solo - Uol

Report
Algumas questões:
Você já pensou...
• Na importância do solo?
• Para a humanidade e outros
seres vivos?
• Como seria o planeta se eles
não existissem?
O solo é a base do
desenvolvinento das plantas
e da vida!
• Através das raízes as plantas
obtém água, ar e nutrientes
utilisados no processo de
fotossíntese;
• A água é armazenada
originando as nascentes que
formam os rios e lagos e
abastecem as cidades;
• Fazemos o alicerce das casas,
prédios e outras obras.
Erosão dos solos
RETIRADA DA VEGETAÇÃO
Compromete a produção
agrícola;
OCUPAÇÃO DO SOLOS
POR MORADIAS
Causa assoreamento nos rios,
represas e zonas portuárias;
EM ENCOSTAS
ÍNGRIMES
PROVOCA
ESCORREGAMENTOS FREQUENTES
DESASTRES
MORTES
DANOS MATERIAIS
$$$
A ação humana sem
planejamento acelera
a degradação e
compromete a
sustentabilidade
ambiental, social e
econômica.
FORMAÇÃO DO SOLO
•
Solo tem diferentes conceitos de acordos uso (atividades humanas) e
estudos (ciências);
•
MINERAÇÃO: é um detrito que deve ser separado dos minerais
explorados e depois removidos.
•
ECOLOGIA: sistema vivo composto por partículas minerais e
orgânicas que possibilitam o desenvolvimento de diversos ecossitemas;
•
GEOGRAFIA / PEDOLOGIA: a parte natural integrada à paisagem
que dá suporte às plantas que nele se desenvolve;
•
EDAFOLOGIA: meio natural no qual o homem cultiva plantas
interessando-se pelas características ligadas a produção agrícola.
O SOLO é formado, num processo contínuo, pela
desagregação e deposição das rochas.
•
Intemperismo (químico e físico) modifica seus aspectos físicos e a
composição química dos minerais que as compõem.
•
Sofrem ação direta:
o
Calor do sol e da água da chuva etc.;
o
Áreas tropicais : 100 anos -> 2 cm de solo
o
Áreas de clima frio e seco o tempo é maior.
O solo que resulta do intemperismo químico e físico das rochas e adição
de matéria orgânica em sua superfície se organiza em camadas com
características diferentes, que são denominadas HORIZONTES
Pedogênese: processo que origina solos e seus horizontes.
Perfil esquemático
de um solo bem
desenvolvido
Horizontes:
O, A e B – são os mais
importantes para a agricultura.
Dada sua fertilidade.
- quanto mqior a
disponibilidade equilibrada de
certos elementos químicos
(potássio, nitrogênio, sódio, ferro
e magnésio) maior fertilidade.
- ecossistema densidade e variedade de vida em
seu interios (minhocas, formigas
e microrganismos)
• O processo de formação do
solo e a erosão => são
modeladores do relevo.
• Rocha -> intemperismo =>
solo. Em sua porosidade ar e
água penetram possibilitando
o desenvolvimento de animais,
vegetais e microrganismos->
acelera o intemperismo e
fornecendo matéria orgânica.
• SOLO é constituído de:
• Partículas minerais
(tamanho): Argila, silte, areia
fina, areia grossa e cascalho.
• Matéria orgânica: restos
vegetais e animais não
decompostos e pelo produto
desses restos decompostos por
microrganismos => húmus.
• Água: fica retida no poros
(chuva ou irrigação). E composta
de sais minerais, oxigênio e gás
carbônico; veículo de nutrientes
p/ vegetais
• Ar: ocupa poros não preenchidos
pela água. Raízes absorvem.
Favorece a produção de húmus.
Fatores de formação dos solos
•
•
•
•
•
Material de Origem
Clima
Relevo
Organismos
Tempo
=>
Resposáveis pela formação
dos solos
Terra Roxa
Massapé
Material de origem
• Cada tipo de rocha dá um tipo
de solo diferente, dependendo
de sua composição
mineralógica;
• Origens: Ígneas ou
metamórficas claras (granitos
e quartizitos); ígneas escura
(basalto); materiais derivados
de sedimentos consolidados
(arenitos e rochas calcárias);
sedimentos não consolidados
(dunas de areias e cinzas
vulcânicas)
Clima
• Temperatura + umidade =>
controlam:
–
–
–
–
–
Velocidade
Intencidade
Tipo de intemperismo
Distribuição
Deslocamento de matérias
ao longo do perfil
• Quanto mais quente e
úmido => decomposição +
rápida e + intensa
Relevo
• Formas diferentes =>
distribbuição diferente da
água, de luz e calor;
• Pode favorecer erosão;
• Áreas côncavas e baixas
=> acúmulo de água.
• Vertentes => ensolação:
qunetes e secas.
Organismos
•
•
•
•
•
•
Bactérias
Algas
Fungos
Vegetais
Animais
Agem na decomposição
dos restos vegetais e
animais e na conservação
dos solos.
Tempo
• Período de exposição da
superfície terrestre às
condições atmosféricas.
EROSÃO E EQUILÍBRIO AMBIENTAL
CONSERVAÇÃO DOS SOLOS
• PERDA DE SOLOS
AGRICULTÁVEIS
• Causa: erosão.
• Causa da erosão: retirada de
vegetação.*
• Quanto maior velocidade ede
escoamento e volume de água
=> maior capacidade de
transporte.
• Velocidade e volume dependem
de:
–
–
–
–
Declividade
intensidade de chuva
Densidade de cobertura vegetal
Tipo de solo
• Terraceamento
•
•
•
China, Japão, Tailândia
e Filipinas;
Aumentar áreas
agricultáveis em regiões
montanhosas;
*Barrar a velocidade das
águas;
(agricultura em terraços,Vietnã, 2009)
• Curvas de nível
– Arar a terra de acordo
com as cotas altimétricas
– Dimini a velocidade das
águas
– Obstáculos
• Associação de culturas
– Recobrir áreas entre
fileiras de algodãoe café
– Favorece o equilíbrio
orgânico
• Cultivo de árvores
– Criar barreira contra a
erosão eólica
Cultivo seguindo as curvas de nível, em Venda Nova dos
Emigrantes –ES (2009)
VOÇOROCAS ou boçorocas!
• Sulcos de enormes
proporções.
• Como impedir?
• Desvio do fluxo de água;
• Controlar a velocidade
com plantio de grama,
taludes;
• Represamento.
Voçoroca em Manoel Viana –RS (2008)
MOVIMENTO DE MASSAS
• Encostas com declives
acentuados: => fenômenos
naturais
• => fazem parte da dinâmica
externa da terra
• => agentes da modelagem do
relevo ao longo do tempo
Ilha Grande RJ (2010) e Blumenau SC (2008)
Devem ser analisados considerando 2 fatores:
•
•
Natureza do material
movimentado (solo, detritos ou
rochas)
Velocidade do movimento
(desde cm/ano até 5 km/hora)
•
•
•
•
•
•
Podem ocorrer quedas ou
rolamentos de grandes blocos de
rocha montanha abaixo
Escoamento lento de solo em
vertentes de baixa declividade
Escorregamentos de solos em
encostas (mais frequentes, com
impactos sociais e ambientais)
Frequentes no verão (chuvas)
Ocorrem independente da ação
humana
Mas há os provocados por ação
antrópica (desmatamento,
acúmulo de peso, pedreiras e
depósito de lixo)
CONSERVAÇÃO DOS SOLOS EM FLORESTAS
• Aumento do processo
erosivo e empobrecimento
do solo;
• Assoreamento de rios e
lagos, resultante do
aumento do volume de
sedimentos, o que
• Extinção de nascentes
• Diminuição dos niveis
pluviométricos e
evapotranspiração
• Elevação das temperaturas
locais e regionais
• Agravamentodos processos
de dessertificação e
arenização
• Redução de atividades
extrativista vegetais e
turismo ecológico
• Proliferação de pragas e
doenças pelos desiquilíbrios
nas cadeias alimentares
Exercício I - Solos
1.
Explique sucintamente como os solos são formados, destacando a
ação do clima.
2.
Quais são as etapas do desgaste de solos provocado pelo processo
erosivo? Como combatê-lo?
3.
Como se formam as voçorocas? Quais são seus impactos no meio
ambiente?
4.
Por que ocorrem movimentos de massa em encostas? Aponte de
que forma a ação humana agrava esse processo e suas
consequências para a sociedade.
Vimos que o processo de formação de solos ocorre lentamente e está associada
a alguns fatores, principalmente ao clima e às condições de relevo. Em média,
cada centímetro de solo leva cerca de 100 anos
Atividade - I
Observe a ilustração a seguir e escreva um texto destacando a
importância da conservação dos solos para a agricultura e o meio
ambiente, na busca do desenvolvimento sustentável.'

похожие документы