Panorama Histórico da Teologia do Antigo

Report
Instituto Bíblico Português
Outubro de 2010
Prof. Carlos Osvaldo Cardoso Pinto

Período Patrístico (a.D. 100-600)
Teologia não sistematizada
 Defesa da messianidade de Jesus no AT
contra os judeus.
 Defesa da racionalidade do cristianismo
contra os filósofos helenistas.

 Textos-prova
 Alegorização
2

Período Medieval (a.D. 600-1500)
Desenvolvimento da teologia sistemática
 Renascimento do estudo da filosofia
clássica
 Preocupação apologética
 A Bíblia perdeu o lugar central como fonte
de teologia.
 Predominância do pensamento filosófico e
dos dogmas eclesiásticos

3

Período da Reforma (a.D. 1500-1700)





A influência de Sola Scriptura trouxe a Bíblia de
volta ao centro.
A preocupação soteriológica e cristológica causou
uma retroprojeção do pensamento paulino ao
Antigo Testamento (Lutero).
A adoção de uma visão agostiniana da História
causou uma leitura espiritualizada do Antigo
Testamento (Calvino).
Bíblia como fonte de textos-prova
Pietismo alemão foi reação contra dogmatismo
protestante (P. J. Spener, Pia Desideria, 1675).
4

Período do Iluminismo (a.D. 1700-1787)
Aversão ao sobrenatural
 Aplicação de técnicas literárias para
discernir origem das Escrituras (J. Astruc)
 Escrituras não são necessariamente a
Palavra de Deus (Johann Semler).
 A religião do Antigo Testamento passara
por estágios evolutivos.*

5

Período do Racionalismo (a.D.1787-1900)
Johann Gabler (1787) – TB essencialmente
histórica e dinâmica. Há diversidade entre
as várias partes da revelação.*
 Destruição da unidade teológica e do
progresso da revelação no século XIX pelo
racionalismo e o evolucionismo religioso.
 Uso do método histórico-crítico leva a
teologia bíblica a um beco sem saída.

6

Período moderno (Século XX)
 Desencanto com o liberalismo teológico leva a
um retorno às origens bíblicas.
 Combinação de subjetivismo com as bases do
método histórico-crítico.
 Estabelecimento de métodos distintos de
investigação
 Diacrônico (Gerhard von Rad)
 Temático (Walter Eichrodt)
Duzentos anos depois de Gabler, Brevard Childs
propõe a chamada “abordagem canônica”.
 Falta de consenso

7
Monoteísmo Ético
Monoteísmo
Ritualista
Henoteísmo
Politeísmo
Animismo
8



Estudioso alemão, contemporâneo de J. J. Eichhorn e
J. G. Griesbach.
Famoso por sua palestra presidencial de 1787 na
Universidade de Altdorf, “Da Correta Distinção
Entre Teologia Dogmática e Teologia Bíblica e Da
Correta Definição de Seus Objetivos”.
Diz-se que essa palestra inaugurou a Teologia Bíblica
como uma disciplina independente e lançou as bases
de seu desenvolvimento.*
9

similar documents