Metas para a Educação Superior

Report
O PNE 2014-2024
e os Desafios da
EDUCAÇÃO SUPERIOR
[email protected]
SESu/MEC
Agosto de 2014
Plano Nacional de Educação (PNE) –
Lei 10.172/2001.
Visão: “nenhum país pode aspirar a ser
desenvolvido e independente sem um
forte sistema de educação superior”
SESu/MEC
Agosto de 2014
2
Visão
Missão
Estratégica
Sociedade
Emancipada
Nação
Inclusiva
SESu/MEC
Nação
Soberana
Nação
Democrática
Agosto de 2014
3
Tendências da Educação Superior
pós-LDB
1.
2.
3.
4.
5.
6.
7.
8.
9.
10.
SESu/MEC
Expansão;
Forte presença do setor privado;
Diversificação;
Sistema essencialmente federal;
Desequilíbrio regional nas matrículas e cursos;
Ampliação das oportunidades de acesso;
Desequilíbrio de oferta;
Ociosidade de vagas no setor privado;
Corrida por titulação;
Lento incremento da taxa de escolarização.
Agosto de 2014
Metas com grande impacto sobre a Educação Superior
• Meta 3: universalizar, até 2016, o atendimento
escolar para toda a população de 15 (quinze) a
17 (dezessete) anos e elevar, até o final do
período de vigência deste PNE, a taxa líquida
de matrículas no ensino médio para 85% .
SESu/MEC
Agosto de 2014
Metas com grande impacto sobre a Educação Superior
• Meta 6: oferecer educação em tempo integral
em, no mínimo, 50% (cinquenta por cento) das
escolas públicas, de forma a atender, pelo
menos, 25% (vinte e cinco por cento) dos (as)
alunos (as) da educação básica.
SESu/MEC
Agosto de 2014
Metas com grande impacto sobre a Educação Superior
• Meta 16: formar, em nível de pós-graduação, 50%
(cinquenta por cento) dos professores da educação
básica, até o último ano de vigência deste PNE, e
garantir a todos (as) os (as) profissionais da educação
básica formação continuada em sua área de atuação,
considerando as necessidades, demandas e
contextualizações dos sistemas de ensino.
SESu/MEC
Agosto de 2014
Metas com grande impacto sobre a ES
• Meta 17: valorizar os (as) profissionais do
magistério das redes públicas de educação
básica de forma a equiparar seu rendimento
médio ao dos (as) demais profissionais com
escolaridade equivalente, até o final do sexto
ano de vigência deste PNE.
SESu/MEC
Agosto de 2014
Metas com grande impacto sobre a ES
• Meta 18: assegurar, no prazo de 2 (dois) anos,
a existência de planos de Carreira para os (as)
profissionais da educação básica e superior
pública de todos os sistemas de ensino e, para
o plano de Carreira dos (as) profissionais da
educação básica pública, tomar como
referência o piso salarial nacional profissional,
definido em lei federal, nos termos do inciso
VIII do art. 206 da Constituição Federal.
SESu/MEC
Agosto de 2014
Metas para a Educação Superior
• Meta 12: elevar a taxa bruta de matrícula na
educação superior para 50% (cinquenta por
cento) e a taxa líquida para 33% (trinta e três
por cento) da população de 18 (dezoito) a 24
(vinte e quatro) anos, assegurada a qualidade
da oferta e expansão para, pelo menos, 40%
(quarenta por cento) das novas matrículas, no
segmento público.
SESu/MEC
Agosto de 2014
MAIS VAGAS NOTURNAS NAS IFES
12.3. elevar gradualmente a taxa de conclusão
média dos cursos de graduação presenciais nas
universidades públicas para 90% (noventa por
cento), ofertar, no mínimo, um terço das vagas
em cursos noturnos e elevar a relação de
estudantes por professor (a) para 18 (dezoito),
mediante estratégias de aproveitamento de
créditos e inovações acadêmicas que valorizem
a aquisição de competências de nível superior;
SESu/MEC
Agosto de 2014
EXPANSÃO E INTERIORIZAÇÃO DAS IFES
12.2) Ampliar a oferta de vagas por meio
da expansão e interiorização da rede
federal de educação superior, da Rede
Federal de Educação Profissional,
Científica e Tecnológica e do Sistema
Universidade Aberta do Brasil.
SESu/MEC
Agosto de 2014
APOIO AO ACESSO E À PERMANÊNCIA NA ES
• 12.5) Ampliar as taxas de acesso à
educação superior de estudantes
egressos da escola pública, apoiando
seu sucesso acadêmico.
SESu/MEC
Agosto de 2014
AÇÕES AFIRMATIVAS PARA INCLUSÃO NA ES
• 12.9) Ampliar a participação
proporcional de grupos historicamente
desfavorecidos na educação superior.
SESu/MEC
Agosto de 2014
PESQUISAS VOLTADAS ÀS DEMANDAS SOCIAIS
• 12.11) Fomentar estudos e pesquisas que
analisem a necessidade de articulação
entre formação, currículo e mundo do
trabalho, considerando as necessidades
econômicas, sociais e culturais do País;
SESu/MEC
Agosto de 2014
MAIS MOBILIDADE ACADÊMICA
• 12.12) Consolidar e ampliar programas e
ações de incentivo à mobilidade
estudantil e docente em cursos de
graduação e pós-graduação, em âmbito
nacional e internacional.
SESu/MEC
Agosto de 2014
MAIS BIBLIOTECAS DIGITAIS
• 12.15) Institucionalizar programa de
composição de acervo digital de
referências bibliográficas para os
cursos de graduação.
SESu/MEC
Agosto de 2014
Metas para a Educação Superior
Meta 13: elevar a qualidade da educação
superior e ampliar a proporção de mestres e
doutores do corpo docente em efetivo
exercício no conjunto do sistema de educação
superior para 75% (setenta e cinco por cento),
sendo, do total, no mínimo, 35% (trinta e
cinco por cento) doutores.
SESu/MEC
Agosto de 2014
Percentual de Doutores no Corpo Docente
da Educação Superior
60
50
50
40
56,4
31,3
25
30
17,6
20
10
0
%
Doutores na Educação Superior
Doutores nas IES Públicas
Doutores nas IFES
Doutores nas IES Privadas
Doutores no PNE 2014-2024
SESu/MEC
Agosto de 2014
Percentual de Mestres e Doutores no Corpo
Docente da Educação Superior
90
80
70
60
50
40
30
20
10
0
80,3
85,6
70,3
75
63
%
Mestres e
Mestres e
Mestres e
Mestres e
Mestres e
SESu/MEC
Doutores na Educação Superior
Doutores nas IES Públicas
Doutores nas IFES
Doutores nas IES Privadas
Doutores no PNE 2014-2024
Agosto de 2014
PESQUISAS VIA STRICTO SENSU
• 13.5) Elevar o padrão de qualidade
das universidades, direcionando sua
atividade para a pesquisa
institucionalizada, na forma de
programas de pós-graduação stricto
sensu.
SESu/MEC
Agosto de 2014
DUPLICAR O NÚMERO DE DOUTORES E MESTRES/ANO
Meta 14: elevar gradualmente o número
de matrículas na pós-graduação stricto
sensu, de modo a atingir a titulação
anual de 60.000 (sessenta mil) mestres e
25.000 (vinte e cinco mil) doutores.
SESu/MEC
Agosto de 2014
ABERTURA DE MESTRADOS E DOUTORADOS À DISTÂNCIA
• 14.4) Expandir a oferta de cursos de pósgraduação stricto sensu utilizando
metodologias, recursos e tecnologias de
educação a distância, inclusive por meio
do Sistema Universidade Aberta do
Brasil - UAB.
Observação: há que se enfrentar a endogenia das
comissões da Capes, ainda resistentes à EAD.
SESu/MEC
Agosto de 2014
MESTRADOS E DOUTORADOS NOS CAMPI DO INTERIOR
14.8) Ampliar a oferta de programas de
pós-graduação stricto sensu,
especialmente o de doutorado, no
âmbito dos programas de expansão e
interiorização das IES públicas;
SESu/MEC
Agosto de 2014
MAIS INTERCÂMBIO
14.6) Promover o intercâmbio científico e
tecnológico, nacional e internacional, entre
as instituições de ensino, pesquisa e
extensão.
SESu/MEC
Agosto de 2014
MAIS BIBLITOECA DIGITAL NA PG
• 14.9) Manter e expandir programa de
acervo digital de referências
bibliográficas para os cursos de pósgraduação.
SESu/MEC
Agosto de 2014
PORTAL ELETRÔNICO PARA O PROFESSOR
16.4) Ampliar e consolidar portal
eletrônico para subsidiar o professor
na preparação de aulas,
disponibilizando gratuitamente
roteiros didáticos e material
suplementar.
SESu/MEC
Agosto de 2014
Last but not least: o PIB
Meta 20: ampliar o investimento público
em educação pública de forma a atingir,
no mínimo, o patamar de 7% (sete por
cento) do Produto Interno Bruto - PIB do
País no 5o (quinto) ano de vigência desta
Lei e, no mínimo, o equivalente a 10%
(dez por cento) do PIB ao final do
decênio.
SESu/MEC
Agosto de 2014
Fonte Sustentável
20.1) Garantir fonte de financiamento
permanente e sustentável para todas
as etapas e modalidades da educação
pública.
SESu/MEC
Agosto de 2014
COMENTÁRIOS
1. O novo PNE está, como um todo, em sintonia com o
debate internacional (CMES) sobre a Educação
Superior;
2. A taxa de escolarização líquida proposta para o
Ensino Médio é ambiciosa, difícil de viabilizar, por
envolver todos os entes federados, mas fundamental
para organizar o sistema e regular o fluxo das
matrículas;
3. A taxa de escolarização líquida para a ES exigirá
grande esforço nacional de todas as categorias
administrativas;
SESu/MEC
Agosto de 2014
Desafios que estão postos
1.
2.
3.
SESu/MEC
Superar a política de expansão para chegar a uma
política de democratização efetiva de acesso a
estudantes carentes (Prouni, Fies, Expansão e
consolidação da rede federal, política de cotas e outras
ações afirmativas devem continuar);
Buscar maior equilíbrio entre o público e o privado
(% de matrículas do setor privado deve diminuir com
expansão de campi públicos, interiorização das IFES,
criação e consolidação de novas IFES, vagas noturnas
nas IFES, etc.);
Trabalhar a diversidade de modelos (já estamos
presenciando forte expansão de cursos tecnológicos e
de novas titulações, em maior sintonia com as
necessidades regionais e nacionais);
Agosto de 2014
Desafios do presente
4.
5.
6.
SESu/MEC
Descentralizar sem balcanizar o sistema de
educação superior (Sistemas estaduais exigem mais
participação federal (adesão ao PNAEST, Proext, PET),
comunitárias adquirem novo status, IFES exigem maior
autonomia. O desafio é manter a unidade na
descentralização);
Promover o equilíbrio Regional de oferta de educação
superior (norte, nordeste e centro-oeste devem
experimentar grande expansão. A educação superior
está ainda desproporcionalmente centrada no sul e
sudeste);
Estimular a melhoria das condições de permanência
no campus (Com a implantação da lei das cotas, vamos
precisar ampliar o PNAES, o Programa de Bolsa
Permanência, Implantar Programa de Apoio Acadêmico,
etc.).
Agosto de 2014
Desafios do presente
7.
8.
SESu/MEC
Estimular a melhoria das condições de
permanência no campus (Com a implantação
da lei das cotas, vamos precisar ampliar o
PNAES, o Programa de Bolsa Permanência,
Implantar Programa de Apoio Acadêmico, etc.);
Superar o desequilíbrio de oferta
(deveremos ter políticas de incentivo à
abertura de cursos vinculados a programas de
Estado que buscam inspiração na imagem de
futuro para o país. Nas licenciaturas, as áreas
carentes deverão receber apoio especial).
Agosto de 2014
Desafios do presente
8.
Superar a ociosidade de vagas, com
programas de valorização do ensino médio,
estabilização do fluxo escolar, expansão de
programas de bolsas e de financiamento
estudantil;
9. Manter e ampliar a política de apoio público
à titulação do corpo docente e formação de
mestres e doutores;
10. Acelerar em muito o incremento da taxa de
escolarização na educação superior.
SESu/MEC
Agosto de 2014
Resumindo os Desafios da Educação Superior nos próximos anos:
•
Não abrir mão do sonho de chegarmos o mais
rapidamente possível a 33% dos jovens de 18 a
24 anos na Educação Superior;
•
Consolidar o Sinaes para garantir que as nossas
instituições possam exercer as suas funções com
qualidade e que, assim, possam efetivamente
contribuir para o avanço da arte e da ciência, e para
a melhoria da qualidade da vida de toda a
população.
SESu/MEC
Agosto de 2014
SESu/MEC
Agosto de 2014

similar documents