Arsesp Audiência Pública

Report
AVALIAÇÃO DA TARIFA MÉDIA MÁXIMA
INICIAL (P0) PRELIMINAR E FATOR DE
GANHOS DE EFICIÊNCIA (X)
APLICÁVEIS AO SEGUNDO CICLO
TARIFÁRIO DA SABESP
1
IMPORTÂNCIA DO PROCESSO
PROPOSTA DA ARSESP
A NECESSIDADE
A CAPACIDADE DE PAGAMENTO DOS CLIENTES
CONCLUSÃO
2
IMPORTÂNCIA DO PROCESSO
3
METODOLOGIA DE RATING DA MOODY’S
4
“SPREAD” DE JUROS DE ACORDO COM O RATING
GRAU DE INVESTIMENTO
FONTE:BLOOMBERG
5
PROPOSTA DA ARSESP
6
PROPOSTA DA ARSESP COM BASE NO P0 – PÁGINA 42
1,94%
SOBRE
A
TABELA
TARIFÁRIA
VIGENTE EM 09/2012
7
PROPOSTA DA ARSESP COM BASE NA RECEITA REQUERIDA- PÁGINA 51
8
SUGESTÕES DA SABESP
 PUBLICAR TABELAS TARIFÁRIAS
 EXPLICITAR SE A TABELA TARIFÁRIA CONTÉM COFINS/PASEP
 EXPLICITAR SE A TABELA TARIFÁRIA CONTÉM TAXA DE
REGULAÇÃO
 EXPLICITAR SE A TABELA TARIFÁRIA CONTÉM OUTROS ENCARGOS
LEGAIS
9
A NECESSIDADE
10
TRAJETÓRIA NÃO SUSTENTÁVEL
Fonte: Balanço Patrimonial – IPCA 2011
Patamar de investimentos duplicado
Tarifa estagnada
11
PILARES DE SUSTENTAÇÃO
SUSTENTAÇÃO
MERCADOLÓGICA
UNIVERSALIZAÇÃO
FINAL DA DÉCADA
INVESTIMENTOS
2013 A 2016
R$ 10 BILHÕES
SUSTENTAÇÃO
TARIFA
RECEITA
LUCRO
FINANCEIRA
CONDIZENTE
ADEQUADA
COMPATÍVEL
O ATUAL CICLO TARIFÁRIO É VITAL PARA GARANTIR A UNIVERSALIZAÇÃO
12
LUCRO: GANÂNCIA OU NECESSIDADE?
TRAJETÓRIA NÃO SUSTENTÁVEL
13
A CAPACIDADE DE PAGAMENTO
DOS CLIENTES
14
CONTA DE ÁGUA NO ORÇAMENTO FAMILIAR
2,30%
Energia
elétrica
1,24%
Telefonia
fixa
0,96%
Telefone
celular
0,89%
Pacote de Telefone,
TV e Internet
0,70%
0,66%
Gás
Abastecimento
de água e
esgotamento
sanitário
Fonte: Pesquisa de Orçamentos Familiares 2008-2009 (IBGE)
Tabela 1.2.3.3 – Despesas média mensal familiar – área urbana - Região Sudeste
15
TARIFA SABESP X INFLAÇÃO
FONTE PRIMÁRIA: FIPE/USP
16
TARIFA SABESP : CONTA MÍNIMA (10 M3) X SALÁRIO MÍNIMO
17
MÉDIA DOS REAJUSTES TARIFÁRIOS DAS CIAS. ESTADUAIS (2006-2012*)
Média dos reajustes tarifários das Cias. Estaduais (2006-2012*)
* Valores não informados, ou não obtidos não foram considerados no cálculo das médias aritméticas.
18
REAJUSTES TARIFÁRIOS DAS CIAS. ESTADUAIS - 2012
Reajustes tarifários das Cias. Estaduais - 2012
Fonte: Própria
a partir
de dados
da AESBE
complementadas
por
consulta
sitio www.AESBE.gov.br de 13/01/2013.
* Valores não informados,
ou não
obtidos
não foram
considerados
no cálculo
das
médiasao
aritméticas.
19
TARIFA MÉDIA : SABESP X CESB'S
•
•
•
FONTE PRIMÁRIA: SNIS
160 MENOR DO PAÍS
MENOR DO QUE A MÉDIA NACIONAL
MENOR DO QUE A DE ESTADOS BEM MAIS VULNERÁVEIS
20
Tarifa Sabesp x Companhias Estaduais de Saneamento
RESIDENCIAL NORMAL
Comparativo entre Contas de Consumo de Água de 10 m³/mês
60
50
5ª Menor Tarifa
Residencial Normal
30
20
10
CAESA
CAEMA
COSANPA
CAER
SABESP
EMBASA
CAGECE
CAESB
AGESPISA
DESO
COPASA
CESAN
SANEPAR
CAGEPA
CASAL
SANEAGO
SANEATINS
CEDAE
SANESUL
CAERN
COMPESA
CASAN
CAERD
-
CORSAN
R$ / mês
40
Tarifa Sabesp x Companhias Estaduais de Saneamento
COMERCIAL NORMAL
Comparativo entre Contas de Consumo de Água de 10 m³/mês
120
100
2ª Menor Tarifa
Comercial Normal
60
40
20
CAER
SABESP
COPASA
SANESUL
CESAN
CAESA
COMPESA
CAERN
SANEPAR
AGESPISA
CAGEPA
CASAN
COSANPA
CAERD
CAEMA
DESO
CAGECE
CAESB
SANEAGO
EMBASA
CASAL
SANEATINS
CEDAE
-
CORSAN
R$ / mês
80
Tarifa Sabesp x Companhias Estaduais de Saneamento
INDUSTRIAL NORMAL
Comparativo entre Contas de Consumo de Água de 10 m³/mês
250
200
150
Industrial Normal
100
50
SABESP
COPASA
CAESA
SANEPAR
AGESPISA
CASAN
CAERN
CAGECE
CAEMA
CAESB
CAER
COMPESA
CAGEPA
SANEAGO
EMBASA
COSANPA
SANESUL
CESAN
CASAL
DESO
SANEATINS
CAERD
CEDAE
-
CORSAN
R$ / mês
A Menor Tarifa
Impacto hipotético nas contas – RMSP
Aumento hipotético de 10% na conta de água e esgoto – Residencial Social
• RENDA ATÉ 3 S.M.
• ÁREA ÚTIL ATÉ 60 M2
• DESEMPREGADO
Impacto hipotético nas contas – RMSP
Aumento hipotético de 10% na conta de água e esgoto – Residencial Normal
Significado em poder de compra
Aumento hipotético de 10% na conta de água e esgoto – Residencial Normal
– Na RMSP, para um domicílio que utiliza 14.000 litros de água por mês, um
acréscimo hipotético de R$ 5,18 na conta de água e de esgoto equivale a consumir,
alternativamente:

Três garrafas de água mineral

Dois cafés expressos

Dois refrigerantes

13 minutos no celular

Ônibus ida e volta
– Com 14.000 litros de água é possível, alternativamente:

Lavar o rosto: 5.600 vezes

Escovar os dentes: 2.800 vezes

Dar descarga: 1.500 vezes

Tomar banho: 300 vezes

Lavar roupa: 105 vezes
Impacto hipotético nas contas – RMSP
Aumento hipotético de 10% na conta de água e esgoto – Comercial
Impacto hipotético nas contas – RMSP
Aumento hipotético de 10% na conta de água e esgoto – Industrial
CONCLUSÃO
29
CONCLUSÃO
NECESSÁRIO
REAJUSTE
TARIFÁRIO
CONDIZENTE
JUSTIFICÁVEL
ACESSÍVEL
30

similar documents