Apresentação Siafi Gerencial

Report
Noções Básicas do
SIAFI Gerencial
SUMÁRIO
• INTRODUÇÃO
• O QUE É O SIAFI GERENCIAL
• OBTENÇÃO DA INFORMAÇÃO
- Formas Atuais
• SIAFI GERENCIAL
- Ambiente
- Características
- Acesso / Segurança
• CONSULTA CONSTRUÍDA
- Parâmetros
- Fundamentos
- Componentes
• SAÍDA DA CONSULTA
- Facilidades do Excel
- Barra de Ferramentas SIAFI
• MÓDULOS DE EXERCÍCIOS
Introdução
 O que é o SIAFI Gerencial?
 Existe diferença entre as informações do
SIAFI Operacional e o SIAFI Gerencial ?
Como obter estas informações ?
3
Introdução
Atividade Financeira do Governo Federal
Receita
ORÇAMENTO
Despesa
Atos e Fatos decorrentes da Atividade Financeira
Cobrança
de Multas
e Juros
e Orçamentária do
Governo
Federal
Isenções
Incentivos
Deduções
Inscrições em
Dívida Ativa
Arrecadação de Receitas
Previsão • Lançamento • Arrecadação • Recolhimento
Convênios
Depósitos
Restos a Pagar
Suprimentos
de Fundos
Contratos
Execução de Despesas
Fixação • Empenho • Liquidação • Pagamento
Diárias
Licitações
Atos e Fatos
Como o SIAFI registra essas informações???
4
Modelo do Siafi
Receita
ORÇAMENTO
Despesa
Atos e Fatos decorrentes da Atividade Financeira
e Orçamentária do Governo Federal
SIAFI
Tabelas
NE
NP
Documentos
(Entrada do SIAFI)
Matriz de
Saldos Contábeis
SF
NL
OB
Registros
Automáticos em
Contas Contábeis:
D e C (Eventos)
RA
NC
de Apoio
Administrativas
Orçamentárias
Indicadores
Contábeis
Unidades
Gestoras
Eventos
Órgãos
Programa de
Trabalho
Contas
UO
PTRES
...
...
...
Balancete
Fonte
Balanços e
Demonstrativos
5
A Consulta Gerencial
Relatórios
Gerenciais
Receita
ORÇAMENTO
Despesa
Atos e Fatos decorrentes da Atividade
Financeira Gerencial:
Consulta
e Orçamentária do Governo Federal
Relacionamentos entre as Tabelas
(SIAFI Gerencial)
SIAFI
Tabelas
NE
NP
Documentos
(Entrada do SIAFI)
Matriz de
Saldos Contábeis
SF
NL
OB
Registros
Automáticos em
Contas Contábeis:
D e C (Eventos)
RA
NC
de Apoio
Administrativas
Orçamentárias
Indicadores
Contábeis
Unidades
Gestoras
Eventos
Órgãos
Programa de
Trabalho
Contas
UO
PTRES
...
...
...
Balancete
Fonte
Balanços e
Demonstrativos
6
Siafi x Siafi Gerencial
Todos os estágios da execução orçamentária devem ser realizados e registrados no Siafi
Entradas do Siafi
Saídas do Siafi
Siafi
Gerencial
Outros Sistemas
Governamentais
Documentos eletrônicos
específicos para cada
estágio da despesa
Contas
Contábeis
XXXXX
Banco de Dados
não-relacional
(Adabas)
XXX XXXXXX XXXX
XXXX XXXXX XXX
XXXX XXX XXX X X XXX
(D+1)
Banco de Dados
relacional
(Oracle)
Siafi
Usuários
Relatórios
Gerenciais
Registro Contábil
automático e online
(D)
Usuários
Demonstrativos
Contábeis
(D+1)
7
Exemplo Prático: Decodificando o Conta Corrente
Natureza da Despesa Detalhada =
33901514
(>CONCONTA)
Categoria Econômica 3 –
Despesas Correntes
Grupo da Despesa 3 – Outras
despesas correntes
Mod. De Aplicação 90 –
Aplicações Diretas
Elemento de Despesa 15 –
Diárias - militar
Subitem 14 – Diárias no país
Plano interno (>CONPI)
UG Responsável = 110407
(>CONUG) 110407 – DEORF /ORGAO: 52000 MINIST.DA DEFESA
Fonte de Recursos = 0100000000 : Recursos Ordinários
(>CONFONTE)
PTRES = 060220
(>CONPTRES)
>CONPT
Função 05 – Defesa Nacional
Subfunção 212 – Cooperação internacional
Programa 2057 – Política Externa
Ação 20X1 – Participação Brasileira em Missões
de Paz
Localização de Gasto 0001 – Nacional
Esfera Orçamentária = 1 – “Orçamento Fiscal”
9
Uma consulta gerencial “manual”
Despesas liquidadas no
elemento de despesa 41
Natureza de Despesa
Elemento de Despesa
39.670.235,35
9
O QUE É O SIAFI GERENCIAL ?
?
Um extrator de informações, em ambiente
Windows, baseado nos
dados
de
Execução
Orçamentária,
Financeira, Contábil e
Patrimonial
existentes
no SIAFI Operacional.
OBTENÇÃO DA INFORMAÇÃO
FORMAS ATUAIS

Sistema SIAFI
 Consultas
Estruturadas
 Extrator de Dados
 Apurações Especiais
 SIAFI GERENCIAL
 Consulta Construída
 Consulta Não
Estruturada
SIAFI GERENCIAL
CARACTERÍSTICAS
• Controle de Acesso / Segurança
• Processo de Busca da Informação
• Cruzamento de Dados
• Linguagem: Contábil ==> Conceitual
• Tipo de Saída da Informação
• Ambiente Windows
ACESSO / SEGURANÇA
• Situação do Usuário
– ATIVO............... Normal
– INATIVO........... Sem uso (+ 30 dias)
– BLOQUEADO... Senha x 3 tentativas
• Níveis
– SIAFI Operacional x SIAFI Gerencial
OPERADORES LÓGICOS
São parâmetros que você defini, para delimitar ainda mais a sua seleção.
Opr código
•
•
•
•
•
= maio Ex.: Somente o mês de mai;
> maio Ex.: meses de jun, jul e ago(mês corrente).
>= maio Ex.: meses de mai, jun, jul e ago(mês corrente).
< maio Ex.: meses de jan a abr;
<= maio Ex.: meses de jan a maio.
EX maio (exceto) Ex.: meses de jan, fev, mar, abr, jun, jul e ago (mês corrente)
•
exceto o mês de maio.
Obs: Se o operador lógico escolhido for “=” ou “EX”, pode ser informado mais de um código ou
combinação, bastando empregar a vírgula ou o hífen. Exemplos:
= maio, junho Ex.: Somente os meses de maio e junho;
EX maio, junho Ex.: todos os meses do ano, até o mês
corrente, exceto o mês
de maio e junho.
14
PARÂMETROS GERAIS
São parâmetros que estão presentes em toda
consulta, pois são válidos para qualquer conta
corrente.
• AMPLITUDE / UG EXEC
• GERE FUNDO
• ESF ADM / UG EXEC
• TIPO DE VALOR
• ITEM DE INFORMAÇÃO
• MÊS DE REFERÊNCIA
• MUNICÍPIO / UG EXEC
• ORC FISC SEG SOCIAL
• PODER / UG EXEC
•
•
•
•
•
•
•
•
•
SET CONT/ORG UG EXEC
SUBÓRGÃO
TIPO ADM / UG EXEC
GESTÃO EXECUTORA
UF / UG EXEC
UG EXECUTORA
ÓRGÃO SUBORDINADO
ÓRGÃO SUPERIOR
ÓRGÃO / UG EXEC
PARÂMETROS ESPECÍFICOS
São parâmetros que estão vinculados à conta
corrente.
EXEMPLO
Conta Corrente
====>
Domicílio Bancário
Agência
PARÂMETROS
Banco
Conta
ITEM DE INFORMAÇÃO
É a unidade conceitual estruturada
com base nas Contas Contábeis e em
outros itens, associando a eles
operadores aritméticos, e utilizado
para compor a informação gerencial.
ITEM DE INFORMAÇÃO
REGRAS
• CCONT
– Criação de Itens a partir de Contas
Contábeis. São os Itens básicos.
– Uso: Nível de UG ou Geral.
• UG
– Criação de Itens a partir de outros
Itens.
– Uso: Nível de UG.
GRUPO DE ITENS
É o agrupamento de
itens de informação,
logicamente
organizados pelo
usuário, para
construção de
informações
gerenciais.
USO
Nível de UG
ou
Geral
A consulta construída: origem dos dados
Exemplo:
Construir consulta sobre o crédito disponível de
Determinada UG.
Que conta contábil é responsável por
essa informação no Siafi?
29211.00.00
Para usar essa informação no Siafi,
é preciso construir um item de informação
que se baseie nessa conta contábil
CRED DISPONIVEL
A próxima etapa é escolher o itens de informação
que se deseja utilizar na consulta e agrupá-los em
um grupo de informação.
É o grupo de informação que será utilizado
na CONSULTA CONSTRUÍDA!
Grupo de Informação:
CREDITO DISPONIVEL
20
O passo a passo para elaborar a Consulta
Construída
Conta Contábil
Item de Informação
Grupo de Informação
Consulta Construída
Relatório
SIAFI
GERENCIAL
OBTENÇÃO DA INFORMAÇÃO
C
O
N
GRUPO
DE ITENS
ITEM DE
INFO
CONTA
CONTÁBIL
S
U
L
T
A
C
O
N
S
T
R
U
Í
D
A
CRÉDITO EXECUTADO
PARÂMETROS
* Crédito Disponível
* Empenho Emitido
GERAIS
ESPECÍFICOS
Empenho
EmitidoLiquidado
=E 292410101
+ 292410109
* Empenho
* Empenho a Liquidar
Crédito Disponível = 292410000
UG
GESTÃO
CONTA
CORRENTE
MÊS
VALOR
As abas da Consulta Construída e suas
funções
Contexto
Defini o que o usuário quer
pesquisar (Grupo de contas
e filtros da consulta)
Parâmetros Obrigatórios:
(1) Mês de Referência
Apresentação
Defini como o relatório será
apresentado na planilha
eletrônica
Parâmetros Obrigatórios:
(1) Tipo de Valor
(2) Item de Informação
(3) Mês de Referência
Consulta
Grava os parâmetros da consulta
CONSULTA CONSTRUÍDA
CONTEXTO
Especifica sobre qual informação
(Grupo) a consulta vai tratar, o Tipo
de Valor, e que dados serão
selecionados (Filtro).
Grupo de Informação
CONTEXTO
Tipo de Valor
Filtro de Seleção
CONSULTA CONSTRUÍDA
APRESENTAÇÃO
Especifica a forma de classificação e
de apresentação
(layout)
dos
dados.
Título
APRESENTAÇÃO
Subtítulo
Moeda
Unidade Monetária
Cabeçalho
Detalhe (Linha/Coluna)
CONSULTA CONSTRUÍDA
CONSULTA
Permite a gravação e a manutenção
posterior das Consultas Construídas
definidas pelo Usuário, sem que haja
a reestruturação da consulta a cada
necessidade
de
obtenção
da
informação já projetada.
CONSULTA
Sigla
Descrição
SAÍDA DA CONSULTA CONSTRUÍDA
PLANILHA EXCEL
• Facilidades(Excel) • Barra de
Ferramentas
– Gráficos
– Edição
– Cálculos
– Gravação
– Impressão
– GRÁFICO PADRÃO
–
–
–
–
–
TIPOS DE GRÁFICO
GERAR GRÁFICO
CALCULAR TOTAIS
PORCENTAGEM
IMPRESSÃO RÁPIDA
Módulo I
Ambiente e Consultas Básicas
31
1. Apresentação do ambiente SIAFI Gerencial:
janelas e transações disponíveis;
2. Consultar as principais tabelas: Órgão,
Unidade Orçamentária (UO), Unidade Gestora
(UG), Gestão, Programa de Trabalho (PT),
Fonte de Recursos;
3. Extração de informações sobre os eventos
contábeis; e
4. Consulta de documentos do SIAFI: Nota de
Empenho (NE), Nota de Crédito (NC),
Proposta de Programação Financeira (PF),
Ordem Bancária (OB), Nota de Lançamento
(NL), entre outros.
32
Módulo II
Exercícios
Acesse o SIAFI Gerencial
33
Exercício 1 (NC, NE, OB):
Realizar consultas no SIAFI Gerencial no
módulo DOCUMENTOS para sua UG da
seguinte forma:
1) Notas de Crédito do ano de 2013 na qual
sua UG recebeu créditos;
2) Empenhos emitidos em 2012 no elemento
de despesa 39 (outros sv de 3º -PJ).
Selecione um prestador de sv (CNPJ) para
uso no exercício seguinte ;
3) Ordens Bancárias de 2013 para o
fornecedor selecionado no exercício
anterior (CNPJ);
4) Ordens Bancárias com data de emissão a
partir de maio de 2013 (usar >).
34
Exercício 2 (NC, ND):
Em relação aos documentos que transferiram
créditos para sua UG em 2013:
1) Lista Completa dos Documentos
2) Créditos recebidos referentes à subfunção
ADMINISTRAÇÃO GERAL.
35
Exercício 3 (PF):
Em relação aos documentos que transferiram recursos
para sua UG em 2013:
1) Quais Espécies(ações) de PF transferem recursos para
sua UG?
2) Sua UG já fez alguma transferência de recursos para
outra? Quais?
3) Qual o valor total das transferências de recursos
recebidas na fonte 100?
36
Exercício 4 (Diversos):
Em relação aos documentos diversos que sua UG
pode utilizar em 2013:
1) Sua UG faz Pré-Empenho? Caso positivo, peça
a lista.
2) Sua UG tem alguma receita própria? Caso
positivo, peça a lista.
37
Exercício 5 (NE):
Em relação aos documentos de empenho em 2013:
1) Lista Completa dos Empenhos a partir de março
2) Empenhos de Material de Consumo
3) Pessoa Física que mais recebeu empenhos para
Diárias em sua UG
4) Empenhos de Dispensa de Licitação com valor
superior a R$ 8.000,00
38
Módulo III
Exercícios
Acesse o SIAFI Gerencial;
Abra
o
manual
Siafi
Gerencial: Itens e Grupos de
Informação recomendados.
39
Exercício 1 (PLOA)
Realizar duas consultas no SIAFI Gerencial
utilizando o Grupo de Informação PLOA INIC
C/
RESULT
em
seu
órgão
superior
apresentando os seguintes resultados:
a) Projeto de Lei Orçamentária por programa.
b) Projeto de Lei Orçamentária por programa e
fonte de recursos.
40
Exercício 2 (Criação de Grupo de Informação)
Imagine que seu chefe solicitou informações mais detalhadas
sobre a dotação de sua unidade. Assim, ele solicitou que você
criasse um grupo de informação para consultar essas
informações do seguinte modo:
a) Formar o grupo de informação com dois itens de informação:
DOTAÇÃO INICIAL e DOT ADICIONAL para que ele veja na
consulta uma coluna com a dotação da LOA e outra coluna com
a informação de todos os créditos adicionais. Salve com o nome
TESTE NOME DOTAUTDET
b) Não satisfeito, solicitou a criação de outro grupo de
informação com informações mais desagregadas sobre os
créditos adicionais. Ele teve a bondade de indicar três itens de
informações que podem ser usados para isso: DOTAÇÃO
ESPECIAL, DOTAÇÃO SUPLEMENTAR e DOT EXTRAORDIN. Logo,
você deve criar um grupo de informação com os itens acima e
mais a DOTAÇÃO INICIAL para sabermos todas as informações
orçamentárias do seu órgão. Salve com o nome TESTE NOME
DOTAUTDET2.
41
EXERCÍCIO 3 (Dotação Total)
Utilizar o grupo DOTAÇÃO TOTAL e
elaborar consulta construída apresentando
o total de dotação inicial, suplementar,
especial e extraordinária fixada para a UO
da sua UG.
1) Filtrar Fonte SOF 0100 e Grupo de
Despesa 1.
2) Apresentar o resultado da consulta por
EO e/ou PT.
EXERCÍCIO 4
Utilizando o grupo DOT MOV INT realize
consulta
construída
apresentando
as
provisões recebidas pela sua UG.
1) Apresentar o resultado por programa e
fonte de recurso.
2) Ordene as provisões recebidas por
valores de forma decrescente.
EXERCÍCIO 5
Utilizando o grupo MOVIMENTO CRÉDITOS
realize consulta construída apresentando
as provisões recebidas e concedidas,
destaques recebidos e concedidos pela sua
UG.
1) Apresentar o resultado por programa e
fonte de recurso.
2) Ordene as destaques recebidas por
valores de forma decrescente.
Módulo IV
Exercícios
Acesse o SIAFI Gerencial; e
Abra o manual Siafi Gerencial:
Itens e Grupos de Informação
recomendados.
45
Exercício 1 (EMPENHOS EMITIDOS)
1) Suponha que seu chefe solicitou para você algumas
despesas já empenhadas para sua UG e você
encontrou o Grupo de itens DESPESAS EMPENHADAS.
2) Realize três consultas no SIAFI Gerencial utilizando
com o grupo acima, em sua UG, apresentando os
seguintes resultados:
a) O total de empenhos emitidos para despesas de
pessoal por programas.
b) Consulta: O total de empenhos emitidos para
material de consumo em cada projeto/atividade.
c) Os empenhos mensais de diárias por UG.
46
Exercício 2 (EXECUÇÃO DA DESPESA)
A administração financeira orçamentária considera a liquidação o
último estágio da execução orçamentária da despesa. É
interessante notar que o gestor, ao realizar a liquidação a
despesa, é obrigado a detalhar sua natureza (sub-elemento da
despesa). Essa é a informação mais desagregada que se pode
obter das despesas realizadas pelo Governo Federal.
O grupo de informação DESPESAS LIQUIDADAS tem apenas o
item de informação DESPESAS LIQUIDADAS. Faça três consulta
utilizando esse grupo de informação para sua UG ou órgão
superior, apresentando os seguintes resultados:
1) Consulta: Total da despesa liquidada de investimentos por
programas e fonte de recursos.
2) Consulta: Liquidação mensal das despesas de custeio por
natureza da despesa e natureza da despesa detalhada.
3) Consulta: Liquidação mensal das despesas de investimento
por programas, natureza da despesa e natureza da despesa
detalhada. (USO DO PROC-V)
47
Exercício 3
O grupo de informação DESPESA PAGA é formado pelo
item de informação VALORES PAGOS, que representa a
conta 2.9.241.04.03, e o item de informação CREDITO
PAGO, que representa a conta 2.9.213.0301. Essas contas
contábeis são sensibilizadas todas as vezes que se emite
uma OB. Neste caso, podem-se solicitar informações até o
elemento de despesa (natureza da despesa). Faça duas
consultas de valores pagos para custeio em seu órgão
superior, apresentando o seguinte formato:
1) Total de empenhos pagos por UG em suas respectivas
projeto/atividade e fontes de recursos.
2) Empenhos pagos mensais por natureza de despesa e
suas respectivas fontes de recursos.
48
Exercício 4
Faça consultas ao seu querido chefe utilizando
o grupo DESPESA PAGA no formato abaixo:
1) Informações de custeio e investimento por
programa e fonte de recursos;
2) Informações de pessoal por natureza de
despesa;
3) Informações
de
investimento
por
programa, elemento de despesa e fonte de
recursos. (USO DO PROC-V)
49
Exercício 5
Utilizando o grupo de
MENSAL apresentando:
informação
PUBLIC
1) Informações de custeio e investimento por
programa e fonte de recursos;
2) Informações de pessoal por natureza de
despesa;
3) Informações de investimento por programa,
elemento de despesa e fonte de recursos.
(USO DO PROC-V)
50
Exercício 6
Utilizando o grupo de informação EXEC NE
SUBITEM, faça duas consultas de valores pagos
para
custeio
em
sua
UG
Executora,
apresentando os resultados:
1. Execução da despesa por entidade (credor);
2. Execução da despesa por empenho e
entidade;
3. Informe para qual subitem da despesa houve
o maior volume de empenhos emitidos;
4. Qual o credor que teve o maior volume de
empenhos pagos.
51
Exercício 7
Imagine que seu chefe analisou suas consultas
já
realizadas
e
solicitou
um
relatório
consolidado
das
informações
de
dotação
autorizada, empenhos emitidos, empenhos
liquidados e empenhos pagos. Assim, utilize o
grupo PUBLIC MENSAL, formado pelos itens de
informação
DOTAÇÃO
INICIAL,
DOTAÇÃO
ATUALIZADA,
DESPESAS
EMPENHADAS,
DESPESAS LIQUIDADAS e DESPESA PAGA DESP
EXECP/ INSC RP apresentando os resultados por
elemento de despesa.
52
Módulo VII
Restos a Pagar
53
Exercício 1
Utilizando o grupo de informação RP PROC N
PROC CCONT realize consulta construída de
restos a pagar na sua UG em 2013.
1. Apresente os resultados por elemento de
despesa;
Salve a consulta;
Elabore um gráfico.
54
Exercício 2
Utilizando o grupo de informação RP PROC N
PROC NE realize consulta construída de restos a
pagar na sua UG em 2013.
1. Apresente os resultados por credor;
2. Verifique qual o credor que teve o maior
volume de restos a pagar processados pagos.
55
Exercício 3
Utilizando o grupo de informação PUBLIC
MENSAL realize consulta construída
demonstrando a dotação e as fases da execução
orçamentária na sua UG em 2012.
1. Apresente os resultados por elemento de
despesa;
2. Faça uma análise do resultado da consulta,
avaliando como se portou a inscrição de restos a
pagar não processados na sua UG ao final do
exercício.
56
LEMBRETES:
 Verificar, no sítio, do Tesouro Nacional os itens e
grupos de informações recomendados.
Tendo dúvidas, consultar o Manual Técnico de
Orçamento
57

similar documents