Palestra 03: Perspectivas de Novos Investimentos

Report
PERSPECTIVAS DE
NOVOS INVESTIMENTOS
Jardel Prata Ferreira
Gerente Geral de Tecnologia e Projetos
Start up
A Privatização: Produtividade
e Diferenciação
Do Mercado Externo para o Interno
Transformando
o Amanhã
Mercado de Placas
Mercado de Alto Valor Agregado
Qualidade de Produtos e Serviços
4C’s
2002
LTQ
1995
1983
Lingotamento
Contínuo,
IRUT
Lingotamento
Convencional
1998
2º AF, 2º
LC, RH
2003
2010
2012
Expansão Vega e
Incremento no
Cinturão Verde
Reforma AF1
e Projetos
Conectados
2007
2013
3º AF, 3º LC, 2º RH
Expansão 7,5MT/a
30 in 3
2011
Otimização
(5Mt/a)
Start up
Vega do Sul
2009
Expansão
do LTQ
2014
Sistema Claus
e Wind Fence
na Sol Coqueria
Retorno do
AF#3 (7Mt/a)
1983
1976
Início da
Operação
da CST
Assinatura
Protocolo de
Intenções para
Construção da
Usina
1992
1998
2007
2012
Privatização
(CVRD e
Bancos)
Aquisição
pela
Usinor
Fusão de Grupos Siderúrgicos
 ArcelorMittal
AMDS
1996
Aquisição pela
Acesita
2006
Criação da Arcelor
Brasil
Implementação de
Projetos em Tubarão
Plano Integrado de Saúde e Segurança
Reforma do Alto Forno #1
4 Anos
Sem acidentes CPT
A Gerência Geral de Tecnologia e Projetos completou em
31/08/2014 a marca de quatro anos sem qualquer acidente
CPT com contratadas de projetos de investimentos no site de
Tubarão. São mais de 9 milhões de horas trabalhadas sem
esse tipo de acidente.
Queda constante da Taxa Geral de Frequência em comparação
com anos anteriores
12
CPT+SPT+SMS
CPT+SPT+SMS
8,81 9,22
7,90
8
parâmetro 6,17
4,85
4
3,80
3,50
2,38
3,37
2,54
1,84 ,43 28 8
1 1, 1,1 ,02 ,01
1 1
0
2008 2009 2010 2011 2012 2013 Jan Fev Mar Abr Mai Jun
Jul
Ago Set Out
PEA 2013 – Performance Excelence Award
Zero CPT / Fatalidade  5,3 Milhões de
horas trabalhadas
Implementação de Projetos - Capex
Implantação do
Resultados em 2013
CIPM (Capital Investment Project Methodology)
N3 (acima MUSD 2,5) aprovados
9 Projetos
em 2013
A Metodologia CIPM suporta a gestão dos projetos de
investimentos de FC LATAM.
Desenvolvidos conforme Metodologia CIPM
total dos orçamentos (~11% dos
~7,8 Redução
orçamentos originais)
Alinhamento com o Grupo
MUSD Total de redução entre o primeiro orçamento e os
valores aprovados
7 estágios bem definidos
+50 Especialistas treinados na Metodologia
Gates de aprovação
+3 turmas internas treinadas por multiplicadores
Estregas técnicas por estágio
Tempo médio – Fase de Estudo
7-9
Meses Lição Aprendida – tempo médio de estudo para
Acurácia por estágio
projetos N3
Opportunity
Assessment
Feasibility
Study
Gate 1
Functional
Design
Gate 2
Technical
Design
Negotiation
Gate 3
IAC
Project
Execution
Commissionin
g ramp-up
and close-out
Redução de Custos em Contratos de Serviços
Grupos de Trabalho (GT)
GT1
Desburocratização de procedimentos
administrativos
Normas, Segurança Patrimonial, Segurança do
Trabalho, Medicina
de Contratos
GT2 Otimização
Estrutura metálica, Limpeza industrial,
Manutenção civil, Serviços eletromecânicos etc.
GT3 Cadastro de Fornecimento de Materiais
Qualificação de novos fornecedores
das Especificações Técnicas
GT4 Otimização
Otimização e simplificação das exigências
técnicas e administrativas
Implementação de Projetos - Opex
GT4 Sugestões levantadas em reunião com Contratadas de Investimentos:
 Melhorar a qualidade dos projetos e das Especificações Técnicas (ET’s)
 Desburocratizar procedimentos de portaria e segurança (infraestrutura da Portaria Norte, número de anomalias,
análise de risco, mobilização)
 Melhorar a logística (distância para canteiros e restaurantes, restaurante centralizado)
 Suprimentos (bitributação em subcontratação e fornecimento de equipamento, especificação de materiais);
 Efetivos (interferência gerando horas extras, detalhamento do serviço x quantitativo não constam da ET).
Foco em Projetos de R&M
Diretriz:
Replicar boas práticas de projetos de
Aplicação das práticas em projetos de
Média Prioridade
investimento a projetos de custeio, garantindo
- MTS (Minimum Technical Solution)
redução de custos de implementação
- Gates de aprovação
- Acurácia por estágio
Fazer Mais
com Menos!
Perspectivas de
Novos Investimentos
Gestão de Capex (Investimentos)
Alinhando Conceitos
Reline
Apenas reformas completas de AF’s (carcaça/topo/
cadinho/etc.) e reconstrução de fornos de Coqueria
Growth
Investimentos para desenvolvimento de um novo
produto ou para entrar em novo mercado, assim
como crescimento da capacidade existente
Rolls
Cilindros de laminação (tanto Tubarão quanto Vega),
com custo superior a MUSD 2
Normative
É todo desembolso em Capex que não seja para
Growth, Major Relines, Rolls. Isto é, desembolso em
reformas parciais, segurança, meio ambiente,
atendimento a requisitos legais, TI etc.
Usibor
(2014/2015)
Reforma do Alto Forno #1 (2012)
Reforma dos EP’s da Sinter (2014)
Novos Investimentos
Reline
Reline
Growth
• Sem grandes reformas até o final da década
Rolls
Normative
Growth
• Foco em desenvolvimento de novos produtos/
mercados
• 2015: Usibor e Vega Light
• 2016/2017: LWB
2012
2013
2014
2015
2016
2017
2018
2019
Normative
• Foco em reformas parciais para extensão de vida útil
• 2015: Regeneradores do AF#1; Mancais da MLC#3
• 2015/2016: Coqueria - Paredes de aquecimento, Carros de
Carregamento, Sistema de Despoeiramento; Reforma Fox’s
• 2016/2017: Reforma das MLC#2; EP’s secundário da Sinter
• 2017/2018: Reparo do AF#2; Regenerador #4 do AF#3
• 2015 a 2019: Coqueria – Caldeira do CDQ
• Atendimento a requisitos legais (ambientais , trabalhistas
• 2015 a 2017 (ambiental) Carros de Carregamento - Coqueria
• 2015 a 2018: (ambiental) Visibilidade da Pluma da Sinter
• Adequação a NR’s (trabalhistas)
• Ajustes de sistemas de automação e TI
• Projetos de Segurança e melhoria contínua
• Expansão da planta
• 2017/2019: Expansão de Vega, Expansão do
LTQ, Expansão do TBO
• A partir de 2019: Novo LTQ
• Em estudo
• Linha de Corte
• TRT AF3
• Implantação de desempenadeira em Vega
• Máquina de Cintar do LTQ
• Troca da side-trimmer da Decapagem
• Linha de pré-pintura de bobinas na Vega
Plano Geral
de Paradas
Obrigado
Jardel Prata Ferreira
Gerente Geral de Tecnologia e Projetos

similar documents