Apresentação INSTITUCIONAL 2014

Report
TRATOLIXO E.I.M.
Setembro de 2014
www.tratolixo.pt
www.tratolixo.pt
|2
Apresentação da Tratolixo E.I.M
A TRATOLIXO – Tratamento de Resíduos
Sólidos, EIM, é uma empresa
intermunicipal de capitais
integralmente públicos, detida em
100% pela AMTRES – Associação de
Municípios de Cascais, Mafra, Oeiras e
Sintra para o Tratamento de Resíduos
Sólidos.
Abrangendo uma área geográfica de 753 Km2, presta serviço a uma
população de cerca de 840.000 habitantes, o que constitui cerca de 8%
do total nacional em termos populacionais, sendo o terceiro maior
Sistema de Gestão de Resíduos Nacional.
www.tratolixo.pt
|3
Apresentação da Tratolixo E.I.M
A empresa encontra-se certificada segundo a norma NP EN ISO 9001:2008 – Sistema
de Gestão da Qualidade – e pela OHSAS 18001 / NP 4397:2008 – Sistema de Gestão da
Segurança e Saúde no Trabalho – e desde 2013, no caso da nova Central de Digestão
Anaeróbia (CDA) da Abrunheira, encontra-se também certificada segundo a norma da
NP EN ISO 14001:2004 – Sistema de Gestão Ambiental.
www.tratolixo.pt
|4
Apresentação da Tratolixo E.I.M
Dimensão da Organização
23
25 ANOS
ANOS
255
246 COLABORADORES
COLABORADORES
33 CERTIFICAÇÕES
CERTIFICAÇÕES
www.tratolixo.pt
|5
Recepção de Resíduos
Total de resíduos sólidos recolhidos no sistema AMTRES entre 2003 e 2013
A TRATOLIXO recebeu em 2013 um total de 403.830 t de resíduos urbanos e
equiparados a urbanos provenientes dos municípios e de particulares.
O quadro abaixo demonstra a evolução da produção de resíduos sólidos urbanos e
equiparados ocorrida no Sistema desde 2003.
www.tratolixo.pt
|6
Recepção de Resíduos
Distribuição dos resíduos (evolução 2003 – 2013)
500,000
450,000
400,000
350,000
toneladas
300,000
250,000
Monstros
200,000
Resíduos de Limpeza
Resíduos Verdes
150,000
Recolha Indiferenciada
100,000
Recolhas Selectivas
50,000
0
2003
www.tratolixo.pt
2004
2005
2006
2007
2008
2009
2010
2011
2012
2013
|7
Recepção de Resíduos
Distribuição dos resíduos (2013)
12%
42%
20%
80%
47%
40%
6%
30%
24%
www.tratolixo.pt
|8
Principais indicadores do Sistema em 2013
Reciclagem
Em 2013 reciclámos 37% do total de resíduos recebidos
Retoma de Resíduos de Embalagem
42,09% de envio para reciclagem
Envio de RUB para aterro (face a 1995)
21,07%
Produção de energia eléctrica
12.833 MWh
www.tratolixo.pt
|9
Infra-estruturas do Sistema
Com 25 anos de experiência, a empresa aprendeu a valorizar cada vez mais e melhor os resíduos
recebidos dos seus municípios, dispondo de várias infra-estruturas especializadas e dedicadas ao
tratamento dos mesmos.
Estas infra-estruturas distribuem-se pelo Ecoparque de Trajouce (Cascais), Ecoparque da
Abrunheira (Mafra) e Ecocentro da Ericeira (Mafra).
www.tratolixo.pt
| 10
Ecoparque de Trajouce
O Ecoparque de Trajouce está localizado na freguesia de S. Domingos de Rana, concelho de
Cascais, e tem uma área total de cerca de 42,6 ha
www.tratolixo.pt
| 11
Ecoparque de Trajouce
Este Ecoparque está situado junto à subestação de Trajouce, cujo ponto de ligação à Rede
Eléctrica Nacional dista menos de 100 metros. Esta substação abastece uma parte significativa
dos consumos localizados na zona ocidental da Grande Lisboa, servindo os concelhos de Cascais,
Oeiras e Sintra.
Subestação de
Trajouce
Ponto de ligação
CVE
Ecoparque de
Trajouce
www.tratolixo.pt
| 12
Ecoparque de Trajouce
Título
Área total do Ecoparque: 42,6 ha
•Central Industrial de Tratamento de
Resíduos Sólidos (CITRS), com uma área
aproximada de 5ha, com uma capacidade
nominal de tratamento mecânico de
recepção de 150.000 t/ano;
•Central de triagem, prensagem e
transferência de papel e cartão e de
embalagens (CT);
•Ecocentro;
•Aterro sanitário selado, com uma área de
8,2 ha, que tem associado a Central de
Valorização Energética do Biogás do Aterro
Sanitário de Trajouce (CVEBAT);
•Lixeira selada;
•Estação de Tratamento de Águas
Lixiviantes (ETAL);
CTCT
CT
CT
CVEBAT
CITRS
Lixeira
(selada)
Ecocentro
Zona
Zonalivre,
livre,disponível
disponível
para
paraconstrução
construção
ETAL
Aterro sanitário
(selado)
•Zona livre, com cerca de 7ha, que se
encontra disponível para construção.
www.tratolixo.pt
| 13
Ecoparque da Abrunheira
Título
Ecocentr
o
ETAR
I
Aterro Sanitário
(em construção)
Central de Digestão
Anaeróbia
www.tratolixo.pt
| 14
Ecoparque da Abrunheira
Título
Central de Digestão Anaeróbia (CDA)
A CDA foi objecto de comparticipação
pelo Fundo de Coesão (QCA III).
Com uma capacidade de recepção de
200.000 t/ano de resíduos, e de 75.000 t
de tratamento biológico é, à data, a
maior unidade deste tipo em Portugal.
Esta infra-estrutura permite tratar
biologicamente
os resíduos produzindo
ETAR
biogás, que é convertido
emAterro
energia,
e
I
Sanitário
composto de elevada qualidade
que
(em construção)
pode ser utilizado na agricultura.
A CDA entrou em funcionamento, ainda
em fase de testes, em Maio de 2011,
tendo sido feita a sua recepção
provisória em Novembro de 2012.
Ecocentr
o
Central de Digestão
Anaeróbia
A produção de energia eléctrica na CDA
totalizou 11.904,07 MWh em 2013.
www.tratolixo.pt
| 15
Ecoparque da Abrunheira
Título
Aterro Sanitário
Junto à CDA da
Abrunheira estão a ser
construídas células de
confinamento técnico, de
modo a receber a parte
dos refugos dos processos
de tratamento e
ETAR
valorização de resíduos.
I
Aterro Sanitário
Com um volume total de (em construção)
cerca de 2.500.000 m3, as
células ocuparão uma
área total de cerca de
11ha.
Ecocentr
o
Central de Digestão
Anaeróbia
Estima-se a conclusão
desta empreitada no final
de 2015.
www.tratolixo.pt
| 16
Ecoparque da Abrunheira
Título
Estação de Tratamento de Águas Residuais Industriais (ETARI)
Esta instalação de tratamento
é uma infra-estrutura cofinanciada pelo Fundo de
Coesão e visa a depuração
das águas residuais
provenientes
da CDA, do
ETAR
aterro sanitário
e ainda de
I
Aterro Sanitário
águas residuais equiparadas
(em aconstrução)
urbanas provenientes das
instalações de apoio ao
Ecoparque da Abrunheira.
Ecocentr
o
Central de Digestão
Anaeróbia
Entrou em funcionamento em
Maio de 2014.
www.tratolixo.pt
| 17
Ecocentro da EriceiraTítulo
Inaugurado em Julho de 2007, tornou-se o primeiro Ecocentro da TRATOLIXO aberto ao
público, possibilitando que os próprios munícipes realizassem a deposição selectiva de
resíduos valorizáveis que, pelas suas características ou dimensões, não podem ser
depositados nos ecopontos.
Ecocentr
o
ETAR
I
Aterro Sanitário
(em construção)
Central de Digestão
Anaeróbia
www.tratolixo.pt
| 18
Título
www.tratolixo.pt
| 19
O seu futuro é o nosso presente
TRATOLIXO - Tratamento de Resíduos Sólidos, EIM
Estrada 5 de Junho, n.º 1 Trajouce
2785-155 São Domingos de Rana
Tel.: +351 21 445 95 00 - Fax: +351 21 444 40 30
e-mail: [email protected]
www.tratolixo.pt

similar documents