Rei Lemuel, de Massá

Report
ESCRITORES:
Salomão, filho de Davi, rei de Israel
(1:1-9:18, 10:1-22:16, 25:1-29:27)
Agur, filho de Jaque, de Massá
(30)
Rei Lemuel, de Massá
(31)
DATA:
950 – 700 a.C.
Massá
Descendentes de Ismael
(deu origem ao povo
árabe).
Gênesis 25.14
(I Reis 3:12-13) - Eis que fiz segundo as tuas
palavras; eis que te dei um coração tão sábio
e entendido, que antes de ti igual não houve,
e depois de ti igual não se levantará. E
também até o que não pediste te dei, assim
riquezas como glória; de modo que não
haverá um igual entre os reis, por todos os
teus dias.
PENSAMENTO-CHAVE:
BUSCAR A DEUS É ADQUIRIR SABEDORIA.
TER SABEDORIA É SABER VIVER.
NÃO TER SABEDORIA É BUSCAR A RUÍNA.
“O temor do SENHOR é o princípio do
conhecimento; os loucos desprezam a sabedoria e
a instrução” Pv 1:7
Provérbios não se detém em temas religiosos. Referese muito mais a temas ligados à existência humana,
nas dimensões pessoal e coletiva:
Educação
Família
Adultério
Relacionamento pai/filhos
Relacionamento rei/súditos
Honradez nos negócios
Questões gerais de moral
Urbanidade e conduta social
Em forma de POEMAS:
I. Introdução
Título, propósito e introdução
Tema ou lema
1.1-6
1.7
II. Avisos e advertências da Sabedoria
Avisos de um pai, parte um
Advertências da Sabedoria, parte um
Avisos de um pai, parte dois
Advertências da Sabedoria, parte dois
III. O caminho da Sabedoria e da Loucura
1.8-19
1.20-33
2.1-7.27
8.1-36
9.1-18
Em forma de PROVÉRBIOS:
IV. Provérbios de Salomão
Provérbios de Salomão
Palavras do sábio (I Parte)
Palavras do sábio (II Parte)
10.1-22.16
22.17-24.22
25.1-29.27
V. Provérbios de Agur
A vida de moderação temente a Deus
30.1-14
As maravilhas da vida observadas sobre a terra 30.15-31
A insensatez do orgulho e da ira
30.32,33
VI. Provérbio do rei Lemuel
Conselhos de uma mãe para um filho nobre
Um poema acróstico sobre a esposa perfeita
31.1-9
31.10-31
DEFINIÇÕES POPULARES DOS PROVÉRBIOS:
1) Ilustrações de realidades da vida
2) Sabedoria Destilada
3) Experiência Comprimida
4) Verdades em poucas palavras
5) Modelos organizados para ensinar coisas da vida
PROPÓSITOS DOS PROVÉRBIOS
1) ENSINAR
Com base na experiência.
2) ESTIMULAR O PENSAMENTO
a) Por imagens vívidas
b) Requer paciência e abate a precipitação
c) Requer meditação e reflexão cuidadosa
Pv 11:22
Pv 18:13
Pv 15:28
O HOMEM SÁBIO EM PROVÉRBIOS
ELE É JUSTO:
EM SUAS ATITUDES
EM SEU FALAR
EM SUA VIDA
(13:5)
(12:17)
(12:28)
ELE É LEAL
(16:6)
O HOMEM SÁBIO EM PROVÉRBIOS
ELE É HUMILDE:
TEME AO SENHOR
CONFIA NO SENHOR E NÃO EM SI
HONRA AO SENHOR
ESCOLHE A SABEDORIA
CONFESSA SEU PECADO
RECONHECE SEU ORGULHO
(1:7)
(3:5)
(3:9)
(8:17)
(28:13)
(21:4)
O HOMEM SÁBIO EM PROVÉRBIOS
ELE É ENSINÁVEL
RECEBE A SABEDORIA
ELE RETÉM A SABEDORIA
(12:1)
(10:14)
ELE É AUTO-CONTROLADO E NÃO IMPETUOSO
TEM UM ESPÍRITO CALMO
(17:27)
É TRANQUILO
(14:30)
É TARDIO EM SE IRAR
(14:29)
NÃO É APRESSADO OU IMPULSIVO (19:2)
O HOMEM SÁBIO EM PROVÉRBIOS
ELE É PERDOADOR
(10:12)
ELE É PONDERADO
(13:16)
ELE É DILIGENTE
(22:29)
O HOMEM SÁBIO EM PROVÉRBIOS
SABE A FORÇA DAS AÇÕES
(PARA O BEM OU MAL)
(11:19, 21)
SABE A POBREZA DAS PALAVRAS
(14:23)
O HOMEM SÁBIO EM PROVÉRBIOS
É PRUDENTE
PENSA PRIMEIRO
É HONESTO
NÃO SE VANGLORIA
NÃO IMPORTUNA
NÃO FOFOCA
NÃO REVELA SEGREDOS
NÃO DIFAMA
(10:19)
(18:13)
(12:22)
(27:2)
(19:13-14)
(16:13)
(12:13)
(6:12-15)
O HOMEM SÁBIO EM PROVÉRBIOS
NÃO BRIGA
É CALMO
É RACIONAL
É GENTIL E PACÍFICO
É CORRETO E EQUILIBRADO
É FORTE
É APROPRIADO COM AS PALAVRAS
(17:14)
(29:11)
(18:13, 17)
(12:16)
(26:4-5)
(25:15)
(15:23)
O HOMEM SÁBIO EM PROVÉRBIOS
SUA RELAÇÃO COM A ESPOSA:
ELE A APRECIA
É PRESENTE DO SENHOR
É SUA COROA DE GLÓRIA
ELE LHE É FIEL
ELE A AMA
(18:22)
(12:4)
(5:15; 6:29)
(5:17-19)
*Nota: a descrição de Deus de uma boa esposa (31:10-31)
O HOMEM SÁBIO EM PROVÉRBIOS
SUA RELAÇÃO COM OS FILHOS:
DESENVOLVE A SABEDORIA
RECONHECE SUA CONDIÇÃO
DEDICA-SE AO TREINAMENTO
DISCIPLINA SEU FILHO
DISCIPLINA PARA FELICIDADE
O FILHO TOLO MORRERÁ
(1-9)
(22:15)
(19:18)
(23:13,14)
(10:1)
(20:20)
O HOMEM SÁBIO EM PROVÉRBIOS
SUA RELAÇÃO COM OS AMIGOS:
SABE ESCOLHER E EVITAR “AMIGOS” (22:24-25)
OS VALORIZA
(27:10)
É LEAL
(17:17)
É ÉTICO
(3:27-28)
É AJUDADOR
(14:21)
É CUIDADOSO
(25:17)
É PACÍFICO
(3:29-30)
USA O DINHEIRO COM SABEDORIA (3:13-16)
O HOMEM SÁBIO EM PROVÉRBIOS
SUAS ATITUDES
RECONHECE O VALOR
RECONHECE AS LIMITAÇÕES
RECONHECER OS PERIGOS
(22:17-19)
(15:16-17)
(13:8)
O HOMEM SÁBIO EM PROVÉRBIOS
SEU CAMINHAR
JUSTIÇA
DILIGÊNCIA
LIBERALIDADE
ECONOMIA
AUTO-CONTROLE E PRIORIDADES
(10:3)
(10:4)
(11:24-26)
(13:11)
(24:27)
O HOMEM SÁBIO EM PROVÉRBIOS
O SEU LABOR TEM BOM RESULTADO
ELE TEM SUFICIENTE
ELE É MODERADO
ELE DIVIDE COM O NECESSITADO
ELE ESTÁ A SALVO
ELE EVITA MÁS COMPANHIAS
CUIDA BEM DE SEUS ANIMAIS
(12:11)
(13:25)
(25:16)
(22:9)
(11:9)
(22:24-25)
(12:10)
1. PROVÉRBIOS É UM LIVRO DE ORIENTAÇÕES
ESPIRITUAIS, EMOCIONAIS E FÍSICAS;
2. PROVÉRBIOS É UM LIVRO PRÁTICO, QUE
DESEJA NOS PÔR EM PÉ;
3. A SABEDORIA É O ALICERCE PARA A VIDA;
4. O HOMEM PODE SER SÁBIO, SE PEDIR A DEUS;
5. EXISTEM TRÊS TIPOS DE SABEDORIA:
1ª SABEDORIA: Adquirida na vida (1Co 2:13)
2ª SABEDORIA: Maliciosa
(Tg 3:15)
3ª SABEDORIA: Concedida por Deus (Tg 3:17)

similar documents