Apresentação do PowerPoint - Sistema de Gerenciamento de

Report
Secretaria de Gestão e Planejamento - SEGPLAN
Ações de melhoria: o caminho para resultados
Superintendência de Modernização Institucional - SMI
MEU PERFIL
• Diretor de Executivo da Gauss Consulting Group
• Estatístico (CONRE nº 321), com experiência no tratamento de informações com base em
ferramentas estatísticas para tomada de decisões gerenciais.
• Consultores de empresas formado pelo IBCO – Instituto Brasileiro dos Consultores de Organização.
• Certified Business Process Professional. Certificado internacionalmente pela ABPM (The Association of
Business Process Management Professionals) como especialista em Gestão por Processos.
• Black-Belt especialista em estatística industrial Seis Sigma.
• Coautor do livro “Mapeamento e Gestão por Processos – BPM”.
• Pós graduado em Administração Industrial pela Universidade de São Paulo.
• MBA em Consultoria de Gestão pela Brazilian Business School.
• Filiada ao IBCO Instituto Brasileiro dos Consultores de Organização.
• Docente em cursos de graduação, pós-graduação e MBA em diversas disciplinas, tais como Matemática
Financeira, Estatística I e II, Métodos e Técnicas de Pesquisa, Negociação, Técnicas Avançadas de Gestão da
Qualidade, Gestão de Clientes e Auditoria de Sistemas de Gestão.
• Portador do Certificate of Achievement em ISO série 9000:2000 por ter sido aprovado pelo International
Standardized Testing Organizations Examination Prova ISTO (reconhecida e aceita pelo IRCA International
Register Certificated Auditors).
• Auditor Ambiental formado pela JPD Training Consultant, aprovado pelo
E.A.R.A. / I.E.M.A (Institute of Evironmental Management and Assessment)
• Examinador do Prêmio Nacional da Qualidade – PNQ (Ciclos 2007 e
2008);
• Examinador-Sênior do Prêmio Nacional Qualidade – PNQ (Ciclo 2011).
• Examinador do Prêmio Nacional da Gestão Pública – PQGF (Ciclos 2001,
2002, 2003, 2004 e 2005);
• Examinador-Sênior do Prêmio Nacional da Gestão Pública – PQGF (Ciclos
2006 e 2007).
twitter.com/rscucuglia
http://br.linkedin.com/in/rscucuglia
[email protected]
(11) 4220-4950 ramal 21
Plano de Governo 20112014
Mapa Estratégico
Estruturação de uma
Nova Administração
Pública
Superintendência de
Modernização
Insititucional - SMI
HISTÓRICO DO TEMA “MELHORIAS”
Kaoru Ishikawa
William Edwards Deming
Diagrama de Ishikawa
Programas 5S
F.M.E.A
C.E.P.
Q.F.D.
MASP
Hoshin Kanri
Certificações
Prêmios de Gestão
PDCA
APLICANDO O PDCA
CICLO PDCA
TIPOS DE MELHORIA
Inovação
Estado da
Arte
Refinamento
INCREMENTAL
Gerenciamento da
Rotina
x
X
RUPTURA
Gerenciamento
pelas Diretrizes
Desempenho
GERENCIAMENTO PELAS DIRETRIZES
GERENCIAMENTO DA ROTINA
GERENCIAMENTO DA ROTINA
MELHORIA
DE
RUPTURA
MELHORIA INCREMENTAL
Tempo
24
GERENCIAMENTO PELAS
DIRETRIZES GPD
Significado e definição
HO = Método, forma
SHIN = Bússola, Direção
HOSHIN = Metodologia para estabelecimento do rumo estratégico
KANRI = Gerenciamento, Controle
HOSHIN KANRI = Gerenciamento pelas Diretrizes
25
GERENCIAMENTO PELAS DIRETRIZES
 Sistema de Gerenciamento no qual a Alta Administração determina
diretrizes e lidera sua implantação, promovendo desdobramento de
metas e medidas a serem, respectivamente, atingidas e executadas por
todos níveis gerenciais.
 É um método projetado para captar e concretizar os objetivos
estratégicos, as perspectivas futuras e também desenvolver os meios
para transformá-los em realidade.
Ou seja,
 É um processo que fornece, através de fatos e dados, uma estrutura
para mover toda a empresa na direção desejada.
Fonte: adaptado de Prof. MSc. Gerisval Alves Pessoa
26
GERENCIAMENTO PELAS DIRETRIZES
Fonte: adaptado de Prof. MSc. Gerisval Alves Pessoa
27
DIRETRIZ: CONCEITO
A
EFEITO RESULTADO
PRODUTO
B
PROCESSOS - MEIOS
META
MEDIDA
OBJETIVO
VALOR
PRAZO
MÉTODO
CAMINHO
MEIOS
DIRETRIZ
28
DIRETRIZ: CONCEITO
• Uma Diretriz consiste de uma META e das MEDIDAS
prioritárias e suficientes para se atingir esta meta.
29
TIPOS DE ANÁLISES
OUT
IN
Oportunidade de Aprendizado
Necessidade de Melhoria
(OA - PDCL)
(NM - PDCA)
Chamamos de OM todo e qualquer
resultado da Análise
independentemente de qualquer
motivação de disparo analítico mais
específico e parametrizado por
outros modelos específicos, a saber:
Chamamos de NM todo e qualquer
resultado da Análise dotado de um
motivo específico para disparo e que
esteja prejudicando as operações:
• Prêmios de Gestão;
• Normas de Gestão;
• Análise do Negócio.
Problemas de Desempenho /
Problemas de Estratégia / Inovação
Tecnológica / Novos Negócios /
Fusões e Aquisições / Requisitos
Regulatórios / Indicadores aquém das
metas
MODELO
MODELO
Diagnóstico – Planejamento - Execução
Disparo – Ação - Controle
31
BENCHMARKING
DESDOBRANDO A DIRETRIZ
Modelo
DIAGNÓSTICO
PLANEJAMENTO
EXECUÇÃO
Planejamento
Estratégia
Diagnósticos
Programas
Diretriz
Plano de
Melhoria
Plano de
Ação
Plano de
Ação
Ações
Planejamento
5W2H
What
Where
When
Who
Why
How much
How
Plano de Ação
PLANO DE AÇÃO FINAL
WHY
Por que
Título
Número
002
LOREM IPSUM LOREM IPSUM
WHAT/WHERE
O que/Onde
LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
HOW MUCH
Quanto
Objetivo LOREM IPSUM LOREM IPSUM
Karoshi 10, 14, 76
WHO
Quem
Resp.
1
D
E
S
C
R
I
Ç
Ã
O
2
D
A
S
3
E
T
A
P
A
S
LOREM
LOREM
LOREM
LOREM
LOREM
LOREM
FULANO
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
Orçamento
40.000
Iní c io
Té rmino
R e s p o ns á v e l
Iní c io
LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
Análise Crítica
Orlando Pavani Jr.
Diretor Executivo Gauss
Té rmino
R e s p o ns á v e l
Iní c io
Elaboração
Comitê Técnico Gauss
Té rmino
R e s p o ns á v e l
Iní c io
4
Té rmino
R e s p o ns á v e l
Iní c io
LOREM
LOREM
LOREM
LOREM
WHEN
Quando (prazo)
Té rmino
Aprovação
Fulano
______________________
WHO
Como
PLANO DE AÇÃO FINAL
Título
002
Número
Plano de Ação
LOREM IPSUM LOREM IPSUM
LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
Objetivo LOREM IPSUM LOREM IPSUM
Karoshi 10, 14, 76
Resp.
FULANO
Orçamento
40.000
Iní c io
Té rmino
1
LOREM
LOREM
LOREM
LOREM
LOREM
LOREM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
R e s p o ns á v e l
D
E
S
C
R
I
Ç
Ã
O
2
LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
R e s p o ns á v e l
D
A
S
3
LOREM
LOREM
LOREM
LOREM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
R e s p o ns á v e l
4
LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM LOREM IPSUM
R e s p o ns á v e l
E
T
A
P
A
S
Iní c io
Iní c io
Té rmino
Iní c io
Té rmino
Iní c io
Elaboração
Comitê Técnico Gauss
Análise Crítica
Orlando Pavani Jr.
Diretor Executivo Gauss
PROJETO
Té rmino
Té rmino
Aprovação
Fulano
______________________
ESTRUTURA ANALÍTICA DO
PROJETO NORDSON DO
BRASIL
MAPEAMENTO E
DIAGNÓSTICO DOS
PROCESSOS
3
VALIDAÇÃO DOS
FLUXOS
DESENHADOS
2.3
REPRESENTAÇÃO
GRÁFICA DOS
PROCESSOS
2.2
ENTREVISTAS COM
RESPONSÁVEIS
2.1
Departamento Fiscal
(Maria Aparecida Moraes)
2.1.1
Departamento de RH
(Abenizo Leal)
2.1.2
Departamento de Contabilidade
(Juliana Tacini /José Dário)
2.1.3
Departamento de Importação/Exportação
(Marilene Dias)
2.1.4
Departamento Financeiro
(Silvia Massoni)
2.1.5
Departamento de Suprimentos
(Rodrigo Collis /Willians Luz)
2.1.6
Departamento de TI
(Henrique Molinari)
2.1.7
Gerência Administrativa
(Humberto Pieroni)
2.1.8
Vendas Finishing
(Luis Claudio Alfieri)
2.1.9
Vendas Container
(Bruno Mijas)
2.1.10
Gerência Geral / Gerência Acting
(Marco Terenzi)
2.1.11
Adesivos NW
(Walter Sanches)
2.1.12
Adesivos PPA
(Nivaldo Bispo)
2.1.13
Gerência de Adesivos
(Christiano Delatore)
2.1.14
Assistência Técnica - ESP
(Gilberto Souza)
2.1.15
Vendas EFD
(Wellington Figueira)
2.1.16
Secretaria e Administração
(Gissele Faveron /Wilma Melo)
2.1.17
Presidência
(Greg Merk)
2.1.18
ELABORAÇÃO DO PLANO
DE IMPLANTAÇÃO DE
MELHORIAS
REDESENHO DOS
PROCESSOS VALIDADOS
2
Departamento Fiscal
(Maria Aparecida Moraes)
SEGMENTAÇÃO
DOS PROCESSOS
2.4
Departamento Fiscal
(Maria Aparecida Moraes)
2.2.1
Departamento de RH
(Abenizo Leal)
2.3.1
VALIDAÇÕES DOS
FLUXOS DE CICLOS
3.1
Distribuição dos Fluxos em Sub-Processos, Ciclos, Macroprocessos e Ambientes
2.4.1
Departamento de Contabilidade
(Juliana Tacini /José Dário)
Workshop Oficina de Indicadores
3.1.1
ELABORAÇÃO DE
PLANOS DE AÇÃO
4.1
KAROSHIS E TEIANS
3.3
3.2
Validação dos Fluxos dos Ciclos com Comitê
Departamento de RH
(Abenizo Leal)
2.2.2
4
OFICINA DE
INDICADORES
Karoshis e Teians
3.2.1
3.3.1
Formalização dos planos de ação pontuais com base nos
karoshis / teians
4.1.1
Perpetuação do Trabalho
4.1.2
2.3.2
Departamento de Contabilidade
(Juliana Tacini /José Dário)
2.2.3
Departamento de Importação/Exportação
(Marilene Dias)
2.3.3
Departamento de Importação/Exportação
(Marilene Dias)
2.2.4
Departamento Financeiro
(Silvia Massoni)
2.3.4
Departamento Financeiro
(Silvia Massoni)
2.2.5
Departamento de Suprimentos
(Rodrigo Collis /Willians Luz)
2.3.5
Departamento de Suprimentos
(Rodrigo Collis /Willians Luz)
2.2.6
Departamento de TI
(Henrique Molinari)
2.3.6
Departamento de TI
(Henrique Molinari)
2.2.7
Gerência Administrativa
(Humberto Pieroni)
2.3.7
Gerência Administrativa
(Humberto Pieroni)
2.2.8
Vendas Finishing
(Luis Claudio Alfieri)
2.3.8
Vendas Finishing
(Luis Claudio Alfieri)
2.2.9
Vendas Container
(Bruno Mijas)
2.3.9
Vendas Container
(Bruno Mijas)
2.2.10
Gerência Geral / Gerência Acting
(Marco Terenzi)
2.3.10
Gerência Geral / Gerência Acting
(Marco Terenzi)
2.2.11
Adesivos NW
(Walter Sanches)
2.3.11
Adesivos NW
(Walter Sanches)
2.2.12
Adesivos PPA
(Nivaldo Bispo)
2.3.12
Adesivos PPA
(Nivaldo Bispo)
2.2.13
Gerência de Adesivos
(Christiano Delatore)
2.3.13
Gerência de Adesivos
(Christiano Delatore)
2.2.14
Assistência Técnica - ESP
(Gilberto Souza)
2.3.14
Assistência Técnica - ESP
(Gilberto Souza)
2.2.15
Vendas EFD
(Wellington Figueira)
2.3.15
Vendas EFD
(Wellington Figueira)
2.2.16
Secretaria e Administração
(Gissele Faveron /Wilma Melo)
2.3.16
Secretaria e Administração
(Gissele Faveron /Wilma Melo)
2.2.17
Presidência
(Greg Merk)
2.3.17
Presidência
(Greg Merk)
2.2.18
2.3.18
WORKSHOP DE
APRESENTAÇÃO
2.5
WORKSHOP DE
APRESENTAÇÃO
(FINAL)
3.2
Execução
GESTÃO DE PROJETOS
PMI / PMBOK
GERENCIAR A EVOLUÇÃO DO TRIPÉ:
CUSTO
QUALIDADE
TEMPO
INDICADORES
DESDOBRAMENTO DE INDICADORES
Processos
(KPI)
Diretrizes
Indicadores
Toda diretriz deve ser medida por meio de um
indicador?
Toda diretriz deve ser medida por meio de um
indicador?
Exemplos:
1) Lacuna na questão 03 – Planejamento
Estratégico
2) Lacuna na questão 17 – Carência de Pessoal

similar documents