Rota do Vinho – Açores - Seminário Vitivinicultura Atlântica

Report
Arlene Goulart
SEMINÁRIO “VITIVINICULTURA ATLÂNTICA – CONSTRUIR O FUTURO”
11 DE JUNHO DE 2011 - ILHA DO PICO
“É aqui que a luz dos
Açores atinge talvez a
perfeição. Nada que a
distraia – só o mesmo tom
no vasto quadro feito com
a mesma cor, variada até ao
infinito
em
nuances
delicadas. (…)
Há uma beleza nova que é
preciso encontrar – mas
depois
de
encontrada
nunca mais nos larga…”
Raul Brandão
“A cultura do Pico e dos Açores encerra,
manifestamente, emoção, gratidão,
generosidade, partilha”
“quem fez soube o
que fez, quem legou
merece ser respeitado”
“No Pico, fez-se um
caminho sobre a pedra.
De tal epopeia, são
testemunhos as rilheiras,
os rola-pipas, os currais,
os maroiços, os solares,
as ermidas, os poços de
maré, as adegas”
A ROTA DO VINHO DA
ILHA DO PICO
METODOLOGIA PARA A DEFINIÇÃO DAS ROTAS
• Diagnóstico dos Valores Culturais:
“O património é o pilar do Turismo Cultural”
• Selecção das Rotas Temáticas por Ilha
• Definição dos Percursos
Um vinho desta categoria não foi
criado para bebedores, mas sim para
entendidos e, como tal, terá a sua
perenidade assegurada, porque a
raridade
não
tem
preço.
Produzi-lo, constitui um desafio, mas
com ufania. Saboreá-lo, é sempre um
privilégio. Servi-lo, exige requinte.
Guardá-lo,
um
tesouro…
Tomaz Duarte
“Cultura Objectiva Passiva:
as Marcas do Passado”
• Adesão e Contratação dos Aderentes
• Produção de Material de Comunicação:
•Roteiros com mapa
• Sinalização Rodoviária Vertical
• Acções de Promoção
A SINALIZAÇÃO E O MAPA
Rota do Vinho
1. Museu do Vinho
2. Barca, Formosinha, Cais do Mourato e Cachorro, Lajido, Arcos,
Cabrito e Santana
3. Núcleo Museológico de Santa Luzia
4. Adega A Buraca
5. Prainha – Baía de Canas
6. Piedade - Engrade
7. São Mateus – núcleo de adegas
8. Candelária – Adega A Rodilha e Fogos
9. Criação Velha - Moinho do Frade, Lajido da Criação Velha
10. Cooperativa Vitivinícola da Ilha do Pico
OBRIGADO PELA ATENÇÃO

similar documents