ppt: o pre

Report
• FINALIDADE IMEDIATA – vivência do fundamental cristão que
significa viver a Graça, o plano de Deus, anunciando seu Reino e
seguindo a Cristo (pré-cursilho e retiro);
• FINALIDADE MEDIATA – convivência do fundamental cristão em
núcleos, grupos ou pequenas comunidades de fé, nos ambientes
(pós-cursilho e escola vivencial);
• FINALIDADE ÚLTIMA – evangelização dos ambientes: os
cursilhistas ou os grupos devem ser fermento do Evangelho em
seus ambientes (evangelização permanente de todos mundo e do
mundo todo).
Esta finalidade se alcança nos três tempos, que são essenciais
ao correto desenvolvimento do Movimento:
“TÃO ESSENCIAIS QUE, SE UM DELES DEIXA DE SER
CORRETAMENTE EXECUTADO, O MCC DEIXA DE SER O
QUE É.”
PRIMEIRO DOS TRES TEMPOS DO MCC
INÍCIO DO PROCESSO EVANGELIZADOR
O PRÉ CURSILHO COMPREENDE:
• O ESTUDO E A SELEÇÃO DOS AMBIENTES A EVANGELIZAR;
• A BUSCA, A SELEÇÃO E A PREPARAÇÃO DOS CANDIDATOS;
• A PREPARAÇÃO DOS ELEMENTOS ESPIRITUAIS, PESSOAIS E MATERIAIS
PARA O CURSILHO;
• O PLANEJAMENTO DO ACOMPANHAMENTO DOS CANDIDATOS NO
PÓS, PARA AMADURECIMENTO NA FÉ, E INSERÇÃO APOSTÓLICA NO
MUNDO.
• VEJO EM MINHA VOLTA ALGUM LUGAR QUE
PRECISE DE LUZ?
• EU QUERO LEVAR LUZ A ESTE LUGAR?
• QUAL FOI O ÚLTIMO CANDIDATO QUE INDIQUEI
PARA O CURSILHO?
• TENHO ACOMPANHADO SEUS PASSOS?
• TAREFA DE TODOS E DOS NUCLEOS AMBIENTAIS (PCFs);
• BUSCA DOS BATIZADOS AFASTADOS;
• VISUALIZAR E CONVIDAR OS CANDIDATOS;
• TRAZER SEU CANDIDATO PARA PRÓXIMO DAS PCFs,
ESCOLAS VIVENCIAIS OU DE SEU PROPRIO TESTEMUNHO;
• O CANDIDATO DEVE SABER O QUE É O MCC, DIANTE
DESTE CONHECIMENTO, DEVE ESTAR DISPOSTO A
PARTICIPAR DO RETIRO.
• É OPORTUNO LEMBRAR QUE O MCC ESCOLHE
EVANGELIZADORES PARA OS AMBIENTES, E NÃO,
“GENTE PARA FAZER CURSILHOS”;
• O CURSILHO É APENAS UMA PASSAGEM;
• O MCC É EVANGELIZADOR, É “AGENTE DE
LIBERTAÇÃO”;
• O PROCESSO A SER EMPREGADO É DE
“EVANGELIZAÇÃO” E NÃO DE “CURSILHIZAÇÃO”
• QUE O CURSILHO É UMA EXPERIÊNCIA
VIVENCIAL;
• PRECISA TER UMA DISPOSIÇÃO DE ESCUTA E
UMA ATITUDE DE CONVERSÃO INTEGRAL;
• DESPERTAR O DESEJO DE SE APERFEIÇOAR
COMO PESSOA E COMO CRISTÃO, E DE
PARTICIPAR DE UMA COMUNIDADE DE PESSOAS
E DE CRISTÃOS.
• AS FICHAS DEVEM SER PREENCHIDAS POR PESSOAS
PREPARADAS, QUE NÃO VENHAM A DAR
INFORMAÇÕES EQUIVOCADAS AO CANDIDATO;
• É NECESSÁRIO QUE AS INFORMAÇÕES IMPORTANTES
JÁ APONTADAS SEJAM ESCLARECIDAS AO CANDIDATO
NO MOMENTO DA FICHA.
• EM CASOS EXTRAORDINÁRIOS É NECESSÁRIO QUE
PARA EFETIVAR A PARTICIPAÇÃO SE CONSULTE A
COORDENAÇÃO DO MOVIMENTO, O PADRE OU O
PRÓPRIO BISPO.
• NO PRÉ-CURSILHO SE PREPARA OS CANDIDATOS
PARA OS CURSILHOS, VISANDO O PÓS CURSILHO;
• GENTE QUE PERTENÇAM A UMA COMUNIDADE E
SEJAM CAPAZES DE FAZER A DIFERENÇA NESTAS
COMUNIDADES;
Todo cursilhista é
responsável pelo tempo do
pré-cursilho, pela busca
dos ambientes e dos
candidatos.
(art.5º do estatuto do MCC)
1.
Animar e orientar os responsáveis sobre a
busca dos candidatos, dentro e fora do
aquário;
2.
A entrega e controle das fichas oferecidas
àqueles responsáveis que tenham candidatos
ao cursilho;
3.
Esclarecer como deve ser preenchida esta
ficha, quais as informações corretas a serem
passadas aos candidatos para evitar
equívocos;
4.
A seleção e preparação dos candidatos para fazer o
cursilho (reuniões preparatórias ou orientações
pessoais);
5.
Participar da montagem do retiro visando o
aproveitamento no pós-cursilho;
6.
Acompanhamento no pós-cursilho dos novos
cursilhistas e seus responsáveis, das comunidades
criadas a partir da participação dos candidatos no
pré e no retiro, e de novos candidatos a serem
observados e arrebanhados à comunidade cristã.
• Para fazer pré-cursilho é necessário conhecer pelo menos
as linhas gerais do MCC;
• Para fazer pré-cursilho deve-se falar de Deus ao candidato
e falar a Deus sobre o candidato;
• Para fazer pré-cursilho deve-se dar testemunho de
autentica vida cristã, viver a mensagem do Cursilho;
• Para fazer pré-cursilho deve-se estar disposto a
responsabilizar-se pela perseverança de seu candidato
durante um bom tempo, enquanto ele não incorporar-se
plenamente na comunidade cristã.
• Conhecemos mais ou menos a teoria. Na prática,
sentiremos com frequência a insegurança.
• Despertar a fome de Deus, esta é a nossa tarefa.
• Deus e a Sua graça decidirão em última
instância, “quem é que vai nessa barca de Jesus”.
(Ideias Fundamentais do Movimento de Cursilhos de Cristandade)

similar documents