Teste de Temperamento

Report
Teste de
Temperamento
Use papel e caneta para anotar as respostas

Escolha a alternativa com a qual você mais
se identifica:


1. Na escola, prefiro (preferia):
a) artes, esportes e atividades
extracurriculares*
b) administração e negócios, ciências da vida
c) literatura, ciências humanas, idiomas
d) ciências exatas: física, química, matemática

* teatro, música, política estudantil









2. Prefiro levar a vida
a) com pouca rotina e poucas regras
b) com regras definidas e disciplina
c) interagindo com todo tipo de pessoa
d) de forma bem diferente da maioria





3. Eu me descreveria como uma pessoa
a) impulsiva e um tanto “aventureira”
b) cautelosa e sempre responsável
c) entusiasmada e muito amiga
d) independente e, até certo ponto,
distante





4. Eu me considero uma pessoa
a) prática e hábil para improvisar
b) batalhadora, que sabe o que quer
c) preocupada com questões humanas
d) capacitada para inovar e inventar
5) Sinto orgulho por minha, meu(s)
 a) coragem e otimismo
 b) senso de dever e capacidade de dar
exemplo
 c) idealismo e talento para compreender
os outros
 d) curiosidade fértil e capacidade mental






6)
a)
b)
c)
d)
Costumo confiar mais em
impulsos e instintos
costumes e tradições
intuições e pressentimentos
razão e lógica
7) Quase sempre, gosto de
 a) causar impacto: os “holofotes” me
atraem
 b) ser visto (a) como membro valioso de
um grupo
 c) conviver com pessoas e fazer algo por
elas
 d) desvendar um enigma ou criar algo
útil






8) A vida é mais interessante quando se
tem
a) desafios, situações que mudam,
aventura
b) segurança, emprego garantido,
integração social
c) possibilidade de fazer algo para
‘melhorar’ o mundo
d) possibilidade de ir além do que já é
conhecido





9)
a)
b)
c)
d)
Gostaria de ser
“craque” em um ofício, esporte/arte
executivo (a) bem-sucedido (a)
profissional liberal de prestígio
especialista ou cientista





10) Em atividades de grupo, prefiro
a) aquelas que exigem ação
b) supervisionar o trabalho de todos
c) motivar as pessoas para fazer o
melhor
d) descobrir logo o que pode não
funcionar





11) Acho que minha maior competência é
a) lidar com o inesperado
b) atingir metas de curto prazo
c) reconhecer talentos nas pessoas
d) visão estratégica e futurista





12) Palavras-chave na minha vida:
a) prazer e movimento (‘aventura’)
b) estabilidade e segurança
c) liberdade e compaixão
d) autonomia e criação





13) Valorizo muito em mim e nos outros
a) coragem, humor e ousadia
b) responsabilidade, trabalho e sucesso
c) autoconhecimento, sabedoria e
gentileza
d) inteligência e competência





14) Mais importante na minha vida é/são
a) “aventura” e celebração
b) cautela e bom-senso
c) integridade e ética
d) lidar com o desconhecido





15) Gosto quando
a) pessoas viram a cabeça para me olhar
b) pessoas fazem referência ao meu
“juízo”
c) enxergo nas pessoas o que a maioria
não vê
d) consigo solucionar um enigma





16) Minha autoconfiança é maior quando
a) sinto que as pessoas me “aplaudem”
b) sou referência em um grupo social
c) contribuo para o bem da ‘humanidade’
d) tenho liberdade para ir além do
conhecido





17) Olhando para o futuro, penso que
a) serei sempre feliz e terei sorte
b) poderei desfrutar das coisas que
consegui
c) encontrarei gente mais consciente e
humana
d) pessoas preparadas se darão melhor





18) Minha maior motivação existencial é
a) desfrutar da vida até a “última gota”
b) ser bem-sucedido (a) e deixar um
legado
c) ajudar as pessoas a desenvolver-se
d) criar tecnologia/produtos reconhecidos





19) Geralmente, pessoas destacam em
mim:
a) alegria e espontaneidade
b) moralidade e trabalho árduo
c) amor ao próximo
d) engenhosidade





20) Gostaria que jamais me faltasse:
a) prazer
b) discernimento
c) entusiasmo
d) interesse pelo desconhecido





21) Prefiro conviver com gente
a) autoconfiante, “leve” e divertida
b) prevenida, “séria” e controlada
c) que vê além do próprio umbigo
d) que tem foco no futuro





22) Uma característica notável em mim é:
a) a impulsividade
b) a busca de status
c) o espírito de sacrifício
d) a dúvida





RESULTADO:
Maior pontuação
Maior pontuação
Maior pontuação
Maior pontuação
em
em
em
em
A = Artesão
B = Guardião
C = Idealista
D = Racional


“ARTESÃO”
Sua principal característica é o movimento. Hedonistas são pessoas que amam
a vida e só fazem as coisas por prazer. Gostam de ação e são “virtuoses” no
uso dos sentidos. Sabem utilizar de forma versátil o rosto (mímicos, atores),
as mãos e os dedos (pintores, instrumentistas, cirurgiões, ourives, etc.) e os
pés (bailarinos, futebolistas), porque têm notável inteligência corporal, que os
capacita para a dança, a ginástica, as passarelas de moda e a prática de
esportes. A inteligência cinestésica lhes confere habilidade para lidar com
instrumentos de todo tipo (tanto os musicais como os cirúrgicos, e os
“artesanais”: pincéis, cinzel, formão, a batuta, etc.), máquinas, ferramentas e
equipamentos (pilotos, mecânicos, operários). Alguns hedonistas apresentam
também notáveis inteligências interpessoal e lingüística, principalmente
vendedores e profissionais da área de Comunicação. Costumam ser hedonistas
os repórteres, os publicitários, os produtores e diretores de cinema, teatro e
televisão, e também os profissionais de marketing. Hedonistas não apreciam
trabalhar em empresas muito estruturadas, rotineiras e normalizadas. Gostam
de variação e de mudanças.


“GUARDIÃO”
Os guardiães podem ser identificados por duas palavras: comando e
responsabilidade. Trabalham muito e gostam de acumular bens e títulos.
Embora tenham sentidos bem desenvolvidos, como os hedonistas, preferem
utilizar essa ferramenta para os negócios e a administração. Apresentam
inteligência interpessoal (que os leva a trabalhar com e para pessoas) e
raciocínio lógico (que os influencia a atuar no mundo objetivo e a atingir
resultados). Têm orgulho de si mesmos, porque são eficientes ao agir;
respeitam-se pelo que fazem e desenvolvem a autoconfiança à medida que são
respeitados. Apresentam forte senso de dever, tanto na família como em
sociedade e entre amigos. Gostam de pertencer a grupos que defendam os
mesmos interesses e valores que eles e são facilmente reconhecíveis por
usarem algo que os identifique (símbolos). Respeitam a hierarquia e gostam de
ter um código de deveres, para orientar-se. Diferentes dos audaciosos e
divertidos hedonistas, no trabalho, prezam a organização, a disciplina, a
segurança e a estabilidade. Têm vocação para profissões tradicionais
(administração, engenharia, contabilidade), que tragam status social e
recompensa financeira.



“IDEALISTA”
Os idealistas são facilmente reconhecíveis por seu entusiasmo e amabilidade.
Preferem dirigir seus dons para o trabalho com pessoas, contribuindo para o
conforto psicológico e espiritual delas, e também para o desenvolvimento de
seu potencial. Pessoas deste grupo são muito intuitivas: costumam perceber
facilmente o que está oculto e as possibilidades futuras de uma iniciativa,
interpretar silêncios e ler nas entrelinhas. Suas inteligências mais
desenvolvidas são as pessoais (interpessoal e intrapessoal) e a lingüística, o
que os torna excelentes professores, orientadores, escritores, poetas,
dramaturgos, padres, pastores e terapeutas. Também costumam sair-se bem
nas Artes e na Ciência. Têm orgulho de sua capacidade de pôr-se no lugar dos
outros (empatia), respeitam-se por terem compaixão pelo próximo e ganham
autoconfiança na medida em que sua autenticidade é reconhecida.
Altruístas, são capazes de fazer sacrifícios até em favor de desconhecidos,
porque são compradores de causas alheias. Costumam dirigir-se para
atividades que envolvam o desenvolvimento e a valorização das pessoas e são
muito preocupados com Ética. A maioria dos laureados com os Prêmios Nobel
da Paz e da Literatura pertence a este grupo.


“RACIONAL”
Reconhecíveis por sua independência, engenhosidade e talento
estratégico, as pessoas deste grupo apresentam intuição,
raciocínio lógico e inteligência espacial bem desenvolvidos.
Sentem orgulho por serem engenhosos, respeitam-se porque são
autônomos e ganham autoconfiança à medida que se tornam
mais independentes em relação à opinião alheia ou à hierarquia
social. Valorizam o conhecimento e, embora usem bastante a
intuição para estabelecer hipóteses, confiam exclusivamente na
razão. Apresentam notáveis talentos para a invenção, a criação, a
construção, a sistematização e o planejamento. Têm vocação
para trabalhos que envolvam padrões, coerência e consistência;
modelagem, montagem (maquetes, por exemplo) e estratégia,
fatores que fazem com que se encaminhem para as áreas de
pesquisa, normalização, planejamento e desenvolvimento de
novos produtos, matemática, ciências físicas e eletrônica. Em
geral, são muito interessados em tecnologia. Quase todos os
laureados com o Prêmio Nobel de Ciência são do grupo dos
“cerebrais”.

similar documents