CP4- Uma nova identidade europeia em construção

Report
CP4- Uma nova identidade europeia em construção: o papel da multiculturalidade e
da diversidade
Património Mundial
Origem: Wikipédia
Património Mundial ou Património da Humanidade é um local como florestas,
cordilheiras, lagos, desertos, edifícios, complexos ou cidades, especificamente
classificado pela UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Cultura, Ciência e
Educação). ***
O programa de classificação visa catalogar e preservar locais de excepcional
importância cultural ou natural, como património comum da humanidade.
Os locais da lista podem obter fundos do World Heritage Fund sob determinadas
condições.
O programa foi fundado pela Convenção sobre a Protecção do Património Cultural
e Natural, adoptado pela Conferência Geral da UNESCO de 16 de Novembro de
1972. Em 2009, estavam listados um total de 885 sítios, sendo 684 culturais,
176 naturais e 25 mistos, em 148 países diferentes.
Portugal
•Centro Histórico de Angra do Heroísmo (1983) - Angra do
Heroísmo, Açores
•Mosteiro dos Jerónimos e Torre de Belém (1983) - Lisboa
•Mosteiro da Batalha (1983) - Batalha
•Convento de Cristo (1983) - Tomar
•Centro Histórico de Évora (1986) - Évora
•Mosteiro de Alcobaça (1989) - Alcobaça
•Paisagem Cultural de Sintra (1995) - Sintra
•Centro Histórico do Porto (1996) - Porto
•Sítios de Arte Rupestre do Vale do Côa (1998)
•Floresta Laurissilva da Ilha da Madeira (1999) - Madeira
•Centro Histórico de Guimarães (2001) - Guimarães
•Região Vinhateira do Alto Douro (2001)
•Paisagem da Cultura da Vinha da Ilha do Pico (2004) Pico,
Açores
Para a inclusão de um sítio na lista do Património Mundial, ele deve atender a pelo menos um dos
seguintes critérios:
•
•
•
•
•
•
•
•
•
•
(i) – representar uma obra-prima do gênio criativo humano; ou
(ii) – mostrar um intercâmbio importante de valores humanos, durante um determinado tempo ou
em uma área cultural do mundo, no desenvolvimento da arquitetura ou tecnologia, das artes
monumentais, do planejamento urbano ou do desenho de paisagem; ou
(iii) – mostrar um testemunho único, ou ao menos excepcional, de uma tradição cultural ou de uma
civilização que está viva ou que tenha desaparecido; ou
(iv) – ser um exemplo de um tipo de edifício ou conjunto arquitetônico, tecnológico ou de
paisagem, que ilustre significativos estágios da história humana; ou
(v) – ser um exemplo destacado de um estabelecimento humano tradicional ou do uso da terra,
que seja representativo de uma cultura (ou várias), especialmente quando se torna(am)
vulnerável(veis) sob o impacto de uma mudança irreversível; ou
(vi) – estar diretamente ou tangivelmente associado a eventos ou tradições vivas, com idéias ou
crenças, com trabalhos artísticos e literários de destacada importância universal;
(vii) – conter fenômenos naturais excepcionais ou áreas de beleza natural e estética de excepcional
importância; ou
(viii) – ser um exemplo excepcional representativo de diferentes estágios da história da Terra,
incluindo o registro da vida e dos processos geológicos no desenvolvimento das formas terrestres
ou de elementos geomórficos ou fisiográficos importantes; ou
(ix) – ser um exemplo excepcional que represente processos ecológicos e biológicos significativos
da evolução e do desenvolvimento de ecossistemas terrestres, costeiros, marítimos ou aquáticos e
comunidades de plantas ou animais; ou
(x) – conter os mais importantes e significativos habitats naturais para a conservação in situ da
diversidade biológica, incluindo aqueles que contenham espécies ameaçadas que possuem um
valor universal excepcional do ponto de vista da ciência ou da conservação.
http://www.unesco.pt/cgi-bin/cultura/temas/cul_tema.php?t=17
TAREFA:
• Seleccionar um local ou um bem classificado como património
da humanidade (material/imaterial, tangível/intangível);
• Identificar os critérios que estiveram subjacentes à sua
classificação;
• Fazer pesquisa (texto e imagem) e tratá-la;
• Apresentar o trabalho ao grupo.
Património cultural imaterial (ou património
cultural intangível) é uma concepção de
património cultural que abrange as expressões
culturais e as tradições que um grupo de
indivíduos preserva em respeito da sua
ancestralidade para as gerações futuras. São
exemplos de património imaterial: os saberes,
os modos de fazer, as formas de expressão,
celebrações, as festas e danças populares,
lendas, músicas, costumes e outras tradições.

similar documents