Baixar

Report
Agropecuária e Economia do EUA
A economia dos Estados Unidos é a
maior economia do mundo, mantendo um alto nível de
produção per capita. Historicamente, a economia
estadunidense, tem mantido uma taxa de
crescimento do PIB estável,
uma baixa taxa de desemprego e
elevado níveis de pesquisa e de
investimento.
Agricultura: A indústria agrícola norte americana é uma das
maiores do mundo, sendo também um dos maiores exportadores.
As fazendas produzem grandes quantidades de produtos vegetais,
que são quase suficientes para atender à demanda nacional. O
excesso é exportado. Os EUA são os segundos maiores produtores
de laranjas e limões do mundo, perdendo apenas para nós, o Brasil.
A maior parte da produção nacional está concentrada na Florida.
Outra grande produtora, de frutas cítricas, é a Califórnia. O país
também é o maior produtor mundial de: milho, soja, amendoim,
trigo e algodão.
O uso de cada vez mais modernas técnicas de cultivo e de
maquinário agrícola cada vez mais avançados contribuiu para que os
Estados Unidos alcançasse a posição de maior potência agropecuária
do mundo.
Técnicas modernas
para colherem um
produto cada vez
melhor
Pecuária: Os Estados Unidos possuem o segundo maior rebanho
de gado bovino comercial do mundo, atrás somente do Brasil. A
Índia possui a maior população bovina do mundo, embora por
motivos religiosos este gado não seja utilizado para fins
comerciais. O solo norte americano possui aproximadamente
103 milhões de cabeças de gado. Além disso, o país possui
também grandes rebanhos suínos e ovinos. Galinhas e outros
aviários são criados nos Estados do centro-sul e do sul do país.
A indústria pecuária americana tem enfrentado nas últimas
décadas problemas meteorológicos com a seca. Isto fez com
que a população do gado americano caísse gradualmente nas
últimas décadas. Devido ao alto consumo de carne bovina no
país, os Estados Unidos passaram a importar carne e gado do
Canadá, para tentar minimizar o problema da diminuição
populacional dos rebanhos de gado americano.
Pesca: Os Estados Unidos produzem
anualmente mais de cinco milhões de
toneladas de peixe e outros animais e
vegetais marinhos e fluviais. O valor estimado
destes produtos é de 3,4 bilhões de dólares.
Apesar disso, a indústria da pesca possui, em
geral, pouca importância para a economia do
país, respondendo por 0,02% do PIB nacional.
Cerca de 150 mil pessoas trabalham como
pescadores regulares, isto é, fazem da pesca
sua profissão.
MANUFATURA
CONSTRUÇÃO
MINERAÇÃO
TURISMO
FINANÇAS
TRANSPORTES E TELECOMUNICAÇÕES
ELETRICIDADE
A economia agrícola dos EUA é tradicionalmente dividida
em cinturões (belts), como o cinturão do trigo (grain
belt ou wheat belt), cinturão do algodão (cotton belt) e
assim sucessivamente. Ao olhar no mapa dos Estados
Unidos, vemos que a localização dos cinturões (belts) está
vinculada a fatores como clima, relevo, proximidade de
mercado consumidor entre outros. O cinturão do sol (sun
belt) é a região dos Estados Unidos que compreende o sul e
sudoeste deste país. Essa região apresentou grande
crescimento econômico e demográfico nos últimos anos,
em comparação com o "cinturão da ferrugem" (rust belt em
inglês, região que compreende o norte e nordeste dos EUA).
Alunos: Fernanda D. Wehmuth
Jéssica T. Schenatto
Ketlyn Crespi
Tiago
2ºM2 – Professor Antônio

similar documents