Apresentação do PowerPoint

Report
Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil
Potencial de investimento na cadeia da
Silvicultura
Comissão Nacional de Silvicultura e Agrossilvicultura
Agosto de 2014
Área e distribuição do total de plantios de
Eucalyptus e Pinus nos Estados do Brasil,
4.53%
2.60%
10.43%
13.89%
68.55%
Sudeste
Nordeste
Centro Oeste
Norte
Sul
Fonte: ABRAF (2012)
Evolução da área de plantios florestais no Brasil
6,800
6,600
1.000 hectares
6,400
6,200
6,000
5,800
5,600
5,844
6,158
6,310
6,511
6,516
6,665
5,200
5,632
5,400
2006
2007
2008
2009
2010
2011
2012
5,000
Fonte: ABRAF (2012)
Dados Gerais do Setor Florestal
 220 empresas com atividade em 540 municípios, localizadas em 18
Estados
 2,2 milhões de hectares de florestas plantadas para fins industriais
 2,9 milhões de hectares de florestas preservadas
 2,7 milhões de hectares de área florestal total certificada
 Exportações: US$ 7,2 bilhões
 Saldo comercial: US$ 5,1 bilhões
 Impostos pagos: R$ 3,5 bilhões
 Investimentos: US$ 12 bilhões nos últimos 10 anos
 Empregos: 128 mil diretos (77 mil na indústria, 51 mil na floresta),
575 mil indiretos
Fonte: ABRAF (2012)
Produtividade Nacional de Eucalipto e Pinus
(m³/ha/ano)
Maior
produtividade
mundial
41
30
Eucalipto (Fibra curta)
Pinus (Fibra longa)
30
25
20
10
Brasil
EUA
Fonte: BRACELPA (2012)
Chile
4 2
5 4
Suécia
Canadá
Ranking da produção mundial de celulose
60000
50000
1.000 ton
40000
30000
20000
10000
0
Fonte: BRACELPA (2012)
4º maior
produtor
mundial
16000
14000
12000
10000
8000
6000
4000
2000
0
*Jan-Nov
Produção
Fonte: BRACELPA (2012)
Exportação
2012*
2011
2010
2009
2008
2007
2006
2005
2004
2003
2002
Taxa média de
crescimento
(a.a.)
Produção
5,17 %
Exportação
8,58 %
Importação
2,17 %
2001
1000 ton
Evolução da Produção, Exportação e Importação
Celulose
Importação
Perspectiva de Produção, Consumo e Exportação
de Papel
2020/2021
12,696
10,425
11,890
9,495
2,474
2,127
Produção
Fonte: MAPA (2012);
Exportação
Consumo Aparente
30
12
25
10
20
8
15
6
10
4
5
2
0
0
2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012
Produção Celulose
Produção Papel
Consumo Celulose
Consumo Papel
Fonte: BRACELPA (2012)
Consumo (milhões ton)
Produção (milhões ton)
Produção e Consumo de Celulose e Papel no Brasil
Histórico 2002-2012
Perspectiva de Produção, Consumo e Exportação
de Celulose
2020/2021
18,790
15,030
12,259
8,751
7,591
6,396
Produção
Fonte: MAPA (2012);
Exportação
Consumo Aparente
Produção e consumo de produtos de florestais* no
Brasil
Histórico 2002-2012
20
18
16
Milhões m³
14
12
10
8
6
4
2
0
2002
2003
2004
2005
2006
Produção
2007
2008
2009
2010
Consumo
*Painéis de madeira industrializada; *Madeira processada mecanicamente;
*Madeira serrada; e, Produtos de maior valor agregado (PMVA)
Fonte: ABRAF, 2013
2011
2012
Exportação total de produtos florestais
Histórico 2000-2012
12,000
16
14
10,000
8,000
Milhões (US$)
10
6,000
8
6
4,000
4
2,000
2
0
2000
2001
2002
2003
2004
2005
Peso (ton)
Fonte: AGROSTAT
2006
2007
2008
Valor (US$)
2009
2010
2011
2012
Milhões (ton)
12
Perfil da cadeia produtiva
Região
Norte
Nordeste
Centro
Oeste
Sudeste
Sul
Principais
derivados da
madeira
Lenha,
carvão
vegetal e
biomassa
Lenha,
carvão
vegetal
Lenha,
carvão
vegetal
Lenha,
carvão
vegetal e
biomassa
Lenha e
biomassa
Porte dos
produtores
(plantadas)
Principais
consumidores
Grandes,
médios e
pequenos
Madeireiras,
cerâmicas,
siderúrgicas e
outras
Papel e celulose,
siderúrgicas,
gesso, outras
Grandes e
médios
Papel, celulose,
grãos e
siderúrgicas
Grandes,
médios e
pequenos
Grandes,
médios e
pequenos
Indústrias de
papel e celulose,
Siderúrgicas e
PMVA
Indústrias de
papel e celulose
e PMVA
Grandes
Organização e
práticas de
gestão da cadeia
Grau de
tecnologia
Baixa e pouco
frequente
Baixo
Existente
Médio
Baixa e pouco
frequente
Médio
Existente e
frequente
Alto
Existente e
frequente
Alto
Retorno florestal supera os principais
investimentos no Brasil
Retorno Econômico (2008-2012)
FONTE: CONSUFOR, 2014.
Investimento Florestal: melhor relação entre risco e
retorno
Índice de Sharpe (2008-2012)
FONTE: CONSUFOR, 2014.
Retorno florestal supera os principais
investimentos no Brasil
RISCO (2008-2012)
FONTE: CONSUFOR, 2014.
Considerações finais
•
O investimento florestal gera um retorno ambiental e social, além do
econômico, incomparável com as demais alternativas analisadas, uma vez que
gera benefícios diretos para a economia da região do empreendimento.
•
Há grande expectativa de que os eventos esportivos (Copa do Mundo e
Olimpíadas) combinados com os programas habitacionais dos governos e com
o desenvolvimento orgânico do setor da construção civil, impulsionarão em
muito a demanda por madeira no Brasil. Além dessa demanda, os setores de
celulose (com diversas expansões anunciadas) e energia (carvão, secagem de
grãos e energia elétrica) também puxarão a demanda nos próximos anos.
•
Esse cenário demonstra que o investimento florestal no Brasil continuará
sendo uma excelente oportunidade de negócio.
FONTE: CONSUFOR, 2014.

similar documents