PUC Campinas – CEA Faculdade de ADMINISTRAÇÃO

Report
PUC Campinas – CEA
Faculdade de ADMINISTRAÇÃO
Fundamentos do Comércio
Exterior
Caso 2:
Cooperação Internacional
Prof. Angello Reggio Neto & Jose Antonio
Olmos
1a. Semana
PUC Campinas – CEA
Faculdade de ADMINISTRAÇÃO
Fundamentos do Comércio Exterior


Política Comercial: É o conjunto coerente de
meios que os poderes públicos tem a sua
disposição para atuar sobre o comércio
exterior (importações e exportações) com
vistas a alcançar determinados objetivos
Muito embora os acordos multilaterais e a
integração em blocos tendam a liberalizar o
comex, persistem outras formas de
condicioná-lo, impedindo ou dificultando a
entrada e saída de mercadorias pelas
alfândegas.
PUC Campinas – CEA
Faculdade de ADMINISTRAÇÃO
Fundamentos do Comércio Exterior




As empresas exportadoras deverão conhecer os
diferentes tipos dessas barreiras.
Correntes doutrinárias nas relações comerciais
modernas tem suas referências extremadas
pelo:
A)Livre-Cambismo: que realça a liberdade do
sujeito econômico perante o Estado, e pelo
protecionismo que procura fazer sobressair as
possiblidades de acrescer a produção a nação
para além dos meros valores negociáveis.
B)Protecionistas tem como instrumento de
atuação impostos e outras tarifas aplicadas na
importação ou na exportação de produtos, além
de obstáculos que dificultam por vários meios as
importações de produtos.
PUC Campinas – CEA
Faculdade de ADMINISTRAÇÃO
Fundamentos do Comércio Exterior –
Qual o conceito básicos do Comércio
Internacional ?

A globalização dos mercados e a crescente
interação entre países de diferentes idiomas
tem levado a necessidade de uniformizar
termos e regras a todos os agentes
envolvidos que possibilitem um melhor
entendimento sobre as condições em que
decorrem as operações de comércio
internacional.
FUNDAMENTOS DO COMÉRCIO EXTERIOR
CONCEITOS BÁSICOS FUNDAMENTAL AO ENTENDIMENTO DOS
PROCESSOS DE COMÉRCIO INTERNACIONAL:
-EXPORTAÇÃO: Ocorre sempre que determinado bem passa a
linha de divisa(fronteira) de um país.
-IMPORTAÇÃO: Ocorre sempre que determinado bem entra no
espaço geográfico de um país.
-BARREIRAS TARIFÁRIAS: São todos os impostos e contribuições
diretamente relacionados ao fato de um bem entrar ou sair de um
país.
-BARREIRAS NÃO TARIFÁRIAS: Qualquer medida pública que náo
seja um direito aduaneiro e tenha por efeito criar uma distorção
nas trocas comerciais. Ex: Medidas fitossanitárias, regime de
licenças de importação ou subsídios a exportação.
-Globalização de Mercados: refere-se existir um mercado ao redor
do globo composto por consumidores que responderiam de modo
PUC Campinas
semelhante a um mesmo produto.
FUNDAMENTOS DO COMÉRCIO EXTERIOR
CONCEITOS BÁSICOS FUNDAMENTAL AO ENTENDIMENTO DOS
PROCESSOS DE COMÉRCIO INTERNACIONAL:
-MERCADOS INTERNACIONAIS: Mercados que podem coincidir ou
não com um país e na sua estrutura possuem regras específicas,
como, por exemplo: A Colômbia ou União Europeia.
-BLOCOS ECONÔMICOS: Conjunto de países com características
semelhantes, que acordam constituir-se em um mercado
relativamente homogêneo com determinadas regras comuns.
-INTEGRAÇÃO ECONÔMICA: Processo progressivo de integração
de vários países que conduz a formação de blocos econômicos
ou mesmo mercado comuns, podendo em certos casos dar
origem a uniões aduaneiras ou até políticas.
-MARKETING INTERNACIONAL: Todas as atividades dirigidas a
satisfação das necessidades dos consumidores por intermédio dos
processos de troca de produtos e serviços entre diferentes
mercados internacionais.
PUC Campinas
Fundamentos do Comércio Exterior
Principais Políticas Econômicas
-LIBERALISMO: Mercado Livre, Livre concorrência, iniciativa
individual, desregulamentação, divisão internacional da
produção; é um regime totalmente contra a intervenção do
Estado na economia. O equilíbrio econômico nasce
espontaneamente por meio da livre concorrência e das
oportunidades dadas a todos. O Estado dever[a preocuparse somente com: Preservação da justiça, defesa nacional e
complementação da iniciativa privada. O liberalismo só
pode existir nas democracias, em que há ampla liberdade
individual, é também conhecida como a doutrina do laissezfaire (O Estado deixa de fazer).
Adam Smith, considerado o fundador da moderna
economia, dizia: ”Ao procurar seu próprio interesse, o
indivíduo promove o interesse da sociedade mais do que se
realmente procurasse promovê-lo”. Dentro desse conceito,
ele dizia: “o que faz o padeiro levantar as 4 horas da manhã
para fazer pão, não é o amor a coletividade, mas o lucro.
PUC Campinas
Entretanto, a comunidade se beneficia dessa atitude”.
Fundamentos do Comércio Exterior
Principais Políticas Econômicas
-PROTECIONISMO: É uma política econômica em que o
Estado é bastante intervencionista. As decisões são dadas
pelo burocratas estatais. Com o propósito de proteger a
economia do pais, os governos criam as seguintes barreiras:
Barreiras Alfandegárias, Quotas de Importação, Taxas de
câmbio.
O protecionismo pode ser:
a) Agressivo: Quando se assemelha a uma verdadeira
guerra comercial,
b) Defensivo: para proteger a produção nacional de
dumping;
c) Moderado: quando utilizado de forma mais equilibrada
PUC Campinas

similar documents