
quem pudesse ampará-la em seu lar. Uma neta a acompanhou.
Após algum tempo aguardando pacientemente na sala de espera, a enfermeira veio avisálas que o quarto estava pronto. Enquanto caminhavam, lentamente, até o elevador, a neta,
que já havia vistoriado os aposentos, fez-lhe uma descrição visual de seu pequeno quarto,
incluindo as flores na cortina da janela.
A senhora sorriu docemente e disse com entusiasmo: - Eu adorei!
- Mas a senhora nem viu o quarto. Observou a enfermeira.
Ela não a deixou continuar e acrescentou:
- A felicidade é algo que você decide antes da hora. Se eu vou gostar do meu quarto ou não,
não depende de como os móveis estão arranjados, e sim de como eu os arranjo em minha
mente. E eu já me decidi gostar dele.
E continuou:
- É uma decisão que tomo a cada manhã quando acordo. Eu tenho uma escolha, posso
passar o dia na cama remoendo as dificuldades que tenho com as partes de meu corpo que
não funcionam há muito tempo, ou posso sair da cama e ser grata por mais esse dia. Cada
dia é um presente, e meus olhos se abrem para o novo dia das memórias felizes que
armazenei. A velhice é como uma conta no banco, minha filha, de onde você só retira o que
colocou antes.
BIBLIOGRAFIA
1. Bíblia Sagrada
2. A mais de sessenta – Vera Rôças
3. 100 maneiras de simplificar a vida – Joyce Meyer

similar documents