Vantagens: Porque realizar evangelismo através dos P. Grupos?

Report
SEMINÁRIO
Não conseguiram
ajudá-lo pelo meio
convencional;
Usaram um método
inovador e
obtiveram sucesso;
3. Alcança uma
maior área
geográfica e um
maior número
de interessados
4. Desenvolve os
dons espirituais,
fazendo com
que todos se
sintam úteis,
importantes e
felizes.
5. Atende às
necessidades
sentidas das
pessoas.
6. É econômico,
sendo possível
realizar em
qualquer lugar.
7. Facilita na
conservação de
almas. O pequeno
grupo funciona
como mais uma
barreira de proteção
em relação ao
recém-batizado.
“Unicamente os métodos de Cristo trarão
verdadeiro êxito no aproximar-se do povo. O
Salvador misturava-Se com os homens como uma
pessoa que lhes desejava o bem. Manifestava
simpatia por eles, atendia-lhes às necessidades e
conquistava-lhes a confiança. Ordenava então:
"Segue-Me.“ Obreiros Evangélicos, pág. 363.
“O Salvador
misturava-Se com os
homens como uma
pessoa que lhes
desejava o bem.
Manifestava simpatia
por eles...”
A- ORAR PESSOALMENTE
Cada membro do PG
escolhe 5 amigos para orar
e conquistar para Jesus ao
longo do ano, e coloca
estes nomes no Cartão de
Oração Intercessória.
(09/12/2011 – Mini-vigília
em PG)
B- ORAR COLETIVAMENTE
Após preencher o cartão de
oração o membro leva os
nomes de seus amigos para o
seu PG a fim de transferi-los
para o cartaz de “Duplas
Missionárias Intercessoras de
Oração” para orar
coletivamente e
semanalmente por cada
nome.
C- AMIZADE
Durante este período
(Dezembro – fevereiro) o
membro além de orar,
deve se aproximar de
seus amigos de oração
para estreitar os laços de
amizade para conhecer as
suas necessidades e
conquistar sua confiança.
“atendia-lhes às necessidades e conquistava-lhes a
confiança...”
Esta é a fase cuja ênfase é
a sociabilidade, onde o
membro convida o amigo
a conhecer a sua
comunidade mais
próxima (seu PG) afim de
inseri-lo em seu circulo
de amizade.
O Membro entrega o livro
missionário como forma de
gratidão por sua presença ali
no PG, e revela o plano de
oração do grupo por amigos
mostrando seu nome no
cartaz e dizendo pra ele que
o grupo tem orado por ele e
sua família desde que
começou o projeto de
oração.
Neste período o PG deve
promover a sociabilidade
através de almoços por
meio de junta panelas,
passeios, atividades
esportivas etc.
Nesta fase o PG pode
convidar seus amigos a
conhecerem sua
comunidade maior (sua
igreja), e este dia pode ser
o “Dia dos Amigos da
Esperança” e depois pode
convidá-los também para
participarem da
programação da Semana
Santa.
“Segue-me”
Uma vez que você se
aproximou de seu amigo
manifestando simpatia por
ele, entendendo e
atendendo suas
necessidades,
conquistando-lhe a
confiança. Agora chegou o
momento de dizer: “Segueme”.
Primeiro você se
apresentou a ele como
um amigo, depois você
apresentou a ele os
seus amigos, e agora
chegou o momento de
você apresentá-lo: O
AMIGO JESUS.
Nesta fase o PG estuda
intencionalmente temas
doutrinários de forma
interativa num ambiente de
amizade e informalidade.
Estes temas (Estudos Bíblicos)
podem ser estudados no
próprio PG, nas casas dos
amigos, na igreja, ou nos três
lugares ao mesmo tempo
durante este período. Como?
Este período de
Evangelização
doutrinária pode ter
duas colheitas: a
primeira na Semana de
Decisão Jovem (14 a 21
de Julho), e a segunda
no Batismo da
Primavera em Setembro.
Esta é a fase do
discipulado, onde os
novos membros são
consolidados na fé,
ensinados a descobrir
seus dons e desafiados a
desenvolver um
ministério no corpo de
Cristo.
O PG que tem mais de 15 membros deve se planejar
para uma futura multiplicação. Como?
A. Preparando a cabeça dos membros. Ensinando a
respeito da razão de existir do PG e o princípio do
crescimento.
B. Discipular um novo líder e um novo anfitrião.
C. Marcar a data da Multiplicação, de Preferência
para uma Assembléia de PG’s local ou distrital.
Assim como uma célula
do nosso corpo só
sobrevive ao se
reproduzir, assim
também o PG só pode
continuar existindo se
ele multiplicar.
“Ele (o justo, o cristão) é como árvore plantada junto a
corrente de águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto, e
cuja folhagem não murcha; e tudo quanto ele faz será
bem sucedido”. Salmos 1:3
Comunhão com Deus “...árvore plantada junto a corrente de águas,”
Comunhão uns com os outros “...folhagem não murcha;”
Cumpri a Missão “...no devido tempo, dá o seu fruto,”
Causa a Multiplicação “...tudo quanto ele faz será bem sucedido.”
Nesta fase o PG estuda
intencionalmente temas
doutrinários de forma
interativa num ambiente de
amizade e informalidade.
Estes temas (Estudos Bíblicos)
podem ser estudados no
próprio PG, nas casas dos
amigos, na igreja, ou nos três
lugares ao mesmo tempo
durante este período. Como?

similar documents