SEMINÁRIO HEBLING

Report
Universidade Estadual de Campinas
Faculdade de Odontologia de Piracicaba
Curso de Mestrado em Odontologia em Saúde
Coletiva
Disciplina de Saúde e Trabalho I
Professor: Eduardo Hebling
Alunos: Dióger dos Santos Paz
Luís Fernando Galvão Ferrari
Sabrina Hundertmarch Paz
BETHANY VALACHI, M.S., P.T., C.E.A.S.;
KEITH VALACHI, D.D.S.
J. Am Dent Assoc
2003;134;1344-1350
 PROFISSIONAIS DE ODONTOLOGIA
FREQUENTEMENTE APRESENTAM
EXPERIÊNCIAS DE DOR MÚSCULOESQUELÉTICAS DURANTE O CURSO DE SUAS
CARREIRAS.
 SE A DOR OU O DESCONFORTO NA REGIÃO
DO PESCOÇO OU DAS COSTAS FOR REGULAR
E O PROFISSIONAL IGNORÁ-LA PODE
DETERMINAR O ABANDONO DE SUA
CARREIRA.
 EM UM ESTUDO REALIZADO EM 1946, BILLER
DESCOBRIU QUE 65% DOS DENTISTAS
APRESENTAM DORES NAS COSTAS.
 MESMO APÓS A EVOLUÇÃO DA
ODONTOLOGIA A QUATRO (4) MÃOS
SENTADOS E COM USO DE EQUIPAMENTOS
ERGONÔMICOS, ESTUDOS VERIFICARAM
QUE 81% DOS DENTISTAS APRESENTARAM
DORES NAS COSTAS, OMBROS, PESCOÇOS
OU BRAÇOS.
 OU SEJA, HOUVE POUCA DIFERENÇA NA
EXPERIÊNCIA DE DOR DE PROFISSIONAIS
QUE EXERCEM SUAS ATIVIDADES EM PÉ OU
SENTADOS
DOR LOMBAR
DOR CERVICAL
 OS PROFISSIONAIS QUE TRABALHAM
SENTADOS QUEIXAM-SE DE DORES NO
PESCOÇO, OMBROS E BRAÇOS
 JÁ, OS DENTISTAS QUE TRABALHAM EM PÉ,
QUEIXAM-SE DE DORES NAS COSTAS,
VARICOSES, DEFEITOS POSTURAIS E PÉ
CHATO.
 OS AUTORES REALIZARAM UMA REVISÃO DE
LITERATURA PARA DETERMINAR A PRINCIPAL
CAUSA DE DORES MÚSCULO-ESQUELÉTICAS
EM CIRURGIÕES-DENTISTAS QUE EXERCEM
SUAS ATIVIDADES EM PÉ OU SENTADOS
 UMA SÉRIE DE ESTUDOS DESCOBRIU QUE
OS MECANISMOS DESENCADEADORES DE
DORES MÚSCULO-ESQUELÉTICAS SÃO
MULTIFATORIAIS.
 INCLUINDO POSTURA ESTÁTICA
PROLONGADA (PSP), MOVIMENTOS
REPETITIVOS, ILUMINAÇÃO SUBÓTIMA, MAU
POSICIONAMENTO, PREDISPOSIÇÃO
GENÉTICA, ESTRESSE MENTAL,
CONDICIONAMENTO FÍSICO E IDADE.
 EFEITOS FISIOLÓGICOS NEGATIVOS DA
POSTURA ESTÁTICA PODEM SER
EXACERBADOS PELA PRÁTICA DA ODONTOLOGIA
SENTADA A QUATRO MÃOS INTRODUZIDA NA
DÉCADA DE 60, COM A FINALIDADE DE REDUZIR
O STRESS E FADIGA DO OPERADOR E ALCANÇAR
A MÁXIMA EFICIÊNCIA.
 UM ESTUDO MOSTROU QUE OS
PROFISSIONAIS QUE PRATICAM A
ODONTOLOGIA A QUATRO MÃOS TENDEM A
TRABALHAR POR MAIS TEMPO SEM FAZER
PAUSAS E POR ISSO RELATARAM
FREQUÊNCIAS MAIS ELEVADAS DE DOR
DEVIDO AO FATO DE DIMINUÍREM
SIGNIFICATIVAMENTE OS NÍVEIS DE
OXIGENAÇÃO DOS MÚSCULOS
 OS AUTORES DO ARTIGO CONCENTRARAM-SE NA
BIOMECÂNICA E NAS ALTERAÇÕES
FISIOLÓGICAS IMPOSTAS SOBRE O CORPO
DEVIDO A PSP E COMO ESSAS ALTERAÇÕES
PODEM PROGREDIR PARA UMA DESORDEM
MÚSCULO-ESQUELÉTICA (MSD).
 O CORPO HUMANO FOI PROJETADO PARA O
MOVIMENTO. ( CAÇAR E COLETAR ALIMENTOS)
 NOS ÚLTIMOS ANOS, COM O ADVENTO DOS
COMPUTADORES, O NÚMERO DE EMPREGOS
SEDENTÁRIOS AUMENTOU E
CONSEQUENTEMENTE O NÚMERO DE LESÕES
MÚSCULO-ESQUELÉTICAS AUMENTARAM
DRAMATICAMENTE.
FLUXOGRAMA
POSTURA ESTÁTICA PROLONGADA
FADIGA MUSCULAR
DESEQUILÍBRIO MUSCULAR/ NECROSE
PONTOS GATILHO
CONTRAÇÃO MUSCULAR DE PROTEÇÃO
HIPOMOBILIDADE CONJUNTA
COMPRESSÃO DO NERVO
DEGENERAÇÃO DO DISCO DA COLUNA VERTEBRAL
HÉRNIA
DESORDEM MÚSCULO ESQUELÉTICA
DOR
 OS DENTISTAS DEVEM TER CONHECIMENTO
SOBRE OS MECANISMOS QUE DESENCADEIAM
UMA PATOLOGIA PARA QUE POSSAM TRATAR E
PREVENIR A PROGRESSÃO DOS SINTOMAS E
TAMBÉM FAZER ESCOLHAS INFORMADAS SOBRE
EQUIPAMENTOS ERGONÔMICOS , EXERCÍCIOS E
ESTILO DE VIDA.
 MESMO COM AS MELHORES ERGONOMIAS E
EQUIPAMENTOS OS OPERADORES PODEM
ENCONTRAR-SE SUSTENTANDO POSTURAS
ERRÔNEAS
 AO LONGO DO TEMPO , OS MÚSCULOS
RESPONSÁVEIS PELA ROTAÇÃO DO CORPO
PODEM SE TORNAR MAIS FORTES E MAIS
CURTOS, ENQUANTO OS MÚSCULOS DO LADO
OPOSTO MAIS FRACOS E ALONGADOS
 POSTURA INCORRETA
 POSTURA CORRETA
 POR ESSE MOTIVO, O CIRURGIÃO-DENTISTA
AO TENTAR CORRIGIR SUA POSTURA PODE
SENTIR-SE DESCONFORTÁVEL
 AO LONGO DO TEMPO O CORPO IRÁ SE
ADAPTAR A POSTURA ANORMAL CAUSADA
POR ESSES DESQUILÍBRIOS, PODENDO
LEVAR ESTE MÚSCULO A CONTRAÇÕES
MUSCULARES, DOR, E NECROSE,
FACILITANDO O DESENVOLVIMENTO DE UM
MSD.
 COMO OS MÚSCULOS SE TORNAM
FADIGADOS, ESTA PROLONGADA
CONTRAÇÃO PODE CAUSAR ISQUEMIA
 ÁREAS ISQUÊMICAS SÃO SUSCETÍVEIS A
DESENVOLVIMENTO DE PONTOS DE
GATILHO ( CONSTANTE ESTADO DE
CONTRAÇÃO DENTRO DE UMA FAIXA
APERTADA DO MÚSCULO)
 ESTES PONTOS DE GATILHO PODEM SER:
ATIVOS
DOLOROSOS
LATENTES
CAUSANDO RIGIDEZ E
RESTRINGINDO A AMPLITUDE DO
MOVIMENTO
NA ODONTOLOGIA , OS DANOS MUITAS
VEZES ULTRAPASSAM A TAXA DE REPARO,
DEVIDO A PERÍODOS DE DESCANSOS
INSUFICIENTES
 CADA VEZ QUE UMA ARTICULAÇÃO SE
MOVIMENTA É PRODUZIDO O LÍQUIDO
SINOVIAL, O QUAL É LUBRIFICANTE E
ESSENCIAL PARA O FUNCIONAMENTO DO
CONJUNTO.
 DURANTE PERÍODOS PROLONGADOS DE
POSTURAS ESTÁTICAS, A PRODUÇÃO DE
LÍQUIDOS SINOVIAIS É REDUZIDA
DRAMATICAMENTE E A HIPOMOBILIDADE
ARTICULAR PODE OCORRER.
 A PERDA DA MOBILIDADE PODE LEVAR A
INÍCIO DE ALTERAÇÕES DEGENERATIVAS
NA REGIÃO ARTICULAR, PODENDO
LEVAR A HÉRNIA DE DISCO VERTEBRAL.
HÉRNIA DE DISCO
CONCLUSÃO
 O CIRURGIÃO-DENTISTA DEVE TER
CONSCIÊNCIA DE SEUS LIMITES;
 ADOTAR PRÁTICAS DE ALONGAMENTO
ENTRE OS ATENDIMENTOS CLÍNICOS;
 REALIZAR ATIVIDADES FÍSICAS
REGULARMENTE;
 CONTINUAMENTE BUSCAR QUALIDADE
DE VIDA.
EXERCÍCIOS DE ALONGAMENTOS

similar documents